Feitosa Costa

12 de dezembro de 2017

PRP lança pré-candidatura de Ricardo Murad ao governo do Maranhão

“Quero ser governador para que o Maranhão tenha um tempo de paz, de solidariedade, de desenvolvimento.

Em reunião da Comissão Executiva do Partido Republicano Progressista (PRP), nesta terça-feira (12), foi lançada a pré-candidatura de Ricardo Murad ao governo do Maranhão, nas eleições 2018. Na oportunidade, o ex-secretário e ex-deputado apresentou a carta de compromisso com o povo maranhense, destacando os principais projetos, ações e eixos de um programa de governo para os próximos quatro anos.


 Foto: Reprodução 

“Quero ser governador para que o Maranhão tenha um tempo de paz, de solidariedade, de desenvolvimento. Quero por fim ao fisiologismo e à cooptação política com o uso do dinheiro público. Quero um tempo de oportunidade para todos, em que o mérito irá substituir a “camaradagem” e a competência a ineficiência. Quero ser governador porque me sinto preparado para isso. Quero ser governador porque o povo maranhense quer um governo de resultados, que saiba olhar para os mais frágeis e construir um futuro forte, solidário e marcado pelo desenvolvimento. Quero ser governador, porque acredito que chegou a minha vez e estou preparado!”, declarou Ricardo.

Ficou decidido ainda, no encontro, que o partido não terá candidato ao Senado e que vai priorizar as chapas dos candidatos estaduais e federais nas Eleições 2018. Nos próximos dias, a Comissão vai elaborar o calendário de visitas a todas as macrorregiões do Estado para apresentar pessoalmente a carta proposta do candidato aos maranhenses.

“É a primeira candidatura a governador lançada pelo PRP no país. Vamos trabalhar a candidatura do Ricardo e dar apoio aos pretensos candidatos a deputados estaduais e federais, focando junto aos membros do nosso partido. Temos 108 vereadores e queremos a adesão de todos para que nossa campanha cresça. A chegada de Ricardo ao nosso partido foi muito bem recebida e deu uma envergadura ao partido”, ressaltou Severino Sales, vice-presidente nacional do PRP.

Estiveram presentes os deputados estaduais Andrea Murad e Sousa Neto; a ex-prefeita de Coroatá, Teresa Murad; o senador Lobão Filho; o presidente do PRTB, Márcio Coutinho; lideranças políticas e membros da imprensa maranhense.

EIXOS CENTRAIS

Na carta de compromisso, Ricardo Murad apresentou alguns pontos do seu projeto de governo focados em dois eixos centrais, o dos Direitos Sociais e o da Economia e Meio Ambiente, que serão operacionalizados através da criação do Fundo de Garantia para a Universalização dos Direitos Sociais (FGDS), a Agência Estadual de Infraestrutura Digital e o Programa “Itaqui 2018: Maranhão de Portas Abertas ao Mundo”.

Um dos grandes projetos apresentados é a construção da ponte rodoferroviária, que liga São Luís à Baixada Maranhense, onde será criada uma nova zona portuária, possibilitando terminais das ferrovias da Vale, Norte Sul e CFN,  implantação de empresas e outros empreendimentos, acabando com o isolamento de quase uma centena de municípios maranhenses, além de oferecer uma nova via de acesso para a capital.

“A ponte de São Luís à Baixada Maranhense é essencial para alavancar o desenvolvimento do nosso estado. O nosso projeto também visa construir vias expressas e modernizar as rodovias federais, estaduais e municipais, como disse, melhorando plenamente o fluxo de rodovias, ligando São Luís às capitais Belém, Fortaleza, e aqui, incentivando a Rota das Emoções; ligando Teresina, ligando também as regiões Tocantina e Sul, passando por Açailândia e Imperatriz, chegando a Carolina e Balsas, e, claro, melhorando a Rodovia da Produção entre Grajaú e Alto Parnaíba”,  ressaltou Ricardo Murad.

Saúde é Vida

O ex-secretário falou ainda dos resultados alcançados e do trabalho realizado à frente da pasta da Saúde, em que destacou o avanço na assistência e no atendimento à população através do Programa Saúde é Vida.

“Em um curto período, oferecemos aos maranhenses atendimento igual aos melhores serviços de saúde públicos e privados do país. Foram 113 novos hospitais, 11 UPA’s, 7 Centros de Hemodiálise, vários Centros de Medicina Especializada e muitas outras unidades que revolucionaram a medicina maranhense. E pretendo dar continuidade a esse grande avanço, universalizando a saúde pública no estado. E como a mesma visão e empenho, tratarei as demais áreas”, concluiu o pré-candidato ao governo, Ricardo Murad.

Trajetória política

Ricardo Murad já foi deputado estadual, presidiu a Assembleia Legislativa, deputado federal, prefeito de Coroatá, Gerente Metropolitano de São Luís, Secretário de Estado da Saúde e Secretário de Estado da Segurança.   


Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

"Alemão" entra para história ao construir ponte

O prefeito de Parnaguá realiza um sonho da população

O prefeito de Parnaguá, Jondson Castro Fé, o "Alemão" ( Progressistas ) está prestes a realizar um sonho da população local: construída em madeira há décadas, a Ponte dos Timbós, que liga a cidade ao povoado Malhadinha, será entregue em pouco tempo toda feita de concreto, com pré-moldados, proporcionando uma solução definitiva para o beneficio de toda a região. Em todos os anos a ponte apresentava avarias e causava transtornos com as pessoas temendo passar pelo local. Apesar das grandes dificuldades financeiras por que passam quase todos os municípios, "Alemão" vai construir a ponte de concreto, colocando o seu nome como um gestor que conseguiu resolver um problema histórico de Parnaguá.

População corria risco nesta ponte.....

cuja estrutura era assim

A nova ponte, de concreto será definitiva........

bem estruturada e.....

reforçada

COMENTE!

11 de dezembro de 2017

Janaína faz festa e diz que "estou sem freio"

A deputada fez a postagem depois que Paes Landim autorizou a festa

Depois de conseguir no final da tarde, autorização do desembargador Francisco Antônio Paes Landim Filho para fazer uma festa particular na praça em que o prefeito Ronaldo Gomes, de Luzilândia havia proibido com respaldo de decisão da juiza local, a deputada Janaína Marques,comemorou a sentença postando no facebook uma mensagem em que afirma: "aos que tentam me parar, um aviso: estou sem freio e vou até o fim". Foi uma espécie de grito de vitória por ter vencido a queda de braço com seu adversário prefeito. Durante todo o dia desta segunda-feira Luzilândia viveu um clima de tensão protagonizado pela deputada, que também é secretária de Infraestrutura do Estado, afirmando que faria a festa de qualquer maneira.

Os partidários do prefeito Ronaldo, chamado  de "Caçambeiro", espalham em Luzilândia que a vitória de Janaina na Justiça ocorreu porque o desembargador que deu a sentença é irmão do deputado federal José Francisco Paes Landim,correligionário de Janaina e apoiado por ela  em toda a região do Baixo Parnaíba, mas as sete laudas da decisão apresentam fundamentos.A deputada também é criticada por se ausentar "Por vários dias da Secretaria que tem obrigação de administrar".

COMENTE!

Valter Alencar é o pré-candidato do PSC ao governo

Herdeiro da TV Club, o advogado, aceita enfrentar políticos renomados

O PSC estadual vai apresentar candidatos próprios aos cargos majoritários e proporcionais nas eleições de 2018e o advogado Valter Alencar é o pré-candidato do partido ao governo do estado.

Valter Alencar, que também é o presidente do diretório estadual do PSC, está ampliando o diálogo com lideranças políticas e com diferentes segmentos sociais  e afirma que sua candidatura é de oposição, "nessa caminhada, vamos mostrar aos piauienses o que está errado e o que precisa mudar para transformar o nosso estado, o Piauí da virada é agora, não da mais para esperar".

Valter Alencar visitou trinta municípios somente nas ultimas três semanas onde conversa com as bases do PSC, ouve as demandas da população e, quando necessário, implanta diretórios. Isso foi o que aconteceu em Piracuruca, neste final de semana, onde a empresária Rejane Melo tomou posse como presidente do diretório municipal do PSC, em uma reunião com a presença de vereadores de vários partidos e outras lideranças do município , " vamos trazer lideranças importantes aqui do município para o PSC, e todos que estão dispostos a se juntar com a gente nessa jornada por uma Piracuruca e um Piauí melhores para todos", disse a presidente do diretório.

Esse trabalho de fortalecimento do PSC está ocorrendo em todas as regiões do estado, segundo Valter Alencar: "De Marcolândia á Luís Correia estamos organizando o diretórios, recompondo diálogos dentro do PSC e fortalecendo um partido que pensa grande, criando as bases necessárias para o Piauí da virada, daqui pra frente não é possível continuar como está".

Ainda na região norte, em Parnaíba, o pré-candidato esteve com o vice-prefeito do município, que é do PSC, Marcos Samarone, estabelecendo caminhos do partido para 2018, "estamos marchando unidos, em um PSC renovado e revigorado", disse o vice-prefeito da segunda maior cidade do estado.

 Filiação de Valter Alencar ao PSC

  Valter Alencar      (Foto:Reprodução)

COMENTE!

TRE torna Eduardo Paes e Pedro Paulo inelegíveis por oito ano

Eles foram condenados por abuso de poder político-econômico e conduta vedada a agente público, devido ao uso do "Plano Estratégico Visão Rio 500".

TRE torna Eduardo Paes e Pedro Paulo inelegíveis por oito ano 
 Foto: Divulgação / PMDB  

Na sessão plenária desta segunda-feira (11), o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) condenou, por unanimidade, o ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (PMDB) e o deputado federal Pedro Paulo Carvalho (PMDB), que concorreu à Prefeitura do Rio no ano passado, por abuso de poder político-econômico e conduta vedada a agente público, devido ao uso do "Plano Estratégico Visão Rio 500", contratado e custeado pelo município, como plano de governo na campanha eleitoral de 2016.  

Com a decisão, eles ficam inelegíveis por oito anos e deverão pagar, cada um, multa de cerca de R$ 106,4 mil. Os dois ainda podem recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.

De acordo com o relator do processo, desembargador eleitoral Antônio Aurélio Abi-Ramia Duarte, houve desvio de finalidade na contratação, pela prefeitura, da consultoria que produziu o "Plano Estratégico Visão Rio 500".

"A gravidade das circunstâncias encontra-se sobejamente demonstrada por intermédio da estreita correlação entre a contratação e elaboração do plano 'Visão Rio 500', sob a coordenação do investigado Pedro Paulo com a anuência do investigado Eduardo Paes, e a posterior utilização de tudo o que foi produzido na campanha eleitoral dos investigados", considerou.

O magistrado afirmou, ainda, que Eduardo Paes e Pedro Paulo, que era secretário municipal, são "políticos experientes e que ocupavam, à época dos fatos, posições importantes na Administração Municipal. A repercussão econômica social e eleitoral do ato praticado, bem como a gravidade das circunstâncias e a confusão patrimonial entre o que foi custeado pelo Poder Público e o arrecadado e despendido na campanha eleitoral evidencia culpabilidade de alto grau, a permitir a fixação da sanção pecuniária no máximo previsto na legislação".

Ajuizada pela coligação "Mudar é Possível" (Psol/PCB), por Marcelo Ribeiro Freixo e Luciana Boiteux de Figueiredo Rodrigues, a ação havia sido julgada improcedente, pelo Juízo da 176ª Zona Eleitoral, quanto às acusações relativas a Paes e Pedro Paulo. A candidata a vice-prefeita na chapa de Pedro Paulo, Maria Aparecida Campos Strauss, também figurava como investigada no processo, mas em relação a ela a sentença de primeiro grau julgou extinto o processo, sem resolução do mérito, decisão mantida nesta segunda-feira pelo Plenário do TRE-RJ.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Deputada diz que fará festa onde justiça proibiu

O clima está tenso em Luzilândia, zona norte do Estado

O clima está pesado em Luzilândia mesmo diante da penúltima novena dos festejos de Santa Luzia. Tudo por causa de um show público que a deputada Janaína Marques, ex-prefeita, atual secretária de infraestrutura do Estado, vai patrocinar ( não se sabe a origem do dinheiro ) com o renomado cantor Mano Walter. O clima esquentou por que ela quer fazer na praça da igreja, toda ornamentada de natal, com a cor azul do prefeito Ronaldo Gomes, o "Caçambeiro". O prefeito indeferiu e a deputada teimou e disse que fará a festa de qualquer jeito. O prefeito recorreu à Justiça e a juizá da comarca, manteve a decisão para suspender a festa de Janaína e mandou que tal festa deveria ser realizada na praça da Prefeitura, bem maior.

A deputada recorreu ao Tribunal de Justiça para cassar a liminar da juíza e fazer a festa onde deseja, na praça de Santa Luzia.

Resultado de imagem para Prefeito Ronaldo Melo, o Caçambeiro

Prefeito Ronaldo Gomes, o "Caçambeiro"

COMENTE!

10 de dezembro de 2017

Heráclito e Átila vão se filiar ao Democratas

Os dois aguardam apenas a abertura da "janela"

Os deputados Heráclito Fortes e Átila Lira, filiados ao PSB, estão de malas prontas para ingressar no Democratas cuja maior liderança nacional hoje em dia é o deputado Rodrigo Maia, presidente da Câmara Federal. Os dois aguardam apenas a abertura da "janela" legal para mudança de partido. O Democratas deverá receber pelo menos mais 48 deputados de todo o Brasil, tornando-se uma força decisiva no Congresso Nacional. O Democratas é o sucesso do Partido da Frente Liberal ( PFL ) que foi criado em 1984 como uma dissidência do PDS que tinha Paulo Maluf como principal nome.

O PFL foi criado primeiro como uma frente, sendo chamado de Frente Liberal, para viabilizar legalmente a candidatura a vice-presidente da República do então senador José Sarney.Sarney deixou o PDS para figurar na chapa do então ex-governador de Minas Gerais, Tancredo Neves, que havia renunciado ao cargo faltando dois anos e seis meses para concluir o mandato para disputar a Presidência num colégio eleitoral que aparentemente seguia o que o governo determinasse.

Resultado de imagem para Heraclito Fortes e Atila Lira

Heráclito Fortes e Atila Lira              (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Bolsonaro recebe apoio surpreendente de empresários

PIB de olho no político

Foto: O deputado e pré-candidato Jair Bolsonaro (Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)  

Jair Bolsonaro vem colecionando surpreendentes apoios entre os representantes do PIB brasileiro. 

Um grande entusiasta de sua candidatura é Meyer Nigri, da construtora Tecnisa.

O empresário já organizou dois jantares para o deputado em São Paulo.    


Por: Mauricio Lima
Fonte: Veja


COMENTE!

PTB dará aval a qualquer escolha de João Vicente Claudino

Afirmação é do presidente do PTB, Roberto Jefferson, sobre a candidatura do ex-senador

Roberto Jefferson esteve em Teresina 
 Foto: PDT

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, participou na quinta-feira (7), em Teresina, de evento do PTB do Piauí que marcou o ingresso de 28 pessoas à legenda, sendo boa parte empresários, e o anúncio do retorno do ex-senador João Vicente Claudino, marcado para março de 2018. 

O encontro ocorreu no Cine Teatro da Assembleia Legislativa do Piauí e contou com a presença do líder do PTB no Senado Federal, Armando Monteiro (PE); do presidente do PTB piauiense, deputado federal Paes Landim; do 1º secretário-geral do PTB, Norberto Martins; da presidente nacional da Juventude do PTB, Graciela Nienov; da governadora em exercício do Piauí, Margarete Coelho (PP); do prefeito de Teresina, Firmino Filho (PSDB); do presidente nacional do PP, senador Ciro Nogueira; do senador Elmano Férrer (PMDB); e de demais lideranças políticas do Piauí. 

Em seu discurso, o presidente Roberto Jefferson classificou o ex-senador João Vicente Claudino como um homem sério e sensato, e que entrou para a vida pública com honradez e saiu pela porta da frente. Ao elogiar a dedicação e o trabalho desempenhado por João Vicente Claudino em prol dos piauienses, seja na política ou como empresário, o presidente afirmou que o PTB dará aval a qualquer escolha do ex-senador. JVC deve disputar, em 2018, o governo do Piauí ou uma cadeira para o Senado Federal. 

“O PTB tem a certeza de que João Vicente Claudino vai orientar essa opção segundo a avaliação do que for melhor para o Piauí e o fortalecimento do nosso partido. O caminho que ele escolher, estaremos do seu lado”, ressaltou Roberto Jefferson. 

O presidente do PTB salientou também a coordenação feita por JVC, trazendo para a sigla empresários de grande porte. “O partido se engrandece, se valoriza, melhora a sua representação para dar o melhor de si ao Piauí e ao Brasil.” Na ocasião, o líder petebista destacou, ainda, a qualidade de governo, o discurso liberal e as posturas ideológicas do prefeito de Teresina, Firmino Filho, que prestigiou o encontro do partido. 

“À disposição” 

No encontro realizado nesta quinta-feira, o ex-senador João Vicente Claudino afirmou que o compromisso de voltar ao PTB está firmado, e se colocou à disposição para disputar, pela oposição, o governo do Piauí em 2018. 

“Eu acho que a gente entra para ajudar a construir possibilidades, e se meu nome ou o de outra pessoa, seja do PTB ou não, possa contribuir essa viabilidade que eu acredito para o Piauí, que assim seja. Eu estou à disposição”, frisou. 

Filiados 

Os mais novos petebistas são: Joaquim Costa, Gilberto Pedrosa, Sérgio Bortolozzo, Arthur Feitosa, Welder Melo, Landerson Carvalho, Gilberto Cordeiro, Celso Pires, Antônio Cruz, Ocílio Lago, Ricardo Mendes, Matias Castro, João Alves, Andrade Júnior, Alípio Castelo Branco, Sílvio Romano, Michel Saldanha, Eldo Júnior, Flávia Moita, Alberto Monteiro, Mikaela Mascarenhas, Robério Cantalice, Gustavo Ramalho, Francisco Ramalho, José Maria Vieira, Dênis Cavalcante, Antônio Trindade e Francisco Castelo Branco. 




Fonte: PTB
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Sarney recebe os cumprimentos de Zé Reinaldo Tavares, mas depois lava as mãos com álcool

Ele foi o responsável pela criação política do governador Flávio Dino, que também caminha para derrotar o grupo pela segunda vez.

O ex-presidente da República e ex-senador José Sarney, após vários anos, teve que aceitar os cumprimentos da sua maior decepção na política, que lhe traiu e conseguiu tirar sua família do poder por duas vezes: o ex- apadrinhado José Reinaldo Tavares. 

O encontro aconteceu na quadra do Ceuma, durante os Jogos dos Amigos, hoje. Familiares de Sarney já perdoaram a traição de Tavares, que elegeu Jackson Lago, impondo uma derrota para Roseana Sarney. Ele foi o responsável pela criação política do governador Flávio Dino, que também caminha para derrotar o grupo pela segunda vez.

 
 Foto: Reprodução 

No vídeo abaixo, Zé Reinaldo se aproxima de Sarney com a maior naturalidade e estende a mão. O ex-senador, educadamente, aceita o cumprimento, mas não deu muita trela ao ex-amigo, que ainda insiste em tentar conversar. Uma pessoa próxima do ex-presidente revelou ao blog que Sarney foi ao banheiro e lavou as mãos com álcool.    



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Lula pensa em isenção de IR a pessoas com salário de até R$ 5 mil

Medida faz parte de ações desenhadas pela equipe econômica do ex-presidente

Lula pensa em isenção de IR a pessoas com salário de até R$ 5 mil 
 Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação  

A equipe econômica do ex-presidente Lula começa a desenhar uma série de propostas a serem apresentadas durante a corrida eleitoral de 2018. Uma das principais, segundo o jornal Folha de S. Paulo, seria isenção do imposto de renda para pessoas com salário de até R$ 5.000.  

O time de Lula avalia que a medida teria baixo impacto em termos de arrecadação e ampliaria o poder de compra de boa parte da população.

A equipe do ex-presidente também está focada em "decifrar" os eleitores de Jair Bolsonaro, principal concorrente do petista até o momento, segundo as mais recentes pesquisas eleitorais. De acordo com estudos encomendados pelo partido, os apoiadores do parlamentar têm forte presença no Rio de Janeiro e em estados tradicionais no agronegócio. Também revelaram eleitores engajados e dispostos a investir dinheiro do próprio bolso em ações que impulsionem a capilaridade do deputado, atualmente forte em setores ligados à segurança.


Fonte: Notícias ao Minuto 


COMENTE!

09 de dezembro de 2017

Ex-prefeito arremata 1 milhão em cavalos

Causando revolta.


Foto: Reprodução

O ex-prefeito de Coelho Neto, Soliney Silva, arrematou R$ 1 milhão e R$ 50 mil em cavalos no primeiro dia da Exposição Agropecuária de Teresina, causa do revolta entre interessados que queriam apenas um animal.   

Coelho Neto, no Maranhão, fica em frente ao município piauiense de Miguel Alves Soliney  é piauiense de São João do Piauí e entrou na politica maranhense por que casou com a filha do líder politico Guanabara.

COMENTE!

Morre o sogro do deputado João Madson

Ele morreu no final da tarde de ontem

O empresário Cardoso de Araújo Filho, 84 anos, sogro do deputado João Madson Nogueira, foi sepultado hoje, às 7 horas no Jardim da Ressurreeição.  

Cardosinho, como era mais conhecido, estava doente há algum tempo.Ele morreu no final da noite de ontem.

COMENTE!

'Perseguição' a Lula mostra que direita 'não tem candidato', diz Dilma

Ex-presidente fez declarações durante conferência em Montevidéu, no Uruguai, nesta sexta

'Perseguição' a Lula mostra que direita 'não tem candidato', diz Dilma 
  Foto: Rafael Marchante / Reuters  

A ex-presidente Dilma Rousseff afirmou nesta sexta-feira (8) que a "perseguição judicial" contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ocorre porque a direita "não tem um candidato" para as eleições de 2018. As informações são da agência EFE.  

A petista fez declarações durante conferência em Montevidéu, no Uruguai. "Se tivessem um candidato não tentariam tanto destruir o Lula. Querem destrui-lo porque não têm um candidato", disse a ex-presidente.

Dilma comparou a situação com o impeachment sofrido por ela. "É como o meu golpe, eles consideraram durante um tempo que era justo e nós temos que desmontá-lo e mostrar que é uma perseguição política e uma injustiça", afirmou.

Por isso, Dilma defendeu que os brasileiros se empenhem para escolher um candidato na próxima eleição. "Para nós é fundamental conseguir reverter este projeto, e este só poderá ser revertido agora em 2018, se não a luta de longo prazo é muito mais dura", comentou.

"A democracia para nós é o lado certo da história, sempre que estivemos com a democracia, ganhamos. Sempre que aprofundamos a democracia, ganhamos. E sempre que a radicalizamos, ganhamos. Agora estamos em um momento em que vamos resistir, Lula será candidato a presidente do Brasil", disse.

A ex-presidente fezi o discurso o ato de encerramento do 31° Congresso da Associação Latino-Americana de Sociologia, que começou no último (3) e terminou nesta sexta. O evento foi organizado junto ao Conselho Latino-Americano e Caribenho de Ciências Sociais (Clacso).


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

08 de dezembro de 2017

Mão Santa fará reforma em janeiro

A vereadora Neta Castelo Branco aderiu ao Governo de Mão Santa

 Foto: Reprodução

O prefeito de Parnaíba, Francisco de Assis Moraes Souza, o Mão Santa, está pensando em fazer uma reforma parcial do seu secretariado a partir de Janeiro.

Como o vereador João sinho da Unimagem deixou a base do Governo  o prefeito convidou a vereadora do Democratas Neta Castelo Branco, que aceitou.

COMENTE!

Alkmin vai pedir a Firmino que dispute o Governo

O governador de São Paulo será eleito neste sábado presidente nacional do partido

Foto: Reprodução 

Depois de ser eleito presidente nacional do PSDB, em convenção que será realizada neste sábado, em Brasília, o governador de São Paulo, Geraldo Alkmin, deverá fazer um apelo público ao prefeito de Teresina, Firmino Filho, para que seja candidato a governador do Piauí, defendendo a formação de um palanque viavel no Estado.

Firmino Filho deixa Teresina consciente de que será convocado para disputar o Governo aumentando as possibilidades que ele mesmo deixou em aberto.O prefeito tem dito que a prioridade é terminar o mandato mas reconhece que os apelos de amigos e correligionários para que entre na disputa são muito fortes e não descarta a possibilidade.

COMENTE!

'Lula quer voltar à cena do crime', atacará Alckmin em convenção

A fala dura contra Lula e o PT contrasta com o estilo conciliador de Alckmin

'Lula quer voltar à cena do crime', atacará Alckmin em convenção 
 Foto: DR

Em tom muito mais duro que o habitual, o governador Geraldo Alckmin assumirá o comando do PSDB com uma fala crítica ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, seu possível adversário nas eleições presidenciais. A declaração compõe o discurso, cujos trechos da última versão a reportagem teve acesso.  

"Os brasileiros não são tolos. Sabem, hoje, do método lulopetista de confundir para dividir, iludir para reinar", dirá o tucano na convenção partidária marcada para este sábado (9), em Brasília.

"Mas vejam a audácia dessa turma. Depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder. Ou seja, meus amigos: ele quer voltar à cena do crime."

A fala dura contra Lula e o PT contrasta com o estilo conciliador de Alckmin, cuja pertinência é questionada por setores da classe política em meio à crise e polarização no país.

Com seu estilo de "jogar parado", porém, o governador paulista se fortaleceu dentro do PSDB, e hoje tem favoritismo para se lançar à Presidência.



Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

Filho do ex-prefeito de Barra do Corda é preso e confessa autoria do crime contra o pai

Mariano Júnior é acusado de ser o mandante da morte do pai.

O secretário de Segurança Pública do Maranhão acabou de confirmar à família Telles que Mariano Júnior foi preso e confessou a autoria do crime contra o próprio pai, o ex-prefeito de Barra do Corda, Nenzin.

A polícia trabalha desde ontem com a linha de investigação que apontava o filho como o autor da morte do pai. 

 
 Foto: Reprodução

A prisão aconteceu nesta madrugada e foi feita por policiais militares. Mariano Júnior é acusado de ser o mandante da morte do pai. Ele teria sido assassinado por Luzivan, mais conhecido por Vaqueiro, que trabalha em uma das fazendas do ex-prefeito de Barra do Corda.

Segundo versão da polícia, Vaqueiro seria a terceira pessoa que estava no mesmo carro que levava pai e filho a uma fazenda. Ele seria o autor dos disparos.

Nenzin vinha desconfiando do sumiço do gado e exigiu na quarta-feira passada, dia 06 deste,que queria contar o número de cabeça de bois. Na última vez, deixou 600, mas a polícia contou no dia do crime e só estavam na fazenda cerca de 120.



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Lula recebeu US$ 1 milhão de ditador líbio para campanha, diz Palocci

Informação consta na proposta de delação premiada entregue ao Ministério Público pelo ex-ministro

Lula recebeu US$ 1 milhão de ditador líbio para campanha, diz Palocci 
 Foto: Rodolfo Buhrer / Reuters  

Preso desde setembro de 2016, o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci negocia acordo de colaboração premiada com a Lava Jato há cerca de sete meses. Condenado a 12 anos por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, um dos fundados do PT detalha, em sua proposta de delação, a relação financeira entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ditador líbio Muammar Kadafi.  

De acordo com informações da revista Veja, as declarações de Palocci ao Ministério Público Federal (MPF) teriam potencial para fulminar o partido e o próprio Lula. Segundo o ex-ministro, a campanha do petista em 2002, quando foi eleito pela primeira vez, teria recebido um milhão de dólares do ditador.

Kadafi, que mantinha uma relação próxima com Lula, foi capturado e morto por forças rebeldes, em 2011, perto da cidade onde ele nasceu, Sirte. Ele tinha 69 anos e foi atacado quando integrava um comboio que tentava fugir da cidade.

Notícias ao Minuto

Muammar chegou ao poder após um golpe, em 1969. Em mais de 40 anos, o governo foi acusado de violação de direitos humanos contra o povo e também de estar ligado a ataques terroristas.  


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

João Vicente Claudino é candidato ao governo em 2018

O ex-senador retorna ao PTB em março para disputar as eleições

Ex-senador João Vicente Claudino 
 Foto: Reprodução

Sem partido desde abril de 2016, o ex-senador João Vicente Claudino retorna ao PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) em março para disputar a eleição de governador em 7 de outubro de 2018. JVC participou da encontro do PTB, ontem (7) à noite, no Cine Teatro da Assembleia Legislativa do Piauí, quando avisou que está voltando. "Ninguém se perde no caminho de volta”. 

“Vamos voltar ao PTB no mês de março que é o momento da janela [partidária] democrática, mesmo que eu não precise dela, mas foi o momento construído com as lideranças do PTB para nós voltarmos ao partido. O compromisso está firmado”, revelou o ex-senador, que tem sido procurado pelos dois lados na disputa. Tanto o governador Wellington Dias quanto a oposição querem JVC no palanque durante a campanha do ano que vem. 

João Vicente Claudino acrescentou que não vai haver imposição do seu nome como candidato. “Eu não imponho nada. A gente entra para ajudar a construir possibilidades. Se meu nome ou o nome de outra pessoa, seja do PTB ou não, possa construir essa viabilidade que eu acredito para ao Piauí, que assim seja. Eu estou à disposição. Quem diz é o povo”. 

O ex-senador aposta nas pesquisas para medir a aceitação desse ou daquele candidato. “As pesquisas vão pesar, porque elas são balizadoras”. 

Em não sendo ele o candidato ao governo, João Vicente Claudino admite apoiar outro nome, inclusive o do prefeito de Teresina. “Firmino poderia contar com o meu apoio sim, tranquilamente, porque eu acredito no trabalho do prefeito e temos mais ou menos a mesma afinidade política e já sou eleitor dele de três eleições, só não votei nele em 2012, porque o Elmano era meu candidato à reeleição. Então acho que seria uma grande opção para o governo do estado”, avaliou o ex-senador.



Fonte: PTB
Editor: Paulo Pincel  


COMENTE!

07 de dezembro de 2017

STF quebra sigilo fiscal e bancário de Aécio Neves desde 2014

A decisão também foi aplicada à irmã do senador, Andrea Neves

STF quebra sigilo fiscal e bancário de Aécio Neves desde 2014 
 Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado  

O Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou a quebra de sigilo fiscal e bancário do senador Aécio Neves (PSDB-MG), durante o período de 1º de janeiro de 2014 a maio de 2017.  A decisão foi decretada pelo ministro Marco Aurélio Mello.  

Segundo revela o jornal O Estado de S. Paulo, a quebra de sigilo também foi aplicada à irmã do senador, Andrea Neves, seu primo, Francisco Pacheco de Medeiros e de Mendherson Souza, ex-assessor do senador Zezé Perrella (PMDB-MG). Todos são investigados no âmbito da Operação Patmos.

A Procuradoria-Geral da República denunciou Aécio ao STF por suposto recebimento de propina, paga por Joesley Batista, um dos donos da JBS, no valor de R$ 2 milhões. Segundo a denúncia, o valor foi solicitado por Andrea Neves para pagar advogado do senador. No entanto, para a PGR, o dinheiro era uma contrapartida por favores do senador ao grupo J&F.

Frederico Pacheco e Mendherson Souza foram acusados por terem intermediado o recebimento dos valores.

Mello determinou a quebra dos sigilos e justificou que a medida tem o objetivo de rastrear a origem e o destino de recursos supostamente ilícitos.

Andrea, Frederico e Mendherson são investigados junto com Aécio por corrupção passiva. Aécio também é investigado tentar interromper as investigações da Lava Jato. 

A defesa do senador ainda não se pronunciou sobre a decisão.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Governadora decreta ponto facultativo na sexta-feira (8)

Margarete Coelho assinou decreto no Palácio de Karnak

Governadora do Piauí, em exercício, Margarete Coelho 
 Foto: Benonias Cardoso

Governadora do Piauí, em exercício, Margarete Coelho, decretou ponto facultativo nesta sexta-feira (8) no Estado. O decreto considerou que o feriado religioso de 8 de dezembro, - Dia de Nossa Senhora da Conceição, de acordo com a Lei 2.275, de 11 de janeiro de 1994, alterada pela Lei 2.847 de 22 de novembro de 1999, no município de Teresina. 

O decreto também lembra que el vários municípios piauienses existem leis municipais estabelecendo o feriado religioso no dia 8 de dezembro para as comemorações alusivas às festas religiosas de Nossa Senhora da Conceição. 

Governadora em exercício Margarete Coelho
 Governadora em exercício, Margarete Coelho, em solenidade nesta quinta-feira (7) 



Fonte: Palácio Karnak 

COMENTE!

06 de dezembro de 2017

Assassino usa moto recolhida a pátio da Polícia

Apreendida numa boca de fumo a moto sumiu do depósito da Polícia Civil

Uma motocicleta que deveria estar recolhida ao depósito de veículos apreendidos da Polícia Civil, localizado no bairro Sacy, nas imediações da Academia de Policia, foi utilizada por um suposto traficante de nome ainda não revelado, para executar com três tiros o viciado em drogas Cosme Damião dos Santos Neto. O crime aconteceu no bairro Colorado, perto do conjunto Renascença. O atirador chegou  na moto e começou a disparar em Cosme, que se encontrava sentado na calçada de sua residência. A mãe da vítima, Luciana de Sousa Santos Camelo, saiu correndo de dentro de casa e se agarrou com o atacante. A mulher foi alvejada mas o criminoso teve que deixar a motocicleta no local.

Levantamento feito posteriormente descobriu que a motocicleta havia sido apreendida em 2016 em frente a uma boca de fumo no bairro Água Mineral, levada para a Central de Flagrantes juntamente com o homem que estava com ela e feito todos os registros legais. A seguir, o veiculo foi encaminhado para o depósito da Polícia. Depois do crime, constatou-se que não havia nenhuma autorização judicial liberá-la. Policiais que investigaram a execução ficaram espantados quando descobriram que a moto deveria estar recolhida ao depósito.

Resultado de imagem para depositos de veiculos roubados da Policia cívil

(Foto: reprodução)

COMENTE!

Ciro quer Júlio vice para disputar Governo em 2022

A revelação foi feita por um grande amigo do senador

Politico ligado ao senador Ciro Nogueira confidenciou na manhã de hoje para este repórter que o senador Ciro Nogueira não abre mão de indicar o candidato a vice-governador de Wellington Dias na chapa de reeleição de 2018 porque pretende ser candidato ao governo do Estado em 2022 e foi mais além: " o nome preferido do senador é o do deputado estadual Júlio Arcoverde, em quem confia plenamente".

A vice-governadora Margarete Coelho seria convencida a voltar para a disputa de  deputada estadual, herdando todos os colégios eleitorais de Júlio Arcoverde, tendo uma eleição tranquila.

Essa mudança na indicação do vice, porem, poderia causar algum problema porque o PT confia quase que totalmente em Margarete e não em Júlio Arcoverde, praticamente irmão de Ciro Nogueira.

Resultado de imagem para Júlio ARcoverde

Júlio Arcoverde: Homem de confiança 

COMENTE!

Ciro quer Marcelo Castro como candidato ao Senado

O movimento de Nogueira nesse sentido é claro

Considerado hoje como inimigo politico do PMDB, o senador Ciro Nogueira se movimenta com desenvoltura nos bastidores para convencer o deputado federal Marcelo Castro a trabalhar os convencionais da agremiação para ser candidato a senador da República junto com ele na chapa encabeçada pelo governador Wellington Dias. A iniciativa corre sério risco porque o deputado Themístocles Filho e o ex-ministro João Henrique de Almeida Souza poderiam derrubá-la na convenção.

Ciro não abre mão da indicação do candidato a vice-governador na chapa de Wellington e não existe certeza se repetirá o nome de Margarete Coelho. A vice-governadora trabalha para permanecer mas já deve saber que dentro do seu partido, o Progressistas, é vista hoje como uma pessoa de grande confiança do governador Wellington Dias. "A Margarete se afastou muito do partido e ficou mais esses últimos anos ao governador do que ao senador", disse um prefeito do sul do Estado filiado ao Progressistas.

Resultado de imagem para ciro nogueira

Ciro Nogueira        (Foto: Reprodução)

Resultado de imagem para Marcelo Castro

Marcelo Castro        (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Pela 1ª vez na tribuna, Tiririca dá adeus à política

Ao final do rápido discurso, ele recebeu alguns aplausos, como do colega Esperidião Amin (PP-SC).

 

Eleito com mais de um milhão de votos em 2014, o deputado Tiririca (PR-SP) subiu à tribuna da Câmara nesta quarta-feira para anunciar que faria seu primeiro e último discurso, afirmando que vai "deixar a política". Tiririca disse que deixará o Parlamento "triste para caramba" e acrescentou que o que acontece na política e também no Congresso é "vergonhoso".

— Subo pela primeira vez e a última (à tribuna). Estou saindo triste para caramba, estou muito chateado mesmo com o Parlamento.

— Não fiz muita coisa, mas pelo menos fiz o que fui pago para fazer. O que vi nestes sete anos saio com vergonha. Mas gostaria que vocês - só um pedido de gente, de povo - olhassem mais para o povo — disse Tiririca.

O parlamentar disse parlamentares têm "mordomia" e ganham bem.

— Nem todos os 513 trabalham. É vergonhoso: ando de cabeça erguida porque tenho coragem, mas muitos de vocês andam disfarçados. Já vi deputados envergonhados. A gente é bem pago, R$ 23 mi limpos, tem apartamento, mordomia. Não fiz nada, mas o pouco que eu fiz, fiz de cabeça erguida. É vergonhoso, é uma vergonha — disse ele, repetidas vezes.

Nestes sete anos, Tiririca ficava no canto do plenário e sentava nas cadeiras destinadas a assessores e não nas reservadas aos deputados. Artista, tendo a profissão de palhaço, o parlamentar sempre preferiu ficar no canto, sempre aceitando tirar fotos e selfies pedidas.

Ao final do rápido discurso, ele recebeu alguns aplausos, como do colega Esperidião Amin (PP-SC).


Fonte: O Globo


COMENTE!

Capitão-PM é denunciado pelo MPE por feminicídio

Promotor Benigno Filho denunciou Allisson Wattson por homicídio qualificado

Camila Abreu 
 Foto: Arquivo pessoal

O promotor de Justiça, João Mendes Benigno Filho, representante do Ministério Público do Estado do Piauí, apresentou denúncia nessa terça-feira (5) contra o capitão da Polícia Militar, Allisson Wattson da Silva Nascimento, 37 anos, assassino confesso da estudante de Direito Camilla Pereira de Abreu, morta com um tiro de pistola .40 no rosto, na madrugada do dia 26 de outubro passado, em Teresina.. 

A denúncia foi baseada no inquérito policial, finalizado na quinta-feira passada (30/11), que concluiu a materialidade do feminicídio, praticado por motivo torpe, sem chance de defesa da vítima. 

“O capitão, de forma voluntária e com animus necandi (intenção de matar), ceifou a vida de sua namorada, Camilla Pereira de Abreu, no interior do veículo Corolla de placa NIF 8022, cor azul de que tinha posse o acusado. A autoria restou evidenciada nas informações prestadas por amigos e familiares que atestam o intenso ciúme do acusado contra a vítima, além da confissão do denunciado no interrogatório perante autoridade policial na Delegacia de Homicídios”. 

Ainda segundo a denúncia do promotor Benigno Filho, Allisson Wattson foi denunciado pela prática do crime de feminicídio qualificado, por motivo fútil [intenso ciúme da vitima] e recurso que impossibilitou a defesa da ofendida, ocultação de cadáver e fraude processual. 


Fonte: MPE-PI
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Tribunal de Contas liga Lula a prejuízo de R$ 1,3 bilhão na Petrobras

Plenário da Corte analisará se abre um processo específico para investigar a atuação do ex-presidente e de autoridades de seu governo

Tribunal de Contas liga Lula a prejuízo de R$ 1,3 bilhão na Petrobras 
 Foto: Ueslei Marcelino / Reuters  

Uma auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) indica responsabilidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em prejuízos nas obras da Petrobras investigadas na Lava Jato.  

Relatório da corte, obtido pela reportagem, diz que o então presidente liberou em 2010 o repasse de recursos para empreendimentos que, já naquela época, tinham irregularidades graves e, conforme a lei orçamentária aprovada pelo Congresso, deveriam ter sido paralisados. A continuidade dos serviços teria causado "dano ao erário".

Procurada, a defesa de Lula não comentou.

A lista inclui obras do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e das refinarias Abreu e Lima, em Pernambuco, e Presidente Getúlio Vargas (Repar), no Paraná, tocadas por empreiteiras acusadas, a partir de 2014, de envolvimento no esquema de cartel e corrupção que sangrou a estatal. Só no caso da Repar, que será julgado pelos ministros do tribunal nesta quarta (5), a perda apontada é de R$ 1,3 bilhão.

O plenário da corte analisará se abre um processo específico para investigar a atuação de Lula e de autoridades de seu governo ao evitar que as obras parassem. Caso a medida seja aprovada, será o primeiro processo na corte de contas a mirar o ex-presidente por prejuízos nas obras.

No Judiciário, ele é alvo de inquéritos e ações penais por, supostamente, receber recursos de empreiteiras desviados de obras.

Como ocorre anualmente, o TCU enviou à Comissão Mista de Orçamento do Congresso, em 2009, a lista dos contratos que, no seu entendimento, deveriam ter a verba prevista no orçamento do ano seguinte bloqueada devido aos problemas constatados em fiscalizações. A palavra final sobre a adoção da medida cabe aos congressistas.

Naquele ano, ao aprovar a lei orçamentária, o Legislativo concordou em barrar o financiamento às obras até que as irregularidades fossem sanadas. O TCU apontou sobrepreço nas planilhas de custos e restrição à competitividade nas licitações.

Lula, no entanto, seguindo orientações dos ministérios do Planejamento e de Minas e Energia, ao qual está vinculada a Petrobras, vetou os dispositivos que impunham as restrições aos empreendimentos ao sancionar a legislação. Na ocasião, justificou que a medida sacrificaria 25 mil empregos e geraria custos mensais de R$ 268 milhões com a "desmobilização" e a "degradação" de trabalhos realizados.

A decisão de Lula gerou críticas de ministros do TCU e de integrantes da oposição na época. O avanço de obras da Petrobras foi, naquele ano, um dos feitos de governo explorados pela candidata à sucessão de Lula, Dilma Rousseff, que havia presidido o Conselho de Administração da estatal.

Na auditoria sobre o caso, o TCU alega que o veto de Lula foi "inusitado" e afrontou a Lei de Diretrizes Orçamentárias da época. "Não se teria ciência de outro registro histórico sobre caso semelhante", diz trecho do relatório.

Para a corte, há indícios de que Lula usurpou competência da Comissão Mista de Orçamento, pois a LDO atribuía ao colegiado, e não ao presidente, competência para deliberar sobre os empreendimentos.

Além disso, o veto teria sido aplicado sem observar exigências da lei, como somente liberar os projetos mediante garantias para a cobertura dos danos potenciais ao erário – normalmente feito por meio de caução ou seguro.

Também seria necessária prévia realização de audiência pública para apresentar justificativas, por escrito, à liberação das obras.

Além da abertura de investigação sobre o ato de Lula, a auditoria propõe responsabilizar e bloquear os bens do então presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, por perdas em obra da Repar. As mesmas medidas já foram tomadas contra Gabrielli em outros processos, relativos a empreendimentos distintos.

O relatório diz que a investigação avaliará os atos "subjacentes" ao veto e ao "consequente dano ao erário" resultante da liberação para o prosseguimento das obras "maculadas com a necessidade de paralisação por irregularidade grave", com a "evidente desconsideração à expressa competência da Comissão Mista de Orçamento de deliberar previamente sobre o prosseguimento das obras".



Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

Ex-prefeito de Barra do Corda é executado a tiros

Manoel Mariano de Sousa, o "Nenzim", foi baleado no pescoço na manhã desta quarta-feira

Ex-prefeito Nenzim 
 Foto: Reprodução

O ex-prefeito Manoel Mariano de Sousa, o "Nenzim", de Barra do Corda, no Maranhão, morreu na manhã desta quarta-feira (6), no Hospital de Emergência de Presidente Dutra. Ele foi vítima de um atentado a bala logo nas primeiras horas desta quarta-feira, na cidade onde morava. 

Alvejado com pelo menos um tiro na região do pescoço, o político chegou em estado grave à cidade vizinha, não resistiu e faleceu. Nenzim era pai do deputado estadual Rigo Teles (PV) e de Pedro Teles – este recentemente condenado pelo assassinato de um trabalhador rural, crime ocorrido em 1997. Ele foi prefeito de Barra do Corda por três vezes, tendo deixado o último mandato em 2012.


Fonte: Reprodução
Editor: Paulo Pincel 


COMENTE!

05 de dezembro de 2017

Delegados gerais são homenageados por Reedel

Ex-delegados gerais agora têm galeria na sede do órgão

Os ex-delegados gerais da Polícia Civil do Estado do Piauí foram homenageados ontem pela manhã com a criação da galeria daqueles que passaram pelo cargo numa iniciativa do delegado geral Reedel Batista que disse ser uma maneira de reconhecer o trabalho de todos.Na solenidade, presidida por Reedel, a emoção maior foi protagonizada pelo delegado Francisco Carlos do Bonfim Filho, que se encontra numa cadeira de rodas. Ao afirmar que "amo  a minha Polícia Civil", Bonfim começou a chorar e imediatamente recebeu o apoio dos colegas com uma salva de palmas. O ex-delegado geral Eduardo Ferreira fez um discurso técnico em que mencionou algumas conquistas da Polícia Civil, destacando a autonomia financeira materializada na gestão de Fávio Abreu.

Eduardo Ferreira hoje se encontra na condição de delegado regional baseado na cidade de Parnaíba onde tem responsabilidade sobre 11 municípios. Eduardo Ferreira foi delegado geral na época em que foi secretário o delegado federal Antônio José Moraes

Eduardo Ferreira, James Guerra, Raimundo Leite, Hildete Evangelista, Bonfim Filho, Mamede, Laercio Eulálio, Luis Evangelista, Cipriano Leite e Francisco das Chagas Santos Costa, o Bareta.

Reedel Batista, atual delegado geral, Eduardo Ferreira, Bonfim Filho e um auxiliar da Delegacia Geral

COMENTE!

"Parnaíba agora é a verdadeira cidade maravilhosa"

Mão Santa diz que violência e corrupção levaram o Rio a perder o título

O prefeito  Francisco de Assis Moraes Souza, o Mão Santa, afirmou, no último domingo à noite, na Praça da Graça, quando homenageava a Banda de Musica da cidade, que o Rio de Janeiro perdeu o título de cidade maravilhosa, devido à violência e à corrupção, para Parnaíba, "a cidade mais bonita do mundo". Ele garantiu que a sua terra é "o melhor lugar do mundo para se viver". Mão Santa afirmou ainda que o povo está resgatando o orgulho de ser parnaibano". A Praça da Graça, tomada por drogados há anos e que  se encontrava às escuras, voltou a ser frequentada durante a noite pela população depois de restaurada "com todos os seus encantos".

Resultado de imagem para Mão Santa

Prefeito Mão Santa         (Foto: reprodução)


COMENTE!

Lei vai obrigar climatização dos ônibus intermunicipais

Pela lei proposta pelo deputado Dr. pessoa, toda a frota terá que ter ar condicionado

Deputado estadual Dr. Pessoa (PSD) 
 Foto: Paulo Pincel

Se depender da vontade dos deputados toda a frota de ônibus intermunicipais no Piauí será climatizada. Ou seja, o que não foi aprovado pela Câmara Municipal de Teresina vai valer para o transporte urbano de passageiros entre as cidades do Piauí. A obrigatoriedade do ar condicionado nos ônibus que fazem linhas intermunicipais foi proposta pelo deputado Dr. Pessoa (PSD) e aprovado nesta terça-feira (5) pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa. 

O projeto de lei teve parecer favorável do deputado Aluísio Martins (PT), que apresentou emenda modificativa apenas para ampliar o prazo para que as empresas possa adaptar os veículos usados à legislação.

De acordo com a emenda do parlamentar petista, as empresas terão prazos de três anos para colocar ar condicionado em 50% da frota, de quatro anos, em 75%, e de cinco anos, em 100%. O autor da proposição tinha estabelecido um prazo de três anos para atendimento à determinação legal. Os veículos novos terão de ser dotados de ar condicionado.Aluísio Martins disse que a proposição tem um grande alcance social e leva em conta a necessidade de que os usuários sejam tratados com maior dignidade pelo sistema de transporte coletivo intermunicipal.

Dr. Pessoa agradeceu o deputado do PT pelo parecer favorável e declarou que seu Projeto de Lei beneficia a população piauiense que vive em um lugar muito quente. 



Fonte: Alepi
Editor; Paulo Pincel 

COMENTE!

Dudu defende a redistribuição do Orçamento de Teresina

O vereador do PT pediu a revisão das verbas destinadas à Semtrans e Strans

Vereador Edilberto Borges, o Dudu (PT) 
 Foto: Assessoria

O vereador Dudu (PT) defende que o orçamento de Teresina para 2018 tenha suas verbas redistribuídas, para melhor atender as necessidades da capital. O parlamentar sugere que verbas de órgãos como Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) sejam revistas e uma parte repassada para as áreas que menos recebem recursos, apesar de demandar mais verbas para a realização efetiva do trabalho. 

“Para o ano passado, nós tínhamos 3 milhões e 699 mil reais para a política de mulheres. Em 2018, estamos encolhendo o orçamento para as Políticas de Mulheres, 2 milhões e 600 mil, totalizando 0,8%. Mais grave é para juventude, no ano de 2015 destinávamos 4 milhões e 700 mil reais, em 2016 baixou para 3 milhões, mas mesmo assim ainda representava 0,13% do orçamento. Em 2017, para a juventude quase 5 milhões e agora em 2018, estamos destinando 2 milhões e 600 mil. Por isso eu estou sugerindo para que a gente possa discutir aqui a redistribuição de pelo menos 7 milhões. De onde? 3 milhões da STRANS, 2 milhões da Secretária de Governo, 2 milhões da Secretaria de Comunicação, para que a gente possa melhorar essas duas áreas. Assim, nós vamos ter um orçamento a altura”, defende o vereador. 

Para Dudu, Teresina precisa investir mais nessas áreas. “Esperamos que essa Casa tenha a sensibilidade para remanejar esses recursos. Em Teresina, a maior parte da população é composta por mulheres e dessa parcela, muitas são jovens. Por isso, nossa proposta é por mais orçamento para desenvolver ações voltadas para essa parcela da população”, finalizou. 



Fonte: Assessoria 

COMENTE!

Primeira pesquisa nacional no Maranhão mostra empate técnico entre Roseana e Flávio Dino

De acordo com os números, Flávio Dino estaria com 37%, Roseana com 35% dos votos

O Instituto Vox Populi foi o primeiro instituto de abrangência nacional a realizar uma pesquisa sobre a corrida eleitoral no Maranhão. De acordo com os números, Flávio Dino estaria com 37%, Roseana com 35% e o terceiro colocado Eduardo Braide (PMN) com 7%. 

 
 Foto: Reprodução 

Os resultados do Instituto Vox Populi contradizem completamente o último levantamento feito pela Exatas, contratada pelo jornal governista, o Pequeno. Exatas diz que Flávio Dino tem 63%  dos votos e que ganharia a eleição no primeiro turno.

Confira abaixo os resultados do Vox Populi

 



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

'Não fiquem com essa bobagem de que não vou ser candidato', diz Lula

Ex-presidente passou por Vitória (ES), ontem, e chega com sua caravana a Campos dos Goytacazes (RJ), nesta quarta-feira (6)

'Não fiquem com essa bobagem de que não vou ser candidato', diz Lula 
 Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação  

A caravana Lula Pelo Brasil desembarca no estado do Rio de Janeiro, nesta quarta-feira (6), tendo como primeiro destino a cidade de Campos dos Goytacazes.  

O ex-presidente vai visitar o Polo Avançado do Instituto Federal Fluminense, fruto dos programas de interiorização e expansão dos campi universitários e institutos federais. Depois, ele segue para Maricá, quando participa de um ato na praça da Igreja da Matriz.

Ontem, durante sua passagem por Vitória (ES), ele tentou minimizar a ameaça de ser barrado pela Justiça e não concorrer à Presidência, nas eleições do próximo ano.

"Não fiquem com essa bobagem de que o Lula não vai ser candidato. Vou ser candidato e vou ganhar as eleições", disse o petista.

O juiz federal João Pedro Gebran Neto, relator da Lava Jato na segunda instância, concluiu nesta sexta-feira (1º) seu voto no julgamento que pode tornar o ex-presidente inelegível. O processo foi encaminhado para o revisor, o juiz Leandro Paulsen.

Depois que Paulsen preparar o seu voto, o processo segue para o terceiro membro da corte, o juiz Victor Laus. Então, só quando Laus tiver finalizado seu voto, o julgamento será marcado.

Lula foi condenado pelo juiz Sergio Moro em julho deste ano a 9 anos e 6 meses de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá (SP). O petista não foi preso - só poderá cumprir pena caso o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ratifique a decisão. As informações são da Folhapress.

Lula, no entanto, ignorou o trâmite do processo no TRF-4 e chegou a apontar os rumos de um eventual terceiro mandato. "Em 2002, eu precisei dizer que era 'Lulinha paz e amor' para ganhar a eleição. Escrevi uma Carta ao Povo Brasileiro para ganhar a eleição. Quero dizer que continuo 'Lulinha paz e amor'. Quero voltar sendo 'Lulinha paz e amor'", afirmou.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

04 de dezembro de 2017

Firmino antecipa 13º e 43 milhões vão circular

O pagamento da segunda parcela será feito no proximo dia 15

O 13º salário vai ser antecipado pela Prefeitura Municipal de Teresina. A segunda parcela já será liberada no próximo dia 15, sexta-feira, com a injeção de mais de R$ 43 milhões na economia de Teresina neste final de ano. Manoel Moura Neto, secretário de Finanças da cidade, disse que a antecipação da segunda parcela do salário "manifesta reconhecimento e atenção ao servidor municipal".

Moura Neto afirma que a Prefeitura de Teresina continuará fazendo esforços para reduzir despesas e garantir o equilíbrio de suas contas.Cerca de 22 mil servidores devem ser beneficiados com a antecipação. A injeção desse volume de recursos na economia é considerada expressiva.Os servidores que ainda não gozaram férias receberão integralmente no dia 15.

Resultado de imagem para firmino filho

Prefeito Firmino Filho       (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Processo contra capitão na PM está perto da conclusão

Comandante-geral da PM adiantou que Conselho está perto do resultado

Resultado de imagem para Coronel Carlos Augusto 
 Foto: Reprodução

O comandante-geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Carlos Augusto, adiantou nesta segunda-feira, em entrevista, que o Conselho de Justificação, que apura a conduta do capitão Allisson Wattson da Silva Nascimento, réu confesso da morte da estudante de Direito Camila Abreu, em 26 de outubro passado, está avançado. Em casos semelhantes ao do oficial da PM, a expulsão foi a pena aplicada ao devio de conduta. 

"As pessoas quando tem desvio de conduta, a medida é a da lei. À PM cabe fazer o que tem sido feito. O processo está bastante adiantado e em todos os casos como este a Polícia Militar sempre optou pela expulsão. Não poderia antecipar pois seria infração dla minha parte", explicou o comandante ao Jornal do Piauí (TV Cidade Verde). 

Integram o Conselho de Justificação, o coronel Edson Ferreira da Silva, tenente-coronel Jorge de Sousa Lima e major José Wilson Gomes da Silva Nascimento. O Conselho terá um prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 20, a critério do comandante-geral da PM, coronel Carlos Augusto. 

Caberá aos membros do Conselho de Justificação a apuração do homicídio qualificado, ocultação de cadáver e destruição de provas, conforme o inquérito policial 104/2017, da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil do Piauí. No inquérito, entregue no dia 30 de novembro à Justiça, o acusado foi indiciado por três crimes: homicídio duplamente qualificado - por feminicídio e sem chances de defesa à vítima -, ocultação de cadáver e fraude processual.  


Fonte: PM
Editor: Alinny Maria 

COMENTE!

Ciro Nogueira vai a Mão Santa e propõe parceria

O senador foi recebido às 18 horas de sábado na Prefeitura

O senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas e responsável pela indicação do Ministro da Saúde, do presidente da Caixa Econômica Federal e do ministro das Cidades, foi recebido às 18 horas do último sábado, na Prefeitura de Parnaíba pelo prefeito Francisco de Assis Moraes Souza, o Mão Santa, quando ficou estabelecida uma parceria com vistas à liberação de recursos para obras na segunda maior cidade do Estado. Mão Santa deu ênfase à conclusão dos Taboleiros Litorâneos, a revitalização do Centro histórico da cidade e a construção de unidades de pronto atendimento. A seguir, Ciro foi convidado para participar da comemoração da comemoração de mais um ano de casamento da filha do prefeito, Cassandra, com o empresário Luis Neto.

Resultado de imagem para Mão Santa

Prefeito Mão Santa         (Foto: Reprodução)


Resultado de imagem para ciro nogueira

Ciro Nogueira       (Foto: Reprodução)

COMENTE!

03 de dezembro de 2017

Ex-prefeita ostentação sofre nova condenação; vinte anos de prisão

Lidiane ainda pode apelar da decisão, por ser de primeira instância.

 
 Foto: Reprodução

A ex-prefeita de Bom Jardim (MA), Lidiane Leite, conhecida como "prefeita ostentação", foi condenada a 20 anos e um mês de prisão.  

Segundo o site Diário do Nordeste, a sentença por fraude de licitação, falsidade ideológica, associação criminosa e crime de responsabilidade foi protocolada na última sexta-feira (01/12) pelo juiz Raphael Leite Guedes.

Ainda segundo o site, a ex-prefeita foi também condenada ao pagamento de 980 dias-multa, que equivale a dois salários mínimo, um total que pode chegar a R$ 1,7 milhão.

Lidiane ainda pode apelar da decisão, por ser de primeira instância. Atualmente ela cumpre prisão domiciliar por força de decisão proferida em março deste ano.    


Por: Apoliana Oliveira
Fonte: 180graus 


COMENTE!

Governo Temer tem 71% de reprovação, diz Datafolha

O Datafolha realizou 2.765 entrevistas entre 29 e 30 de novembro, em 192 cidades

Governo Temer tem 71% de reprovação, diz Datafolha 
 Foto: Reuters / Ueslei Marcelino  

A pesquisa do instituto Datafolha divulgada neste domingo (3) pelo jornal Folha de S.Paulo aponta que o governo do presidente da República, Michel Temer (PMDB), é considerado ruim/péssimo por 71% dos entrevistados. Os que consideram o governo como regular são 23%, seguido de ótimo/bom com 5% e 1% respondeu que não sabe.  

O Datafolha realizou 2.765 entrevistas entre 29 e 30 de novembro, em 192 cidades. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.

O estudo indica que o nível de confiança da pesquisa é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos percentuais, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

PESQUISA ANTERIORES

No final de setembro, a pesquisa do sobre a aprovação do governo Temer apontou que 73% o consideravam ruim ou péssimo; 20% o consideravam regular; 5% bom ou ótimo; e 2% não souberam opinar.

Em junho, o Datafolha indicou que 69% o consideravam ruim ou péssimo; 23% avaliavam o governo como regular; e que 7% o consideravam bom ou ótimo; 2% não souberam opinar.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

02 de dezembro de 2017

Pesquisa consolida Lula na liderança e Bolsonaro na segunda colocação

Ex-presidente vence primeiro e segundo turnos em todos os cenários propostos pelo Instituto Datafolha

Pesquisa consolida Lula na liderança e Bolsonaro na segunda colocação 
 Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino

Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada neste sábado (2) consolida o ex-presidente Lula como líder na corrida eleitoral de 2018 e o deputado Jair Bolsonaro  na segunda colocação.  

No primeiro cenário proposto pelo instituto aos entrevistados, Lula aparece com 34% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro (17%), Marina Silva (9%), Geraldo Alckmin (6%) e Ciro Gomes (6%).

O líder petista também está na frente nos cenários de segundo turno. Contra Alckmin venceria por 52% a 46%; contra Marina, por 48% a 44%; e contra Bolsonaro, por 51% a 33%.

Divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo, a pesquisa ouviu 2.765 pessoas, de 192 cidades, entre 29 e 30 de novembro.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Marina Silva oficializa candidatura à Presidência da República

Ex-ministra do Meio Ambiente estará no páreo pela terceira vez consecutiva

Marina Silva oficializa candidatura à Presidência da República 
 Foto: Nacho Doce/Reuters  

A Rede oficializou neste sábado (2) o nome de Marina Silva como pré-candidata à Presidência da República. Será a terceira candidatura da ex-ministra do Meio Ambiente, que ficou na terceira colocação tanto em 2010, com 19 milhões de votos, quanto em 2014, com 22 milhões.  

Em carta lida na reunião do partido ocorrida há pouco, a Rede teceu críticas às reformas do governo Temer.

"Não aceitamos mais como regra da ação política o conluio que coloca o patrimônio de toda a sociedade a serviço de interesses individuais ou de grupos. Sem falar daqueles que assaltaram - e dos que continuam assaltando - os cofres públicos para enriquecimento próprio ou para irrigar seus projetos de poder, e que, com impressionante cinismo, falam hoje em 'reformas imprescindíveis' para 'salvar o país'", diz o texto.


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

01 de dezembro de 2017

Rede deve lançar Marina Silva como pré-candidata ao Planalto amanhã

Evento será realizado em meio às negociações de alguns deputados da sigla para deixar a legenda, que pode acabar perdendo metade de sua atual bancada na Câmara

Rede deve lançar Marina Silva como pré-candidata ao Planalto amanhã 
 Foto: Stringer . / Reuters

A ex-senadora Marina Silva (AC) deverá ser lançada neste sábado, 2, pela Rede Sustentabilidade como pré-candidata à Presidência da República. O lançamento ocorrerá durante reunião do partido em um hotel na capital federal. O evento será realizado em meio às negociações de alguns deputados da sigla para deixar a legenda, que pode acabar perdendo metade de sua atual bancada na Câmara.  

"Os dirigentes estaduais vão apresentar pedido para que possam usar o nome dela como pré-candidata a presidente da República e ela vai aceitar. Ela não pode chegar à convenção como candidata de si mesma", explica o deputado Miro Teixeira (Rede-RJ) à reportagem. Se confirmada a candidatura no primeiro semestre de 2018, será a terceira vez que a ex-senadora disputa o cargo - ela disputou em 2010, pelo PV, e 2014, pelo PSB.

Miro afirma que a Rede já começou a se movimentar em busca de apoio de outros partidos para o pleito do próximo ano. "Tenho conversado com PPS e PSB para apoiarem a Marina", disse o parlamentar fluminense. Ele contou que intermediou reunião na quarta-feira, 29, em Brasília, da ex-senadora com o presidente nacional do PPS, o deputado Roberto Freire (SP), para "restabelecer" o canal de interlocução entre os dois.

Marina, no entanto, terá de atuar para conter possível debandada dos deputados da Rede. Segundo apurou o Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, pelo menos dois dos quatro deputados negociam migração para outro partido: Alessandro Molon (RJ) e Aliel Machado (PR). Os dois conversam com o PSB, sigla que ainda não decidiu qual caminho deve seguir nas eleições do próximo ano. A reportagem não conseguiu contato com Marina.



Fonte: Estadão Conteúdo 

COMENTE!

Lula: 'Nenhum político eleito teria coragem de fazer o que Temer faz'

Presidente discursou durante evento com sindicalistas de São Bernardo do Campo (SP)

Lula: 'Nenhum político eleito teria coragem de fazer o que Temer faz' 
 Foto: Ricardo Stuckert / Divulgação

Em evento com sindicalistas nessa quinta-feira (30), em São Bernardo do Campo (SP), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o movimento sindical precisa se reorganizar e comunicar a sociedade sobre os efeitos das medidas impostas pelo governo Temer. "Nós precisamos explicar pros trabalhadores o que está acontecendo nesse país. Eles tem que saber o que vai acontecer com eles e que o que conquistamos não foi de graça", disse Lula.  

No encontro, que marcou os 25 anos da FEM-CUT/SP (Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo), Lula voltou a afirmar que, quem ganhar a disputa presidencial de 2018, precisará realizar um referendo para revogar as medidas do governo Temer, como a PEC que congelou gastos por 20 anos.  

"Saúde e Educação não é gasto. Seja quem for que ganhar as eleições não vai conseguir governar se não revogar o que foi feito", avaliou.

"O FHC disse que iria acabar com a Era Vargas e não teve coragem. Nenhum político eleito teria coragem de fazer o que o Temer está fazendo. Ele é refém de um grupo de empresários", pontuou, ao reforçar que a Previdência ainda está em jogo.  


Fonte: Notícias ao Minuto 


COMENTE!

João Henrique: PMDB não vai compor chapa majoritária

Para o ex-ministro, não há espaço para o PMDB na chapa de Wellington

João Henrique de Almeida Sousa 
 Foto: Reprodução

O PMDB não vai fazer parte da chapa majoritária encabeçada pelo governador Wellington Dias. Quem aposta nessa possibilidade é o vice-presidente regional do PMDB no Piauí, João Henrique de Almeida Sousa. O fortalecimento do Progressistas junto ao governos estadual e federal é o principal motivo da falta de espaço para os outros partidos da base governista na chapa majoritária que vai disputar as eleições em 7 de outubro de 2018. 

“Acho que não dará certo essa relação. Desde o primeiro instante quando eu conversei com meus companheiros do PMDB, ainda em janeiro, quando eu iniciei a caravana, eu disse que o cenário que antevejo dificilmente coloca o PMDB na chapa majoritária e muito especialmente na condição de vice”, afirmou, convicto, o ex-ministro e atual presidente nacional do Serviço Social da Indústria (Sesi). 

João Henrique reconhece que o Progressistas, da vice-governadora Margarete Coelho, está fortalecido. “O PP está próximo de 50 prefeitos, nós temos 21. O PP já está no governo com um senador e a vice. O senador Ciro é o braço direito do atual governador. Sem o trânsito que o senador tem no governo federal, o governo aqui estaria numa situação muito precária. Dentro dessa condição, o quadro não é muito favorável para nós do PMDB fazermos a indicação de um cargo majoritário” 



Fonte: PMDB
Editor: Paulo Pincel

COMENTE!

Firmino garante que hoje não seria candidato a nada

"O posicionamento do presente é administrar o município de Teresina", adiantou

Resultado de imagem para Firmino Filho 
 Prefeito Firmino Filho (Foto: Reprodução)

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, está em Brasília nesta quinta-feira (30), onde participa da reunião da Executiva Nacional do PSDB, mas antenado com o que rola nos bastidores políticos aqui no Piauí. "Estamos com o compromisso com a cidade de Teresina de ficar até o final do mandato. Temos sofrido muitas pressões, muitos conselhos e incentivos. Estamos avaliando com muito cuidado e carinho. O posicionamento do presente é administrar o município de Teresina", garantiu o prefeito. 

Para Firmino Filho, uma candidatura majoritária não depende de uma posição individual, mas de uma conjuntura.“Aconteceu um debate rico. Até a próxima semana vamos ter definições conjunturais, principalmente no que diz respeito ao nosso candidato á Presidência da República do próximo ano. Até o inicio de março temos que ter a escolha do candidato do PSDB”, entende. “Não existe ainda uma política definida a respeito dos governos estaduais. Será feita posteriormente", adiantou.  


Fonte: PSDB
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

30 de novembro de 2017

Empresário é preso por não pagar pensão à ex-mulher

Franly briga na Justiça para diminuir valor da pensão: 60 salários mínimos

Empresário Franly 
 Foto: Reprodução Grupo Franly  

Dono de vários empreendimentos – rádio, TV, motéis, pesque-pague, casas de shows e outros - em Teresina, o empresário Francisco das Chagas Pereira Lima, o Franly, foi preso na manhã desta quinta-feira (30) por pagar pensão alimentícia – de 60 salários mínimos - para a ex-mulher. Franly foi preso no escritório onde trabalhava, no bairro São João, zona Leste de Teresina. 

"Não existe dívida nenhuma. Ele paga essa pensão mensalmente em valor estratosférico religiosamente. Nós vamos ao tribunal mostrar que essa prisão é abusiva e que ele sequer teve a prerrogativa de discutir esse eventual deficit. O juiz teria que ter dado um prazo de três dias para que ele pagasse ou se manifestasse. Essa inadimplência não existe e temos todos os comprovantes", assegurou a advogada Adelina Miranda. “Creio que não existe uma pensão tão grande arbitrada em toda a história do judiciário do Piauí", acrescentou. 

Já o delegado Odilo Sena adiantou pouca coisa sobre a prisão, já que o processo corre em segredo de Justiça. Segundo o delegado, Franly briga com a ex-mulher na Justiça tentando diminuir o valor da pensão. O empresário foi encaminhado para a Polinter. “Ele deve ficar preso até o pagamento da dívida", explicou o delegado. 


Fonte: Polícia Civil
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

D'Ávila fala em apoio ao PT e ataca Bolsonaro: 'Parlamentar invisível'

A pré-candidata à presidência da República pelo PCdoB também comentou a crise política vivida pelo país

D'Ávila fala em apoio ao PT e ataca Bolsonaro: 'Parlamentar invisível' 
 Foto: Richard Silva / PCdoB na Câmara  

A deputada estadual Manuela D’Ávila (PCdoB-RS) oficializou sua pré-candidatura à presidência da República no último dia 8 de novembro. O anúncio foi recebido com certa surpresa por boa parte dos eleitores, já que desde 1989 seu partido não lançava um candidato próprio ao Planalto.  

“O PCdoB tem grandes nomes e eu me sinto honrada por ter sido a escolhida.” Chegou a declarar a pré-candidata, quando fez o comunicado aos seus eleitores.

Com uma extensa trajetória pública que não condiz com seus 36 anos, Manuela D’Ávila ingressou na política aos 18 anos, por meio do movimento estudantil, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC), em Porto Alegre. Lá, formou-se em Jornalismo.

Em 2001, aos 20 anos, Manuela filiou-se ao Partido Comunista do Brasil (PCdoB), onde ocupou a vice-presidência Sul da União Nacional dos Estudantes (UNE). Desde então foi vereadora, deputada federal por duas vezes, deputada estadual, e agora pré-candidata à presidência em 2018.

Em entrevista ao Notícias ao Minuto Brasil, ela falou sobre as propostas da sua campanha, sobre um possível enfrentamento com o deputado Jair Bolsonaro (PSC), e a respeito de uma possível alianças com o ex-presidente Lula (PT). 

Com a confirmação da sua candidatura para a presidência em 2018, como pretende finalizar seu mandato como deputada estadual?

Estamos trabalhando com o mesmo afinco de sempre, participo das sessões ordinárias, das comissões. Eu e minha equipe estamos a mil. As agendas de campanha são feitas fora desse período. 

Quais são as suas propostas de campanha para 2018?

O tema central é a política econômica, retomar o crescimento. Politicamente, a candidatura defende uma frente ampla, que é a ideia de reunir setores da sociedade, sindicatos, movimentos sociais, gente comum. Como a gente faz para o Brasil entrar nesse período da revolução 4.0, da tecnologia, da 'quarta Revolução Industrial'? Precisamos entender qual é o papel do Estado na indução desse crescimento. Precisamos saber qual é o Estado que servirá melhor ao povo. De forma mais eficiente? Claro. Mas o debate sobre o Estado não é uma mera discussão sobre gestão. A gestão é fundamental, o Estado tem que funcionar, ser harmônico e ter menos burocracia. Mas a gente não pode fazer com que esse debate dê a ideia de que irá resolver o problema da retomada do crescimento do Brasil. A gente está discutindo emprego. Melhorar gestão não necessariamente gera emprego.

O PCdoB nunca teve um candidato próprio ao Planalto, desde a redemocratização. O que levou o partido a optar pela sua candidatura em 2018?

No decorrer da construção do congresso nacional do partido, avaliamos que a melhor forma de apresentar as saídas que a gente interpreta como as melhores para a crise do Brasil seria lançando essa pré-candidatura. Foi um processo de meses de conversas com a direção do partido.

O que o PCdoB, mesmo sendo um partido com 55 anos desde a sua fundação, pode trazer de novo para o cenário político brasileiro?

Temos um projeto para o Brasil sair da crise e para a construção de uma unidade da nação. Acreditamos que é importante que o país debata a retomada do seu crescimento. Defendemos também o debate profundo sobre medidas que Temer tomou e que prejudicam as cadeias produtivas mais dinâmicas do Brasil e a indústria nacional, como é o caso da TJLP (taxa de juros de longo prazo) e das operações no BNDES. Esse debate tem muito a ver com a nossa juventude. A gente tem uma leva de jovens brasileiros que acaba deixando o País pelo processo de desindustrialização. Queremos debater como nós vamos fazer para encontrar saídas enquanto nação.

O Brasil vive um momento de polarização ideológica, em que uma extrema direita vem ganhando cada vez mais voz nas redes sociais e nas pesquisas eleitorais, com o deputado Jair Bolsonaro bem posicionado. Como a senhora encara esse possível adversário para 2018?

Ele é usado como alternativa da extrema direita para que uma eventual candidatura de centro cresça, mas sem ser de centro. O Alckmin, por exemplo, não é um candidato de centro, mas, diante do Bolsonaro, ele pode parecer. Por isso precisamos debater ideias. Para que aqueles que defendem o fim do Estado não se passem por alternativas centristas, que não são. O Bolsonaro tem feito um esforço para aglutinar o ódio e o medo. Quando falei, no anúncio da minha pré-candidatura, que o bom senso da população é o principal adversário do Bolsonaro, é porque o medo e o ódio não são propostas para sair da crise que o Brasil vive. Fui colega dele por oito anos e sei que foi um parlamentar invisível. Ele não tem propostas sequer para as áreas nas quais estimula o ódio. Qual é a proposta dele para a segurança pública?

Essa é a primeira vez, desde 1989, que o PCdoB e o PT devem disputar, separados, o cargo de presidente. No caso de candidatura do Lula, o partido pensa em apoiá-lo, caso ocorra um segundo turno?

Nosso campo deve estar unido no segundo turno.

A deputada utiliza bastante as redes sociais para pautar assuntos relevantes aos seus eleitores. Como lida com os haters?

Temos uma política de relacionamento na nossa página. Além disso, temos advogados que nos dão suporte em como lidar com cada caso. Se o comentário for muito agressivo, analisamos a possibilidade de ingressarmos na Justiça contra a pessoa. Minha página é aberta para o debate, para o debate sadio.

Provavelmente a senhora será a candidata mais nova que concorrerá a presidência em 2018. Acha que isso pode facilitar seu diálogo com os eleitores mais jovens?

Sim, pode ajudar. Quero debater com a juventude em qual Brasil queremos viver, e ter ou criar nossos filhos.

Vários nomes bem conhecidos do público, mas com pouco envolvimento na política, vêm sendo apontados como possíveis candidatos para a presidência. Como vê esse fenômeno? Acha que os eleitores estão cansados dos nomes tradicionais da política brasileira?

O problema do Brasil é político. Não vai se resolver essa crise por fora da política. É contraditório dizer que alguém fora da política vá resolver a crise brasileira. Essa pessoa não vai se sentar com os presidentes de outros países? Não vai se sentar com setores econômicos do nosso país? Isso é fazer política. Não há ninguém mais 'insider' da política do que aquele que se diz 'outsider' dela.


Por: Guilherme F. Bernardo
Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

29 de novembro de 2017

Progressistas atrai prefeitos do PR, PMDB e PSDB

O segundo colocado em São João do Piauí também se filiará

O Progressistas se tornará o partido com o maior número de prefeitos do Estado do Piauí na próxima segunda-feira, dia 4, quando filiará nos seus quadros pelo menos mais três prefeitos: Roberto Cesar de Arêa Leão Nascimento, o Robertinho, de Miguel Leão; Valdeci Junior, de Curimatá; e Luis Martins, de Alvorada do Gurgueia. O primeiro deixará o PR, o segundo sairá do PSDB e o terceiro, do PMDB. Agora a legenda exibe 49 prefeitos.

Assim, o Progressistas está impondo baixas em dois partidos da base ( PR e PMDB ) e no PSDB.Além dos prefeitos, vai filiar também Alexandre Mendonça, do PROS, outro partido da base do Governo. Alexandre foi candidato a prefeito de São João do Piauí, terra de Rejane Dias, mulher do Governador Wellington,  e perdeu para Gil Carlos, do PT, por apenas 300 votos.

O ato de filiação será no auditório do edifício Paulo VI, localizado na avenida Frei Serafim e contará com as presenças do senador Ciro Nogueira, da deputada Iracema Portella, do deputado estadual Júlio Arcoverde, presidente estadual da legenda,  e de um grande número de lideranças.

Resultado de imagem para Prefeito luis martins

Luis Martins, de Alvorada do Gurguéia, deixa o PMDB pelo Progressistas.

COMENTE!

Caio Bucar cogitado para secretariado de Firmino

O vereador poderia ficar na Câmara e indicar um nome para o secretariado

O prefeito Firmino Filho ( PSDB ) estaria disposto a convidar o vereador Caio Bucar ( PSD ) para compor o seu secretariado possibilitando a chegada à  Camara Municipal de Teresina do filho do apresentador Silas Freire, Stanley Freire, primeiro suplente da coligação que foi encabeçada pelo deputado Dr.Pessoa, segundo confidencia de um dos mais importantes politicos municipais, que deu a informação sob compromisso de o seu nome não ser revelado.Para isso estaria faltando apenas um entendimento com Silas

Consta que Caio Bucar já teve uma primeira conversa com o prefeito Firmino Filho em que ficou aberta a possibilidade de ele compor a base na Câmara ou assumir uma secretaria sob compromisso de fidelidade do seu suplente.A outra alternativa é Bucar ficar na Câmara e indicar um nome para o secretariado mas o "martelo não foi batido". O que se sabe é que o vereador não tem cargos na Prefeitura de Teresina e que poderia aceitar uma convocação.

Colegas do vereador garantem que ele ainda não se comprometeu com o Palácio da Cidade por que  analisa se politicamente dará o passo certo.A convocação para uma secretaria, segundo os mesmos informantes poderia convencer o vereador.

Resultado de imagem para caio Bucar

Caio Bucar        (Foto: Reprodução)

COMENTE!

MP descobre filho, mulher, ex-mulher, dois irmãos de prefeito empregados no município

Ele tentou esconder a folha, mas agora será obrigado a exonerar uma penca deles.

O prefeito de Peri-Mirim, José Geraldo Amorim Pereira (foto abaixo), nunca atendeu aos pedidos do Ministério Público para que fornecesse nome e cargos de parentes seus empregados na prefeitura. Ele tentou esconder a folha, mas agora será obrigado a exonerar uma penca deles.

 
 Foto: Repprodução 

A Promotoria de Justiça da Comarca de Bequimão já ingressou com uma Ação Civil Pública pela prática de nepotismo contra o prefeito. Ele emprega José Geraldo Amorim Pereira Filho no cargo de secretário municipal de Finanças e Gestão Administrativa; João Domingos Amorim Pereira, irmão do prefeito, é o secretário de Obras e Transporte.

Outro irmão do prefeito, Antônio Amorim Pereira é assessor jurídico da prefeitura. Também figuram na lista a ex-esposa de José Geraldo Pereira, Indiara Araújo Pereira (chefe de odontologia); a atual companheira do prefeito, Walkíria Amorim França, com cargo na Secretaria Municipal de Saúde; e Flávia Caroline Marques Amorim, sobrinha do gestor, com cargo na Secretaria Municipal de Educação.

Também foi apontada a falta de qualificação profissional para o exercício dos cargos. O filho do prefeito, exercendo o cargo de secretário de Administração e Finanças, por exemplo, não tem formação em contabilidade ou administração. O secretário de Obras e Transportes, João Domingos Pereira, também não tem qualquer formação na área de engenharia de transportes que justificasse tecnicamente a sua escolha para a pasta..

Na ação, o Ministério Público requer a declaração de nulidade dos atos de nomeação de José Geraldo Amorim Pereira Filho, João Domingos Amorim Pereira, Antônio Amorim Pereira, Indiara Araújo Pereira, Walkíria Amorim França e Flávia Caroline Marques Amorim.

Também foi pedido que a Justiça determine ao prefeito José Geraldo Amorim Pereira que apresente a relação completa de secretários, secretários adjuntos e dos servidores contratados de forma precária, sem prévia aprovação em concurso público, especificando os que se enquadrem em situação de nepotismo, além dos respectivos atos de exoneração, sob pena de multa diária em caso de descumprimento.  


Fonte: Luís Cardoso 

COMENTE!

FHC defende saída do governo: 'PSDB precisa de cara própria'

Ex-presidente do país quer que ministros tucanos deixem o Planalto o quanto antes

FHC defende saída do governo: 'PSDB precisa de cara própria' 
 Foto: Nacho Doce / Reuters

O PSDB precisa buscar uma identidade para as próximas eleições. Esta é a opinião do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que defendeu o desembarque do partido do governo, o mais rápido possível.  

"Não precisa de data. Qual a razão principal pela qual para o PSDB é melhor ficar fora do governo? O PSDB quer ter candidato à presidência da República. Então precisa ter autonomia, cara própria. O governo é o governo do PMDB".

Em entrevista ao blog da Andréia Sadi, no portal G1, nesta quarta-feira (29), ele também deixou claro que, na sua opinião, todos os ministros tucanos deveriam sair dos cargos, com exceção do ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes.

A informação é divulgada no momento em que o presidente Michel Temer planeja um encontro com Geraldo Alckmin, governador de São Paulo e candidato a presidente do PSDB, a fim de discutir a saída dos tucanos.

No entanto, Fernando Henrique faz questão de destacar que a decisão de deixar o govenro não significa que o partido não apoiará as reformas. "Não se pode romper com o governo porque precisamos votar as reformas. Mas queremos ganhar espaço de liberdade para definirmos nossa cara no ano que vem".


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

28 de novembro de 2017

Amadeu Campos processa Junior do MP 3 por calúnia

A primeira audiência será realizada nesta quarta-feira, dia 29, na 9ª vara

O jornalista Amadeu Campos, que foi candidato a prefeito de Teresina pelo PTB em 2016 está processando o ativista petista Junior do MP 3 por declarações feitas ainda na campanha. A revelação foi feita no inicio da noite de hoje pelo próprio MP 3 ao encaminhar copia do mandado de intimação do juiz de direito da 9ª Vara Criminal, que funciona na Auditoria Militar, para uma audiência de conciliação que será realizada nesta quarta-feira, dia 29, a partir das 11 horas. Ao dar a informação, MP 3 acrescentou : "eu não vou voltar atras.Ele deveria ter ficado calado,Farei muito barulho".

Junior do MP 3 está sendo processado por calúnia , injúria e difamação. Na campanha de 2016 repercutiram bastante as declarações do ativista e houve uma tentativa de conciliação. Amadeu foi candidato pelo PTB mas seu candidato a vice, o advogado Décio Solano, era do PT, o mesmo partido de Junior.

Resultado de imagem para Junior do MP3

Junior do MP 3           (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Themístocles vai a casa de Pessoa e passa 2 horas

A conversa foi na noite de hoje e começou às 19 horas

Em meio às marchas e contra-marchas em torno da sucessão estadual, e das preferencias do governador Wellington Dias em torno do nome que vai compor como candidato a vice-governador a sua chapa para a reeleição, o deputado Themístocles Sampaio Pereira Filho, presidente da Assembléia Legislativa do Estado, foi no inicio da noite de hoje à residencia do deputado estadual José Pessoa Leal, o Dr.Pessoa, no bairro Lourival Parente. Os dois conversaram a portas fechadas durante duas horas mas nada falaram sobre o teor da conversa.

Themístocles foi à residência de Pessoa no momento em que o meio politico comenta que o Progressistas do senador Ciro Nogueira trabalha firme pela permanência de Margarete Coelho como vice na chapa de Wellington. Este blog teve acesso à informação através de um vizinho que ligou para o jornalista Feitosa Costa que conseguiu monitorar o tempo da conversa.

Procurado por telefone o deputado Themístocles Filho disse que tem costume de visitar os amigos e não foi a primeira vez que esteve na casa de Pessoa e que se tratou de mais uma visita de cortesia.

Resultado de imagem para themistocles filho e dr. pessoa

D.Pessoa e Themístocles Filho            (Foto: Reprodução) 

COMENTE!

Iracema diz que Progressistas é o maior do Piauí

A deputada negou ter sido vaiada em Francisco Aires e disse que é respeitada pelo trabalho

Em resposta a publicação feita na coluna do jornalista Feitosa Costa, de que teria sido vaiada no interior e que dirigentes do seu partido teriam atribuído a ação ao deputado petista Assis Carvalho, presidente do PT , a deputada Iracema Portella ( Progressistas ), mulher do senador Ciro Nogueira, presidente nacional do partido, disse ter ficado surpresa com a informação e explicou: "estive no município de Francisco Ayres, no final de semana, como madrinha da copa Ampar de Futebol e fui recebida com respeito e carinho como sempre.Tenho uma relação excelente com os municípios do Médio Parnaíba e com a Ampar, uma instituição que respeito e acredito. Não sei de onde veio a informação que você publicou mas asseguro que nenhum dirigente do meu partido poderia ter falado nada sobre intenções de nenhum outro deputado, pois estamos focados no nosso trabalho. O Progressistas hoje é o maior partido do Piauí e seguimos crescendo. O meu nome é respeitado em todo o Estado pelas minhas ações, pelos recursos que destino aos municípios, pelos projetos que realizo. Isso sim é informação importante. Aproveito para convidar você para a solenidade de filiação de novas lideranças ao Progressistas, que será na próxima segunda-feira, no Centro Pastoral Paulo VI".

Imagem relacionada

Iracema Portella        (Foto: Reprodução)


COMENTE!

Assumir a presidência do PSDB foi um pedido de FHC, diz Alckmin

Partido tem convenção marcada para o próximo dia 9, a fim de eleger nova Executiva

Assumir a presidência do PSDB foi um pedido de FHC, diz Alckmin 
 Foto: Stringer .

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), candidato à presidência do partido, disse nesta terça-feira (28) que nunca havia pensado no cargo e que seu objetivo ao entrar na disputa foi evitar sequelas na sigla.  

A afirmação foi feita em Ribeirão Preto (a 313 km de São Paulo), após a inauguração do HC Criança, no complexo do HC (Hospital das Clínicas) da cidade.

Nessa segunda (27) à noite, Alckmin havia afirmado que aceita presidir o PSDB para "fortalecê-lo".

"O que eu falei é que se eu puder unir o partido, buscar unidade e fortalecer o PSDB, para ser um forte instrumento de mudança no Brasil é nosso dever ajudar. Isso vai definir mesmo dia 9 de dezembro", disse.

O PSDB tem marcada convenção no dia 9 para eleger sua nova Executiva. Alckmin virou o principal nome no PSDB para assumir a direção nacional do partido após o governador de Goiás, Marconi Perillo, abrir mão de sua candidatura em nome da unidade do partido em torno do governador paulista.

O tucano decidiu concorrer à presidência do partido na noite de domingo (26), após decisão do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) de também retirar a candidatura para abrir caminho para Alckmin.

"[Eram] Duas chapas para uma disputa e o [ex-] presidente Fernando Henrique falou 'olha, era melhor se a gente conseguisse uma unidade partidária, evitar disputa, acaba deixando sequelas'. Os dois retiraram as suas pré-candidaturas, tanto o Tasso quanto o Marconi, quem vai decidir é o diretório", disse o governador.

AÉCIO

Questionado se conversou com o senador Aécio Neves (PSDB-MG) sobre a candidatura à presidência tucana, Alckmin disse apenas que "não".

O tucano afirmou defender um regime de economia de mercado e que é preciso que o Estado funcione. "Não cabe no PIB o tamanho desse Estado que existe hoje, acaba sendo empecilho ao crescimento do país. De outro lado, um Estado que funcione, que seja eficiente, que tenha boas políticas públicas, que atenda aqueles que mais necessitem e promova o desenvolvimento regional. Tenho defendido maior inserção internacional."

Servidores do HC e membros da Apeoesp (sindicato dos professores) fizeram protesto, com cartazes, criticando as políticas do governo do Estado para os setores.

Alckmin, questionado sobre a manifestação, disse que ela não atrapalhou. "Nada, nada. Já estou acostumado, desde a época do Mário Covas isso sempre acontece. A gente tem de ter paciência."


Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

Luciano Nunes chama atenção à precariedade do atendimento nos hospitais

O parlamentar salientou que em seu projeto está sendo solicitado que o governo do Estado, através da Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi), disponibilize os atendimentos e leitos de UTIs.

 
 Deputado Luciano Nunes (Foto: Reprodução)

O deputado Luciano Nunes (PSDB) disse que iria ocupar a tribuna por dois minutos, nesta manhã de terça-feira (28), para levantar um tema que aflige a todos os piauienses em todos os municípios do Estado, que é a questão da saúde pública.

Segundo ele, o atendimento dos hospitais regionais e sobretudo nos hospitais da capital, estão com uma demanda reprimida, muito grande, de procedimentos médicos, com cirurgias, onde o Estado está chegado, praticamente a um estado de colapso, por conta de que a oferta dos procedimentos é muito menor que a demanda.

“Isso está causando um sofrimento grande, aos piauienses e nós estamos propondo, aqui, um projeto de lei, que não irá resolver o problema em sua totalidade, mas vai dar transparência, nessa regulação, nos procedimentos que são disponibilizados para a população”,  observou Luciano Nunes.

O parlamentar salientou que em seu projeto está sendo solicitado que o governo do Estado, através da Secretaria Estadual da Saúde (Sesapi), disponibilize os atendimentos e leitos de UTIs, e todo o seu cardápio de procedimentos, e que as filas,  dos pacientes, obviamente preservados os nomes, para que a população possa acompanhar como os atendimentos estão evoluindo, principalmente nos hospitais, sobretudo, da capital”, ressaltou.

Luciano disse ainda que  a discussão terá que ser aprofundada e que todos os deputados sofrem com a situação, porque são demandados diariamente com os reclames dos prefeitos, de lideranças e da própria população do interior, que precisa de diversos tipos de cirurgias das mais complexas às mais simples. Ele disse observou que a maioria das cirurgias ainda não são ofertadas, por conta da regulação que ainda é um sistema desconhecido, de grande parte da população. “Chamo a atenção dessa Casa e de todos os piauienses, para essa problemática, da saúde, que tem se agravado em todo o Estado do Piauí, finalizou.

Audiência vai debater uso do dinheiro dos empréstimos 

Também durante o tempo de dois minutos, o deputado Gustavo Neiva (PSB) lembrou que foi aprovado na semana passada um requerimento de sua autoria, com a aquiescência de vários deputado e também do governo do Estado, através do seu líder, João de Deus, para que fosse convidado para vir à Casa, o doutor Alisiomar, que é o superintendente da caixa Econômica Federal e do Sérgio Miranda, que é o coordenador para operações de crédito.

“lá no requerimento, dizia que era para a gente trazê-los na Comissão de Comissão e Justiça (CCJ) e eu queria marcar para a próxima terça-feira, já marcando com o presidente da CCJ, deputado Evaldo Gomes, para que esse comparecimento dessas autoridades, para que pudéssemos deixar marcada, a reunião, para às 9 horas do dia cinco de novembro”, reforçou.

O parlamentar disse que o objetivo é que a Casa possa ter mais informações acerca da operação de créditos, realizada pelo Governo do Estado, junto à Caixa Econômica Federa, em um montante de seiscentos milhões de reais, dos quais, trezentos e sete milhões já foram liberados. “Foi nos informado de que desses trezentos e sete milhões, trezentos e quatro milhões já foram sacados e, pela lista que nós foi fornecida, praticamente nada das obras que eram para terem sido feitas com esse dinheiro, foram realizadas”, pontuou.  


Lindalva Miranda - Edição: Katya D'Angelles    
Fonte: Alepi 

COMENTE!

Inquérito vai provar que morte de Camilla foi premeditada

Além dos laudos periciais no corpo e no carro, já foram ouvidos 60 depoimentos

O homicídio doloso, com ocultação de cadáver e fraude processual – com destruição de provas -, que está sendo enquadrado como feminicídio, praticado contra Camilla Pereira de Abreu, 21 anos, foi premeditado. A conclusão é do coordenador da Delegacia de Homicídios, delegado Francisco Costa, o Barêtta. 

O delegado revelou mais detalhes do inquérito que apura o assassinato da estudante universitária pelo capitão da Polícia Militar do Piauí, Alisson Wattson da Silva Nascimento, 37 anos, réu confesso da execução da namorada, na madrugada de 26 de outubro. O corpo foi abandonado no povoado Mucuim, cerca de 100 metros da BR-343, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal. 

Provas robustas 

Além dos laudos periciais do Instituto de Criminalística do Piauí, já anexados nos autos, o inquérito ouviu 60 testemunhas e colheu “provas robustas” da autoria e da motivação do crime. 

"A premeditação está explícita no inquérito policial. O autor demonstrou isso na fase de execução. A premeditação não está aparente, está totalmente desenhada dentro do inquérito", revelou o delegado em entrevista na manhã desta terça-feira (28). 

"Reconstruímos todo o fato criminoso, revelamos toda a conduta criminosa praticada pelo autor do crime em busca da verdade real. Temos indícios robustos de que o capitão praticou homicídio doloso qualificado, ocultação de cadáver e fraude processual", Barêtta. 

Sofrimento 

Barêtta afirmou, com base em depoimentos, que Camilla Abreu sofria e "pedia socorro" há seis meses, tentando acabar com uma relação doentia, com as agressões físicas e morais a que era submetida pelo namorado. 

"Testemunhas disseram que ela, praticamente, pedia socorro porque queria se desvencilhar do autor do crime, pois ele era um indivíduo que sentia ciúmes doentio. Ela já havia sido aconselhada a procurar o comando da PM e a delegacia de polícia porque ele não largava ela”. 

Frio 

Barêtta definiu o capitão como um indivíduo “extremamente frio”, que submeteu a vítima a intenso sofrimento físico e mental antes dela ser morta sem nunhuma chance de defesa. "Ela tinha marcas de agressões nas pernas, nas coxas e na barriga... Você tem que buscar prova não só no local, mas retroagindo. E isso ficou bem claro. Foram ouvidas várias pessoas que já tinham convivido com o autor do crime que relataram ameaças, violência, agressão feitas por ele... um indivíduo agressivo e que já tinha agredido várias vezes a vítima e que chegou à fase final com a execução da vítima”, acrescentou o delegado. 

Preso 

Allisson Wattson continua preso preventivamente no Quartel do CFAP, no bairro Ilhotas em Teresina e o Conselho de Justificação, formado pelos coronel Edson Ferreira da Silva, tenente-coronel Jorge de Sousa Lima e major José Wilson Gomes da Silva Nascimento, tem prazo de 30 dias, prorrogáveis por mais 20, a critério do comandante-geral da PM, coronel Carlos Augusto, para decidir qual será a punição para o oficial, acusado de homicídio qualificado, ocultação de cadáver e destruição de provas, conforme o inquérito policial 104/2017, da Delegacia de Homicídios da Polícia Civil do Piauí.   



Fonte: Polícia Civil/ DH
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

27 de novembro de 2017

Progressistas culpam Assis por vaias a Iracema

A deputada foi vaiada em Francisco Ayres ao descer de helicóptero para entregar prêmio

Mulher do senador Ciro Nogueira, a deputada federal Iracema Portella ( Progressistas ) foi vaiada no último sábado à tarde, em Francisco Ayres, ao descer de um helicóptero no estádio para entregar um prêmio de R$ 10 mil para a equipe vencedora quando era disputada a final de uma copa envolvendo os municípios do Médio Parnaíba. Dirigentes do partido da parlamentar atribuem a vaias a uma "articulação do deputado Assis Carvalho", presidente estadual do Partido dos Trabalhadores.

Esses mesmos dirigentes começam a suspeitar de que o motivo das vaiais não é apenas o apoio ao impeachment de Dilma Rousseff que foi dado pelo partido da  deputada capitaneado pelo seu marido. Acham que pode ter a ver com uma manobra para inviabilizar a eleição de Iracema.

Resultado de imagem para Iracema Portella

Iracema Portella      (Foto: Reprodução)


COMENTE!

Após Tasso desistir, Alckmin decide ser candidato à presidência do PSDB

Governador de SP deve se reunir com adversários antes de anunciar oficialmente a decisão

Após Tasso desistir, Alckmin decide ser candidato à presidência do PSDB 
 Foto: DR

Depois de um longo dia de conversas, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, decidiu na noite de domingo (26) que concorrerá à presidência do PSDB.  

Antes de anunciar que disputará o cargo, o tucano espera uma conversa conjunta com os dois postulantes pela presidência: o senador Tasso Jereissati (CE) e o governador Marconi Perillo (GO). O anúncio pode ser feito ainda nesta segunda-feira (27), para quando está previsto um encontro entre os três, em São Paulo.

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso participou das conversas ao longo do domingo (26).

O primeiro sinal positivo veio de Tasso, conforme antecipou o Painel, da Folha de SP.Paulo, com quem o governador paulista conversou na última quinta-feira (23). Ele aguardava um encontro com Perillo para saber se o goiano também abriria mão de disputar o comando do partido, o encontro aconteceu na noite de domingo (26) em São Paulo.

Alckmin quer uma conversa conjunta com os dois para "aparar arestas". Sua candidatura é vista como a única saída para unificação do partido, diante disso, ele quer evitar que essa unidade se dê apenas "da boca para fora".

PARTIDO RACHADO

O PSDB está rachado diante das divergências em torno do apoio do partido ao governo Michel Temer e às medidas defendidas por ele.

A ala liderada por Tasso adota uma postura mais contundente de críticas ao governo e propõe que o partido faça um discurso de "mea culpa", criticando a prática de troca de cargos por apoio político.

Já a candidatura de Perillo foi costurada com o apoio do senador Aécio Neves (MG), licenciado da presidência do PSDB desde que se tornou alvo da delação da JBS, em maio deste ano.

Alckmin considera a postura adotada por Tasso como "radical" e temia que o tom de críticas levasse o PSDB a um "isolamento" em 2018. Atento às movimentações partidárias, o tucano já vislumbra alianças com outras legendas, buscando fortalecer sua candidatura.

Por outro lado, também não agravada 100% o paulista a candidatura do governador goiano.

ELEIÇÕES

Ao se tornar presidente nacional da legenda, Alckmin fortalece sua candidatura ao Palácio do Planalto em 2018, cargo para o qual é favorito entre os tucanos.

A costura para que o partido chegue unificado à convenção, tira do caminho do governador paulista um cenário que poderia levar a um palanque dividido no ano que vem. O racha interno geraria uma perda de apoio de uma das duas alas do PSDB.

A convenção do PSDB está marcada para 9 de dezembro. Na data será definido o comando do partido pelos próximos dois anos, incluindo o período eleitoral.

Fonte: Com informações da Folhapress


COMENTE!

PMDB já admite apoiar candidatura de Firmino Filho

A mobilização é uma resposta ao PT, que estaria vetando Themístocles vice

O PMDB busca alternativas para o caso de o PT decidir não disponibilizar a candidatura de vice-governador para o partido como circulou no meio politico durante todo o dia de hoje. Até mesmo uma eventual candidatura do prefeito Firmino Filho ao Governo é cogitada e já tem quem a defenda dentro da agremiação, segundo confidencia feita por um importante integrante da legenda. A candidatura própria é aventada também, mas com menos entusiasmo. Amigos intransigentes defensores do nome de Themístocles Filho estão dispostos a reiniciar um processo de reaproximação do presidente da Assembléia Legislativa com o Palácio da Cidade e não faltam voluntários para a missão. O entusiasmo pelo nome do prefeito aumentou quando se espalhou o resultado de uma pesquisa encomendada pelo ex-governador Wilson Martins, presidente estadual do PSB, que não seria muito favorável à reeleição do governador.

Resultado de imagem para Firmino Filho

 Prefeito Firmino Filho         (Foto: Reprodução)


COMENTE!

PMDB reage à proposta de Ciro sobre candidatura a vice

PMDB não abre mão da indicação de Themístocles como vice de Wellington

Marcelo Castro com Wellington Dias 
 Foto: Reprodução

Houve reação do PMDB à proposta do presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, de que os eleitores, ouvidos através de pesquisas de opinião, vão decidir o nome do candidato a vice-governador na chapa de Wellington Dias (PT) nas eleições de 7 de outubro de 2018. O PMDB não abre mão da indicação do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho, como candidato a vice-governador. 

"É impensável, é inconcebível que um partido da dimensão do PMDB não venha participar com a indicação de um cargo desses que estão em disputa. Essa é uma posição, franca, clara, aberta, transparente do PMDB. Nós jogamos limpo. Nós reivindicamos a candidatura de vice para a gente ir para a mesa de negociação”, reagiu o presidente do PMDB no Piauí, deputado federal Marcelo Castro. 


Fonte: Assessoria
Editor: Paulo Pincel

COMENTE!

Deputado do PMDB reage a idéia de pesquisa

A proposta foi apresentada pelo senador Cito Nogueira e coloca a escolha de Themístocles Filho em duvida

A proposta apresentada pelo presidente nacional do Progressista, Senador Ciro Nogueira, de que a escolha do nome do candidato a vice-governador na chapa de Wellington Dias (PT), nas eleições 2018, deva ser através de uma pesquisa de opinião pública e apoio político, não foi aceita pelos deputados peemedebistas.

A aliança de partidos que apoiam o governador Wellington Dias deve ser firmada com a participação dos aliados do PT, Progressistas e PMDB participando na chapa majoritária. Essa é a opinião do deputado estadual e presidente da Fundação Hospitalar, Pablo Santos (PMDB).

Para o deputado peemedebista, as siglas partidárias que estão apoiando Wellington Dias devem marchar juntos na eleição de 2018. No entanto, ele considera que os maiores partidos tenha, a indicação na chapa majoritária na reeleição do petista para o Palácio de Karnak.

" A eleição de 2014 é lógico que deve ser respeitada na coligação de 2018. Mas a realidade de 2018 é totalmente diferente. O grupo do governador (Wellington Dias) está maior, o grupo do governador está mais forte, com um leque maior de partidos e que, para que essa coligação se mantenha forte e unida é necessário que os partidos tenha um maior representatividade não só na Assembléia, mas em números de prefeitos e vereadores. E que essa coligação seja respeitada e que todos participem da chapa majoritária", defende Pablo Santos.

Pablo Santos considera que é natural o PP querer a vaga de vice e de Senador, mas tem que ter a flexibilidade porque a conjuntura é totalmente diferente de 2014 E defende que, se for necessário realizar uma pesquisa, seja feita para vice-governador e senadores.

O peemedebista lembra que em Picos, na eleição municipal, foi realizada uma pesquisa para a indicação do candidato a vice-prefeito. E o grupo do Progressista perdeu a eleição em Picos. Pablo Santos lembra que o candidato do PP tinha cerca de 56 pontos percentuais e ganharia eleição.

Resultado de imagem para Pablo Santos

Pablo Santos     (Foto: Reprodução)

COMENTE!

'Quem tem que dizer se sou candidato é a população', afirma Doria

Declaração foi feita pelo prefeito de São Paulo durante evento "Fórum Veja: Amarelas ao Vivo", nesta segunda-feira (27)

'Quem tem que dizer se sou candidato é a população', afirma Doria 
 Foto: Secom

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), disse nesta segunda-feira, 27, que não lhe cabe dizer se é ou não candidato nas eleições gerais do ano que vem. "Quem tem que dizer é a população, o eleitor é quem decidirá se um candidato pode disputar", disse o tucano, durante evento "Fórum Veja: Amarelas ao Vivo", que está sendo realizado hoje na capital paulista, com a presença de dez personalidades que devem definir os rumos da política e da economia no ano eleitoral de 2018 e serão entrevistas pelos jornalistas e colaboradores da revista.

Ao dizer que é o eleitor quem decide o futuro de um candidato, ele ironizou: "Eu sou tucano, mas não ando em cima do muro; minhas posições são claras."

O prefeito disse que não é ele quem pede sondagens eleitorais que incluem o seu nome à corrida presidencial do ano que vem. E voltou ao discurso que vem fazendo desde que seu nome começou a circular como um dos postulantes ao Palácio do Planalto: "Eu entendo que o Brasil precisa de uma candidatura de Centro. (Jair) Bolsonaro está aqui e eu o respeito, mas o Brasil precisa ir pra frente. E os partidos precisam ter consciência em defesa do que é melhor para o Brasil", frisou, dizendo apoiar essa corrente, mesmo sem ser candidato. E defendeu um debate em torno de propostas para o País e não em torno de questões partidárias.

Ao falar de seu padrinho político, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), Doria disse que não vai engolir seu criador, "tenho alta estima pelo governador Alckmin". E refutou que possa haver fissura ou afastamento nessa relação. "Minha proposta é nos mantermos unidos pelo bem do Brasil, pois o País precisa retomar sua trajetória de crescimento."

Corrupção

No Fórum, João Doria disse não ser correto associar seu partido com a corrupção, por causa "do problema" com o senador tucano e ex-presidente nacional do PSDB Aécio Neves. "Sou PSDB e continuarei sendo PSDB, não o comparem com o PT", criticou, reiterando que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro José Dirceu e a senadora e presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PR), não são parâmetros de honestidade. Doria avaliou que se for comprovado que Aécio cometeu algum crime, "ele terá de responder por isso, pois o seu partido não é seletivo".

Indagado a respeito do fim do foro privilegiado para políticos, o prefeito disse que é a favor do foro, mas com mecanismos de defesa equilibrados. "A lei tem de ser cumprida em todas as circunstâncias para quem cometeu delitos", ponderando que em casos de crime com flagrante, não deveria haver foro privilegiado.

Na entrevista, Doria reclamou "dos ataques contínuos sofridos por quem está num cargo público" e convidou àqueles que o criticam a visitarem a cidade com ele. Apesar da afirmação, criticou seu antecessor, o petista Fernando Haddad (PT), dizendo que sua gestão superestimou receitas e subestimou dívidas. "A gestão Haddad deixou dívida de R$ 7,5 bi para a minha gestão." Ele disse que os estoques de remédios estavam zerados, que as últimas obras de recapeamento foram feitas na gestão Gilberto Kassab e que há dois anos não se fazia manutenção em semáforos. E citou feitos de sua administração, dizendo, por exemplo, que realizou importante programa na área da saúde.

O tucano rebateu no evento da Veja as críticas à área da mobilidade na capital paulista, justificando que a cidade tem uma frota de cerca de 8 milhões de veículos, uma das maiores do mundo em núcleo urbano e que a questão do trânsito demanda mais consciência da população. "Solução seria o uso do transporte coletivo e compartilhado e mais obras, mas nem o País e nem a cidade têm condições de fazer mais obras." E continuou: "Nova geração não tem mais como sonho ter carro, já aderiu aos aplicativos."

Ele refutou ainda a crítica de que sua gestão não daria a devida atenção à periferia, conforme prometido na campanha municipal do ano passado. "As zonas sul, norte e leste são nossa prioridade", garantiu.



Fonte: Com informações do Estadão Conteúdo. 


COMENTE!

26 de novembro de 2017

Nome de Serra permanece como opção do PSDB para 2018

Aliados do senador avaliam que ele poderia superar Geraldo Alckmin nas prévias do partido

Nome de Serra permanece como opção do PSDB para 2018 
 Foto: DR

O senador José Serra continua no páreo pela disputa ao Palácio do Planalto em 2018. De acordo com a coluna do Estadão deste domingo (26), o nome do parlamentar tem se fortalecido diante dos resultados desanimadores do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, em pesquisas de opinião. Segundo levantamento do Ibope, Alckmin tinha 5% das intenções de voto em outubro.  

Aliados de Serra acreditam que ele poderia superar o governador nas prévias do partido. O parlamentar tem sinalizado intenção de concorrer à presidência.

Na última quarta-feira, durante palestra para políticos italianos, o senador afirmou que o Brasil "perdeu" duas chances de eleger um presidente de origem italiana, em referência às derrotas sofridas em 2002 e 2010 para os petistas Lula e Dilma Rousseff. “Quem sabe no futuro vocês não elejam um”, completou Serra, após o comentário.


Fonte: Notícias ao Minuto

COMENTE!

Marina diz que decide 'em breve' sobre eleição

Ex-ministra fez declarações durante lançamento da candidatura ao governo do Tocantins do ex-juiz Márlon Reis, um dos idealizadores da Lei da Ficha Limpa

Marina diz que decide 'em breve' sobre eleição 
 Foto: DR

A ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva (Rede), candidata a Presidência em 2010 e 2014, afirmou na sexta-feira (24), em Palmas, que ainda analisa se vale a pena disputar eleição em 2018, sabendo que os prováveis concorrentes terão mais tempo, dinheiro e estrutura para a campanha. "Nosso tempo é de 12 segundos", disse Marina, afirmando que decidirá "em breve" sobre o assunto.  

Marina esteve em Palmas para participar do lançamento da candidatura ao governo do Tocantins do ex-juiz Márlon Reis, um dos idealizadores da Lei da Ficha Limpa, pela Rede.

Em coletiva, tanto Marina quanto Reis deixaram aberta a possibilidade de firmarem alianças com outros partidos, com a ressalva de que as composições não seriam "fisiológicas". O ex-juiz ressaltou que descarta qualquer acordo com envolvidos em casos de corrupção. "Mesmo porque seria incoerente."

Ao comentar a pesquisa Barômetro Político Estadão-Ipsos, que mostrou 60% de aprovação ao apresentador de TV Luciano Huck, Marina disse que haverá muitas mudanças até a definição final sobre quem será ou não candidato. "O mais importante é que não aconteça o mesmo que em 2014, quando quem ganhou foi a fraude, com dinheiro roubado da Petrobrás, Caixa Econômica e Banco do Brasil."



Fonte: Estadão Conteúdo (As informações são do jornal O Estado de S. Paulo)


COMENTE!

Luciano Huck desiste de disputa à Presidência da República

O anúncio oficial será feito pelo marido de Angélica nesta segunda, durante entrevista em São Paulo

Luciano Huck desiste de disputa à Presidência da República 
 Foto: Reprodução

Luciano Huck decidiu não disputar a Presidência da República em 2018. A informação é do colunista Lauro Jardim, do jornal "O Globo", neste domingo (26). O apresentador do "Caldeirão do Huck" havia recebido um ultimato da TV Globo e teria que deixar a emissora mês que vem caso quisesse ser candidato. O anúncio oficial será feito pelo marido de Angélica nesta segunda, durante entrevista em São Paulo. Nesta semana, uma pesquisa divulgada pelo jornal "O Estado de S.Paulo" informou que sua aprovação chegou a 60%.

Ainda de acordo com o colunista, o apresentador, que nunca confirmou sua intenção de tentar substituir Michel Temer, continuará envolvido com os movimentos suprapartidários Agora! e Renova BR. E sua decisão de não se candidatar foi tomada na última quinta-feira, quando a pesquisa do "Estado" foi divulgada. Em maio passado, Huck já havia dito que não tinha interesse em ser presidente da República, porém manifestou sua vontade de fazer algo pelo País. "N ão vou deixar de me envolver e de me dedicar à transformação do País. Acredito que, de onde estou, posso fazer muito e contribuir muito mais", escreveu em artigo o apresentador.

Globo já tinha opções para grade sem Huck

Antes mesmo do marido de Angélica tomar sua decisão, a emissora carioca estudava como poderia ficar sua grade de sábado em o casal. A apresentadora também deixaria o canal em caso de Huck sair candidato. As tardes poderiam ser ocupadas por filmes ou por Marcio Garcia, às voltas, atualmente, com a nova temporada do "Tamanho Família". O nome dele foi escolhido como opção, justamente, por já ter experiência em comandar programas de auditório.

Huck negou ter deletado fotos de Aécio Neves

Em maio, o senador foi indicado em uma etapa da Operação Lava-Jato ao supostamente receber propina dos irmãos Joesley e Wesley Batista. Alguns internautas apontaram que Huck teria deletado fotos de Aécio Neves de sua rede social. " Não haveria razão para deletar quaisquer imagens das minhas páginas. Mas como a internet é um território sem lei, qualquer um pode dizer o que quiser", explicou o pai de Joaquim, Benício e Eva.



Fonte: Terra

COMENTE!

Palanque de Alckmin terá ideias de direita e esquerda

O tucano começou a montar um discurso híbrido em sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto

Palanque de Alckmin terá ideias de direita e esquerda 
 Foto: Agência Brasil

Investimentos em programas sociais, privatizações e uma política dura de segurança deverão estar juntos no palanque de Geraldo Alckmin (PSDB) em 2018.  

Para furar a polarização entre Lula (PT) e Jair Bolsonaro (PSC) na campanha presidencial, o tucano começou a montar um discurso híbrido em sua pré-candidatura ao Palácio do Planalto.

O objetivo do governador paulista é se consolidar como o principal nome de centro na disputa, absorvendo plataformas identificadas com a direita –como o aperto das contas públicas– e bandeiras a esquerda –como a participação do Estado na redistribuição de renda.

Nas palavras de um aliado, Alckmin quer ser um "ponto de equilíbrio" entre dois polos "radicais" que lideram as pesquisas de intenção de voto. No último levantamento do Datafolha, Lula (35%) e Bolsonaro (17%) acumulavam o apoio de metade do eleitorado, enquanto o governador aparecia com 8%.

Na avaliação dos tucanos, o embate histórico entre direita e esquerda se diluiu nos últimos anos com o acirramento do antipetismo e o descrédito da política tradicional, abrindo caminho para um discurso que mescle posições dos dois lados do espectro ideológico com um tom moderado.

Um dos pontos centrais dessa plataforma deve ser a defesa de investimentos do Estado em programas de redução da desigualdade social, para fazer frente a um discurso que prejudicou candidatos tucanos em disputas passadas contra o PT.

Apesar das incertezas sobre a candidatura de Lula, os tucanos acreditam que o ex-presidente terá influência sobre a campanha mesmo que seu nome não chegue às urnas. Por isso, Alckmin deverá calibrar seu discurso sobre os programas sociais adotados em governos petistas.

Considerado um político conservador, o tucano mantém um programa centrado no controle de gastos, mas começa a se mover alguns passos à esquerda no debate sobre o reforço de redes de proteção social do governo.

"O governador é uma pessoa convicta da necessidade de controle das contas públicas, mas sabe que o rigor pode afetar setores da sociedade que dependem do Estado", diz o deputado Silvio Torres (PSDB-SP).

"Ele cuida com zelo das contas públicas, mas tem sensibilidade para atender às necessidades da população, especialmente a de baixa renda."

Em discursos recentes, o governador paulista também defendeu mudanças na legislação tributária para favorecer a população mais pobre. "Quem ganha um salário mínimo paga metade do que ganha de imposto, e os altos salários pagam muito pouco", disse na convenção do PSDB paulista, há duas semanas.

Em outro ponto do espectro, Alckmin vai defender a pauta de privatizações de empresas públicas com mais vigor do que em 2006 –quando enfrentou Lula na corrida presidencial e precisou se defender quando o petista afirmou que ele pretendia vender a Petrobras e a Caixa.

Os tucanos acreditam que, 12 anos depois, o tema deixou de ser tabu e poderá ser uma oportunidade de reforçar o viés liberal de Alckmin na economia e sua defesa da redução do peso do Estado.

Auxiliares do governador paulista também consideram crucial o fortalecimento de uma plataforma de segurança pública sob uma perspectiva conservadora, para evitar que o assunto seja monopolizado por Bolsonaro entre eleitores que consideram o tema uma prioridade.

Nessa área, Alckmin pretende adotar um posicionamento duro de combate à criminalidade, mas tentará se diferenciar do deputado ao direcionar seu foco para uma política de investimento em armas, tecnologia e formação de policiais.

O discurso híbrido do governador também faz parte de uma tentativa de formar uma aliança heterogênea para dar sustentação a sua candidatura.

O governador tem mantido contato com dirigentes do PP, de postura conservadora, e do PSB, que retomou posições à esquerda desde o início do governo Michel Temer. 


Fonte: Com informações da Folhapress. 


COMENTE!

Embora Lula desafie, PT pede 'respeito' à eventual candidatura de Huck

Integrantes do partido lembram que, em 1989, Collor também era menosprezado e acabou vencendo as eleições

Embora Lula desafie, PT pede 'respeito' à eventual candidatura de Huck 
 Foto: Divulgação

No mesmo dia em que recebeu uma pesquisa segundo a qual seu índice de aprovação subira de 43% para 60% entre setembro e outubro, Luciano Huck recebeu também uma flechada do ex-presidente Lula: "Quero disputar (as eleições presidenciais) contra alguém que tenha o logotipo da Globo na testa".

A provocação surtiu efeito, e o apresentador teria dito a pessoas próximas que desistiria do páreo por se dar conta de que teria a vida revirada ao longo do processo.

Ainda assim, há no PT uma ala que prega respeito à possível candidatura do global. O argumento, segundo o jornal Folha de S. Paulo, é o de que Collor era desprezado em 1989 e acabou saindo vitorioso, batendo o próprio Lula.

Esta parte dos petistas menciona também a alcunha de que Huck seria o "paizão dos pobres" em função de quadros de seu programa focados na reforma de casas e carros de pessoas humildes.


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Após 20 anos do crime, Djalma Filho entra com novo recurso para impedir julgamento

O crime completa 20 anos no dia 19 de setembro de 2018

Novo recurso 
 Foto: Jornalesp.com

O advogado José Eduardo Rangel de Alckmin, ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e primo do governador de São Paulo Geraldo Alckmin, recorreu da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que negou as pretensões do ex-vereador Djalma Filho de ver anulada a sentença de pronúncia que o remete a julgamento no âmbito do Tribunal do Juri Popular, sob a acusação de ser o mandante do assassinato do apresentador e jornalista Donizetti Adalto. 

O crime completa 20 anos no dia 19 de setembro de 2018.
A defesa questiona, com um surrado argumento, a ausência de que “não foi oportunizado, em momento algum, fase específica para que o acusado realizasse requerimento de diligência”, o que na visão da parte contrariada estaria “se admitindo supressão de fase essencial à defesa em processo penal”, atingindo frontalmente a Constituição da República brasileira.
O STJ, entretanto, em várias oportunidades, nos muitos acórdãos proferidos, já deixou claro que o que existe é um “mero inconformismo” da parte.
Não bastasse a ampla e superada discussão em torno dos argumentos, o advogado de Djalma Filho pleiteia a repercussão geral para a suposta “supressão de fase essencial ao processo de defesa”. Daí o ingresso de um Recurso Extraordinário, perante o STJ, que deverá remeter a peça para o Supremo Tribunal Federal, a mais alta Corte do judiciário brasileiro, guardião dos princípios e dispositivos constitucionais, responsável por analisar esse tipo de recurso. 

UMA TENTATIVA DE CONFUNDIR 

Um outro dispositivo constitucional que na visão dos advogados de Djalma Filho também estaria sendo desrespeitado seria o artigo 5º, Inciso XXXV, que diz: “a lei não excluirá da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito”. Além do inciso LV do mesmo artigo: “ninguém será privado da liberdade ou de seus bens sem o devido processo legal”. 

Aqui o “inconformado”, através dos seus representantes, defende a tese de que o STJ se negou a julgar questão de suma importância posta à apreciação do judiciário, no tocante à uma suposta divergência no entendimento de acórdãos diferentes produzidos pela mesma Corte. Só que o Superior Tribunal de Justiça assim também já havia se pronunciado: 

“O acórdão embargado reconheceu a possibilidade de o juiz indeferir, motivadamente, as diligências desnecessárias ou protelatórias, na esteira da jurisprudência assente desta Corte Superior, e no acórdão apontado como paradigma se fala em nulidade absoluta por supressão das fases dos art. 499 e 500 do CPP, dispositivos revogados desde o advento da Lei nº 11.719/2008″. Ponto. 

Já para Djalma Filho, “ocorre, todavia, que a semelhança fática é notória, assim como a divergência entre os entendimentos, além de se tratar de matéria de ordem pública, sendo inaceitável que o egrégio STJ se abstenha de analisar a divergência sob o argumento de ausência de similitude entre os casos, quando restou devidamente demonstrada a semelhança fática entre os arestos”. 

E indaga: “Ainda que os acórdãos paradigma e recorrido tenham se baseado em artigos distintos a questão posta para uniformização é saber se pode, ou não, ser suprimida fase prevista no ordenamento jurídico?”. 

Visando em seguida sustentar: “Para o acórdão recorrido, sim, conforme destacou-se na síntese fática, já para o paradigma, não, pois ofende os princípios do devido processo legal, do contraditório e da ampla defesa”. 

Por fim pede JUSTIÇA! para o seu caso. Assim mesmo, em letras garrafais. 

Até o momento, entretanto, o que parece existir é apenas o Jus Sperniandi. 


Fonte: Jornalesp.com

COMENTE!

25 de novembro de 2017

Ciro Nogueira avisa: "Lula é meu candidato a presidente"

Senador afirma que Lula foi o melhor presidente da história do Brasil

Resultado de imagem para Ciro Nogueira e Lula 
 Foto: Reprodução

O presidente nacional do Partido Progressista, senador Ciro Nogueira, surpreendeu a muita gente nesta sexta-feira (24), quando assumiu que o ex-presidente Lula será seu candidato a presidente da República em 2018. Ciro foi entrevistado pelo jornalista Amadeu Campos (TV Meio Norte), quando garantiu que a mesmo que Firmino Filho seja candidato a governador, fica com Wellington Dias. 

“O Lula é o melhor presidente da história deste país, principalmente, para o Piauí e o Nordeste. Por mais que eu tenha que pensar no Brasil, não me vejo na eleição votando contra o Lula. Por tudo o que ele fez, por tudo o que ele tirou de miséria deste povo, porque foi realmente decisivo no combate à fome”, avaliou o senador, citando o Minha Casa, Minha Vida como o maior programa habitacional do mundo. “Os programas que ele fez, o maior programa habitacional do mundo, que é o Minha Casa, Minha Vida. Aqui, estou falando pelo Progressistas do Piauí, o Lula é o meu candidato a presidente”, avisou. 

Sobre a aliança com o governador Wellington Dias, Ciro Nogueira assegurou que a palavra do PP é única. “Nós temos uma aliança com o governador consolidada e não é de agora, é uma aliança de 2014, temos a vice-governadora, temos ajudado muito o governador, principalmente no que diz respeito às finanças do estado, obras, da mesma forma em que estamos ajudando o prefeito. A minha expectativa é que o Firmino termine o mandato, gostaria muito de ter o Firmino em nosso palanque, nos apoiando para haver a integração do projeto da prefeitura com o governo do estado, se houver essa integração quem ganha é a população. Eu vou trabalhar dia e noite para ter o Firmino no palanque. Lógico, que se ele vier a ser candidato cresce o debate, vamos ter dois grandes candidatos. A minha opção é ficar com o governador porque temos essa aliança e a história do PP é de cumprir o que foi acordado”. 

O PP também não faz qualquer reserva ao nome do presidente da Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Themístocles Filho (PMDB), para a vaga de vice-governador na chapa de Wellington Dias. 

“A minha relação com o Themistocles não vem de mim, vem de meu pai, quando eles foram candidatos a primeira vez juntos. O Themistocles foi importantíssimo para a minha eleição ao Senado, me apoiou. Eu cedi a vaga de vice-prefeito, que viria para o PP, para ele. Agora é um fato diferente, quem tem a vice-governadora é o Progressista e é uma grande vice. Ninguém é candidato de si próprio, não existe exigência para a Margarete Coelho ser vice. Se lá na frente alguém provar para o PP que é fundamental para a eleição do governador o Themistocles como vice e a base preferir o Themistocles, nós temos que colocar o melhor time”, defendeu o senador. 

Sobre sua reeleição, Ciro Nogueira afirmou estar vivendo o meu melhor momento na vida pública. “De trazer recursos para o estado, investimentos, são milhões e milhões que estamos trazendo para cá. Acho que cheguei em meu melhor momento de influência em Brasília e isso só tem razão de ser se eu trouxe as coisas para o estado”.  


Fonte: Paulo Pincel
Editor: Luíz Brandão 

COMENTE!

Temer gasta R$ 14,5 bilhões em troca de votos para Previdência

Base ainda está longe de reunir os 308 votos necessários para aprovar o texto, mas não desistiu de colocar a proposta em votação ainda em 2017

Temer gasta R$ 14,5 bilhões em troca de votos para Previdência 
 Foto: REUTERS/Adriano Machado

A retomada das articulações para aprovar a reforma da Previdência ainda este ano vai exigir do governo o pagamento de uma "fatura extra" de pelo menos R$ 14,5 bilhões em troca de votos. A conta pode crescer nas próximas semanas com medidas que incluem compensações a Estados, ajuda a prefeitos e emendas parlamentares.  

O governo ainda está longe de reunir os 308 votos necessários para aprovar o texto, mas não desistiu de colocar a proposta em votação ainda este ano e já escalou seus principais líderes para conversas com bancadas nos próximos dias. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), indicou que a votação deve ocorrer na primeira semana de dezembro.

O governo já está lançando mão de novas benesses para melhorar o clima com o Congresso e angariar o apoio de prefeitos e governadores no corpo a corpo com deputados. Elas vão além das concessões feitas entre abril e maio, que incluíram os diversos programas de parcelamentos de débitos com direito a descontos em juros e multas - um para contribuintes em geral, um para Estados e municípios e outro para o setor rural.

Os prefeitos já conseguiram de Temer a promessa de R$ 2 bilhões em recursos e o aval para a derrubada de um veto no Congresso que, na prática, pode beneficiar os municípios em "pelo menos" R$ 10 bilhões, nas contas da Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

Segundo o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, haverá um "encontro de contas" entre prefeituras e União em torno da dívida previdenciária. Os prefeitos devem mais de R$ 75 bilhões à União, mas alegam ter dinheiro a receber do governo federal. Um comitê será criado para discutir os números, mas o processo deve demorar e se estender ao longo do ano que vem. A medida mais imediata será a liberação dos R$ 2 bilhões, que os prefeitos esperam já para dezembro.

Os Estados querem também fechar um acerto de contas das perdas com a Lei Kandir, que desonera exportações do pagamento de ICMS. A equipe econômica já previu no Orçamento de 2018 um desembolso de R$ 1,9 bilhão aos Estados por meio do Fundo de Auxílio Financeiro para Fomento das Exportações (FEX). Mas os Estados sempre pedem mais.

Proposta em discussão no Congresso prevê um repasse de R$ 39 bilhões por ano daqui em diante e uma negociação das perdas dos últimos dez anos. O acerto do passivo poderá envolver abatimento da dívida dos Estados com a União, mas o valor ainda será definido com a equipe econômica.

Outra medida que deve ajudar a melhorar o clima com o Congresso Nacional é a recente liberação de R$ 7,5 bilhões do Orçamento deste ano, que resultou em R$ 600 milhões a mais em emendas parlamentares. Com esses acenos, a equipe econômica evita envolver nas negociações medidas consideradas importantes para o ajuste fiscal, como o adiamento do reajuste dos servidores públicos.



Fonte: As informações são do jornal O Estado de S. Paulo e Estadão Conteúdo. 


COMENTE!

24 de novembro de 2017

Bolsonaro assina filiação 'pré-datada' ao Patriota

A não oficialização de Bolsonaro como membro efetivo do partido - hoje ele é presidente de honra - tem causado um desconforto interno na legenda

Bolsonaro assina filiação 'pré-datada' ao Patriota 
 Foto: Reprodução

Mesmo apresentado como o candidato do Patriota-PEN à Presidência da República desde julho, o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) continua sem ter o vínculo oficial com a legenda. A única ligação entre as duas partes é uma ficha "pré-datada", com a filiação marcada para o dia 10 de março de 2018, assinada por Bolsonaro. Dentro da legenda, um grupo de filiados está insatisfeito com a postura do presidenciável e já fala em "saída em bloco da legenda" ou em até "apresentação de outro nome para concorrer às eleições".  

A não oficialização de Bolsonaro como membro efetivo do partido - hoje ele é presidente de honra - tem causado um desconforto interno na legenda. Os insatisfeitos pressionam Bolsonaro para que ele dê uma sinalização definitiva de que não deixaria o Patriota-PEN "na mão" às vésperas de uma campanha eleitoral, indo para um partido com mais tempo de TV, por exemplo.

Essa pressão cresceu ainda mais quando o Conselho Nacional do PEN (o nome Patriota ainda não foi oficializado pelo Tribunal Superior Eleitoral) decidiu, por unanimidade, que o partido precisaria apresentar o seu candidato à Presidência no próximo dia 11 de dezembro. O deputado Walney Rocha (RJ), que também é presidente nacional do órgão partidário, afirmou que "ou Bolsonaro entra de fato no partido até a data definida pelo conselho ou não será o candidato do Patriota". Segundo ele, já há outros nomes cogitados.

"Não é admissível ele assinar uma ficha com uma data futura. Ele está, mais uma vez, querendo ser mais esperto do que todos nós", afirmou Rocha.

A filiação pré-datada foi a resposta do grupo de Bolsonaro e do presidente do Patriota, Adilson Barroso, para a decisão do conselho. "Ele é um homem de palavra. Ele é do nosso partido. A pré-filiação atende ao conselho e também evita que ele tenha problemas no atual partido. Se ele muda de legenda agora pode até perder o mandato de deputado. A Lei Eleitoral é muito dura", disse Barroso. A janela partidária para troca de legendas sem perda de mandato vai de março a abril de 2018.

O presidente do PEN afirmou também que o problema de Rocha com Bolsonaro passa por uma disputa local - já que Rocha tem como base eleitoral o Rio e está vendo a família Bolsonaro assumir o comando dos postos locais. "Eu adoro o Rocha, mas ele precisa aprender a dividir para que a gente possa crescer", disse Barroso.

Caso a entrada definitiva de Bolsonaro continue se arrastando, Rocha admitiu a possibilidade de uma saída em bloco do partido. "O Adilson Barroso está sendo enganado. O Bolsonaro está tomando todo o partido e não dando nenhuma garantia. Quando a eleição se aproximar, ele vai acabar deixando o Barroso e o partido na mão", disse. Rocha salientou que não tem nada contra Bolsonaro e que, até mesmo, "foi favorável à entrada dele no partido".

Outro deputado que está insatisfeito e pode deixar a legenda é Junior Marreca (MA). Com a mudança no estatuto do partido feita para se adequar ao discurso de Bolsonaro, políticos da legenda seriam proibidos de se coligar com partidos de esquerda. No Maranhão, Marreca é muito próximo do governador Flávio Dino (PCdoB). Rocha e Marreca chegaram a entrar com impugnação contra o novo estatuto do partido no TSE, mas o pedido foi negado.

Resposta

Nomes próximos de Bolsonaro afirmaram que o deputado só não assinou uma pré-filiação antes porque estaria esperando o cumprimento de um acordo: a substituição de algumas lideranças nos Estados. As principais peças movidas no tabuleiro do antigo PEN (futuro Patriota) estão no Rio, Distrito Federal, Minas, Pernambuco, Paraíba, Piauí e Rio Grande do Sul. O motivo dessas mudanças seria o de transformar o antigo PEN no Patriota - ou seja, um partido verdadeiramente de direita.

Interlocutores do deputado também admitiram que a pré-filiação teria sido uma resposta de Bolsonaro ao seu "futuro ex-partido", o PSC. O deputado não teria ficado "feliz" com o fato de o PSC ter lançado o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, como pré-candidato à Presidência da República.


Fonte: As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


COMENTE!

TJ recebe inquérito sigiloso contra Alckmin

O nome do governador não aparece na página do tribunal que permite o acesso e a consulta a processos

TJ recebe inquérito sigiloso contra Alckmin 
 Foto: DR

MÔNICA BERGAMO - O STJ (Superior Tribunal de Justiça) recebeu na quarta-feira (22) um inquérito que investiga o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

Ele foi distribuído para o gabinete da ministra Nancy Andrighi, que deve relatar o caso. O procedimento foi enviado do STF (Supremo Tribunal Federal) ao STJ, já que governadores de Estado têm foro privilegiado e respondem a procedimentos judiciais nesta corte.

O inquérito, aberto a pedido do Ministério Público Federal, corre em segredo de Justiça.

O nome do governador não aparece na página do tribunal que permite o acesso e a consulta a processos. A Corte informa apenas que o "requerido", ou seja, o alvo da investigação, está "em apuração".

Diz também que o procedimento está relacionado ao "direito penal".

Nesta semana, parlamentares do PT foram à PGR (Procuradoria-Geral da República) para reclamar da lentidão de investigações contra Alckmin no âmbito da Operação Lava Jato.

O governador foi citado por delatores da Odebrecht, que disseram ter pago cerca der R$ 10 milhões, em caixa dois, para campanhas do governador em 2010 e 2014. Um cunhado de Alckmin teria recebido os valores.

A PGR informou aos parlamentares que ainda não tinha recebido, do STF, o conteúdo das delações. E informou que os procedimentos em relação ao governador seguiam em sigilo.

Não é possível afirmar que o inquérito que chegou ao STJ nesta semana esteja relacionado com as delações da Odebrecht já que ele não foi tornado público até agora.


Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

Com o gato, prefeitura não fica no escuro e nem paga energia

O prefeito de Buriticupu, José Gomes Rodrigues (PRB), contratou um gato

O prefeito de Buriticupu, José Gomes Rodrigues (PRB), encontrou um meio fácil para não deixar os prédios da municipalidade na escuridão e ainda economiza porque não paga as contas de energia. Ele contratou um gato, a cada vez que a luz é cortada. Na imagem abaixo o leitor amigo verá os cortes constantes, mas aí vem o tal gato e resolve o problema.

 
 Foto: Reprodução 

A empresa contratada pela Cemar não aguentou mais o sobe e desce nos postes para impedir o prefeito de usar a energia elétrica de graça. Então, os próprios funcionários da Cemar saíram arrancando postes e retirando as fiações. Mas o prefeito já achou outra solução: vai contratar agora um tigre.  


Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Luciano Huck diz a amigos que não será candidato

A informação foi publicada pelo jornalista Gilberto Dimenstein em sua página no Facebook

Luciano Huck diz a amigos que não será candidato 
 Foto: Divulgação

O apresentador Luciano Huck comunicou a familiares e a amigos próximos que não pretende ser candidato a presidente da República. A informação foi publicada pelo jornalista Gilberto Dimenstein em sua página no Facebook. A reportagem confirmou o fato com dois interlocutores de Huck.  

Enviou também uma mensagem por WhatsApp ao apresentador. Ele está em uma gravação e não pôde responder.

Huck tem oscilado nos últimos dias entre se lançar ou não candidato. Por um lado, ele tem um grande desejo de participar da vida política do país. Por outro, tem muito a perder: um programa de televisão na TV Globo e contratos publicitários que são fruto da excelente imagem que tem com os consumidores.

Ainda antes que sua intenção se candidatar se tornasse pública, Huck chegou a se reunir com Alckmin para falar sobre política. Também conversou com Joaquim Barbosa, em quem pensava como ministeriável.

O ex-presidente Lula comentou a eventual candidatura de Huck nesta quinta (23), dizendo que quer "disputar com alguém com o logotipo da Globo na testa".

Neste ano, Huck se tornou integrante do movimento Agora!, que defende a renovação política. O deputado Roberto Freire (SP), presidente do PPS, propôs que sua legenda incorporasse o movimento em torno de uma candidatura do apresentador. O Agora!, no entanto, diz que não quer se tornar partido.

A interlocutores, Huck tem dito que se pronunciará definitivamente sobre o tema nos próximos dias.


Fonte: Com informações da Folhapress. 


COMENTE!

23 de novembro de 2017

Oito deputados reassumem para emendar orçamento

Os deputados reassumem as secretarias nesta sexta-feira

Resultado de imagem para deputados na assembleia piaui 
 Foto: Reprodução

Oito deputados estaduais que ocupavam cargos de secretário de Estado foram exnoerados ontem e reassumiram nesta quinta-feira (23), os mandatos para apresentação das emendas individuais imposittivas ao Orçamento Geral do Estado para 2018. Atendendo à convocação do presidente da Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, os deputados que ainda não haviam apresentado emendas ao Orçamento Geral do Estado para 2018 também entregaram hoje a relação de obras que receberão recursos no próximo ano em suas bases eleitorais. Cada deputado tem R$ 1,3 milhão em emendas para obras. 

Além de Hélio Isaías, também reassumiram os mandatos os deputados Fábio Novo (PT), Nerinho (PTB), Flávio Nogueira (PDT), Pablo Santos (PMDB), Zé Santana (PMDB), Francisco Limma (PT) e Fábio Xavier (PR). Janaina Marques (PTB) até ontem não havia retornado à Assembleia.

Apesar de todos estarem reassumindo os seus mandatos, já existe um acordo com o governo para que reassumam as secretarias e coordenadorias que dirigem a partir desta sexta-feira. “Amanhã será a renomeação. A permanência na Assembleia será apenas para viabilizar a apresentação das emendas”, disse Hélio Isaías.  


Fonte: Alepi 

COMENTE!

'O Congresso adora presidente fraco e o Temer é muito fraco', diz Lula

Em entrevista, ex-presidente também afirmou que “não vê possibilidade de não ser candidato” em 2018

'O Congresso adora presidente fraco e o Temer é muito fraco', diz Lula 
 Foto: Bruno Kelly / Reuters

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a afirmar, na manhã desta quinta-feira (23), que está disposto a disputar as eleições presidenciais de 2018 e que confia que “quem salvou o Brasil uma vez pode salvar o Brasil de novo”.

Em entrevista à rádio 730 AM de Goiás, Lula disse ainda que “não vê possibilidade de não ser candidato”.

O ex-presidente criticou as candidaturas que se colocam na figura de “outsiders” da política e disse que gostaria de enfrentar um candidato com o logotipo das organizações Globo na testa.

“O Bolsonaro já teve sete mandatos no Congresso e quer tentar dizer que não é político. O povo tem que observar essas coisas”, pontuou.

Sobre a atual crise política e econômica no país, Lula rechaçou a submissão do governo de Michel Temer ao Congresso. "O Congresso adora presidente fraco e o Temer é muito fraco do ponto de vista da opinião pública. E o Congresso aproveita. Existe articulação política e existe vender a alma ao diabo, que é o que o Temer está fazendo”, avaliou.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Vereadores discutem Orçamento com a prefeitura

Dudu e Cida Santiago debateram com os técnicos a LDO e o PPA de 2018

Resultado de imagem para vereador Dudu 
 Vereador Dudu (Foto: Reprodução)

Atendendo a uma solicitação dos vereadores Edilberto Borges, o Dudu (PT), e Cida Santiago (PHS), técnicos da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação estiveram na Câmara Municipal de Teresina na quarta-feira (22), para tratar sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e o Plano Plurianual (PPA) de Teresina, que definem os setores e os valores dos investimentos pelo município. 

Dudu aproveitou para cobrar a nomeação de candidatos aprovado no concurso para a Guarda Municipal. “Nós queremos aqui uma resposta para o povo sobre as suas necessidades. Nosso propósito com essa reunião é acertar o que é possível fazer, para que possamos ter um posicionamento sobre as questões que são trazidas até nós, como a realização de um concurso com vagas para Bibliotecários”, 

Dudu defende a realização de debate com representantes de classes, sindicatos, profissionais e a sociedade como um todo possam comparecer e, com sugestões, ajudarem a construir esses planos de investimentos para Teresina.  


Fonte: Assessoria 

COMENTE!

22 de novembro de 2017

Assembleia aprova o Plano de Aposentadoria Incentivada

O projeto de lei é de autoria do deputado Themístocles Filho (PMDB)

Resultado de imagem para themistocles filho 
 Foto: Reprodução 

Durante a sessão plenária desta quarta-feira 922), foi aprovado o Projeto de Lei 92/17, de autoria do deputado Themístocles Filho (PMDB), que altera a Lei nº6.986, de maio de 2017 e dispõe sobre o Programa de Aposentadoria Incentivada (PAI) dos servidores da Assembleia Legislativa. A matéria foi aprovada por unanimidade. 

Também foi lido ainda em Plenário o projeto de Lei de autoria do deputado Rubem Martins (PSB) que cria a campanha permanente de debate e conscientização sobre o assédio sexual no transporte público no Estado do Piauí. 

Em sua justificativa, o Projeto diz que todos os dias mulheres são vítimas de violência em seu cotidiano, e nos transportes públicos não é diferente. A desigualdade estrutural a que estão submetidas as mulheres reforça a banalização de condutas que violam e limitam o exercício dos direitos das mulheres. O direito de ir e vir é um dos grandes afetados no dia-a-dia das mulheres, principalmente nos transportes públicos do Piauí. 



Fonte: Alepi
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Gustavo Neiva desafia governo a provar fraude em lista

O deputado considerou uma ofensa com a oposição a acusação do depuatdo Evaldo Gomes

  
 Deputado Gustavo Neiva (Foto: Reprodução)

O deputado estadual Gustavo Neiva (PSB) considerou uma ofensa, uma falta de respeito com ele e com a oposição a acusação do deputado Evaldo Gomes (PTC) de que o parlamentar vive no mundo da ficção, criando na cabeça fantasias contra as PPPs, contra a subconcessão da Agespisa e agora contra o empréstimo do Governo do Estado.  

“Na vontade de defender o governo, o deputado Evaldo Gomes acusou a oposição de pregar a ficção, mas eu o que eu previ aqui na tribuna aconteceu, de que o processo da Agespisa seria judicializado; que o Tribunal de Contas é um órgão com competência para fiscalizar a correta aplicação dos recursos públicos, formado por técnicos que enfrentaram concursos difíceis, que são capacitados”.

Gustavo Neiva comentou o recebimento de um prêmio pela PPP do Piauí como a melhor do Nordeste e a segunda Melhor do Brasil. “Eu fico preocupado porque se esse daqui é melhor do Brasil e se as três PPPs que foram feitas no Piauí estão judicializados, como não será o nível das PPPs no resto do Brasil?.Neiva recebeu informação de que o Judiciário estaria fiscalizando o Terminal Rodoviário de Teresina e pediu que fosse fiscalizado também o terminal de Floriano.

“Os administradores receberam a rodoviária recém reformada de mão beijada, de graça e nunca trocaram uma lâmpada de um poste do pátio externo estacionamento”.O orador também falou da PPP da Ceasa e da Agespisa. “Fico preocupado quando a Dra. Viviane (Moura, Suparc) que é a superintendente vai para a imprensa para falar como advogada da empresa Aegea, depois que o Tribunal de Contas mandou refazer a licitação por vícios por irregularidades que tem que ser sanados. Ela analisou a situação como preocupante para as outras parcerias que o Estado possa afirmar, alegando que o TCE tentar mudar as regras do edital depois que a ação foi concluído é temeroso. É um ambiente de nós estamos criando para atrair o privado”, leu Gustavo Neiva, reproduzindo a fala de Viviane Moura.

“O tribunal por 4 a 1 apontou o erro na licitação e doutora Viviane diz que não, que os técnicos do TCE é que estão errados. A ideia do governo e passar para opinião pública de que o fato está consumado, que não há o que fazer. A Justiça vai julgar baseada nos fatos, no processo e o TCE já encaminhou o acórdão ao TJ-PI e ao Supremo Tribunal Federal. Não há outro caminho que não determinar a anulação do contrato cumprido o que julgou o Tribunal de Contas”.

Falta de água


Gustavo Neiva lamentou que a população de Teresina esteja enfrentando um problema maior, depois da subconcessão do abastecimento de água para a empresa Água de Teresina.“Assista televisão, ouça o rádio... a população inteira reclamando do desabastecimento de água. Bairros onde havia água deixou de ter, sendo abastecido com carro-pipa. Já se vão seis meses e a empresa não resolveram nenhum problema e nem vai resolver. Qual é a empresa que tem seu capital e vai entregar em um litígio desse, onde já há uma decisão do órgão de controle de contas porque que ela vai investir mais dinheiro? Aí ou devolve para a Agespisa ou ele manda fazer uma nova licitação. Não há outro caminho”.

Defesa

Gustavo Neiva acusou a superintendente Viviane Moura de agir como advogada de defesa da Aegea e não os interesses do Piauí quando já fala em ressarcimento do que foi investido pela empresa na Agespisa. Neiva ressaltou que nunca foi desmentido porque anda com a verdade. “Estou aqui para defender a zelar pelo correto emprego dos recursos públicos, pelas instituições que compõem o estado do Piauí e a boa prestação de serviços à comunidade”.

Aparte

O deputado Dr. Pessoa (PSD) pediu a palavra para se referir a um problema não sou do Piauí mas o Brasil inteiro e que já vem há muito tempo. “Vossa Excelência quando sobe à tribuna não é para angariar votos com conversa fiada para autopromoção. Eu não vejo isso vossa excelência. Sempre quando está aí na tribuna é sempre documentado, fundamentada em fatos para debater assuntos relevantes. O povo clama por determinadas coisas e a gente representa o povo. E é preciso reconhecer a seriedade do Tribunal de Contas do Piauí principalmente sobre o comando de Conselheiro Olavo Rebelo. E vem a ministra Viviane querendo passar lição ao Tribunal de Contas”.

Gustavo Neiva chamou Viviane Moura de “toda poderosa”, “dona da verdade”, quando tenta desqualificar o Tribunal de Contas do Estado, acusando os conselheiros de tentar mudar o edital depois da licitação concluída. Ela se acha acima das prerrogativas do Tribunal de Contas, Pior: está processando um portal porque divulga os documentos das PPPs para tentar calar a imprensa do Piauí, apesar da prerrogativa constitucional da liberdade de imprensa, de acompanhar os fatos e divulgar esses erros. A imprensa faz um trabalho valioso quando divulga, quando dá espaço igual para oposição e governo. Aí de nós se não fosse a imprensa livre do nosso país e do nosso estado. Ao invés de acusar, processar empresa, ela deveria se defender das acusações que estão pesando sobre ela… Fiquei ofendido com atitude do colega de falar em ficção. Tenho certeza de que a Caixa não vai desmentir as nossas palavras. E nem que a lista é ficção. Eles precisam apenas dizer onde está o dinheiro”, concluiu.

 

Paulo Pincel
Edição: Katya D'Ângelles
Fonte: Alepi 

 

COMENTE!

Vereador manda Firmino trabalhar ao invés de ameaçar

Dudu vai à justiça contra interferência de Firmino nos assuntos da Câmara

Dudu (PT) 
 Vereador Dudu (Foto: Reprodução)

Em pronunciamento a Câmara Municipal de Teresina (CMT) durante a sessão de terça-feira (21) o vereador Edilberto Borges, o Dudu (PT), denunciou a interferência do prefeirto de Teresina, Firmino Filhio, nas decisões do Poder, como na eleição da Mesa Diretora da Câmara, quando o chefe do Executivo municipal e o secretário de Governo Charles Silveira ligaram para vários vereadores criticando, ameaçando. 

“Quando ele falou de interferência externa nesta Casa, ele devia lavar a boca, pois ele foi vereador e foi deputado. Ele sabe que os poderes são harmônicos, mas independentes e ele quis interferir nesse Poder. Ligou para o deputado Themístocles Filho e vem com essa história de que está sendo perseguindo pelo PMDB. O presidente Jeová foi eleito com 17 votos, o requerimento que pedia antecipação foi aprovado com 24 votos. Porque o prefeito não fala da tentativa dele de interferir neste poder? Nós temos áudios e mensagens dele e do secretário Charles da Silveira e nós vamos interpelar judicialmente”, avisou Dudu. 

O vereador recomendou ao prefeito que se preocupe não com o que a Câmara faz ou deixa de fazer, mas com os problemas da capital, que não tem água, energia, segurança, hospitais, transporte, saneamento, lazer, nada. 

"Trabalhe, bote os hospitais para funcionar, tem gente morrendo nas praças de Teresina, chame a Guarda Municipal, é esse o seu trabalho. Essa casa aqui não vai se curvar diante das suas vontades e nós vamos continuar fazendo nosso trabalho, inclusive fiscalizando as ações da Prefeitura. Nós seguiremos vigilantes”,avisou. 


Fonte: Assessoria 

COMENTE!

21 de novembro de 2017

Tribunal nega absolvição sumária da ex-primeira-dama Marisa Letícia

Corte entendeu que, com a morte dela, não é possível julgar sua inocência

Tribunal nega absolvição sumária da ex-primeira-dama Marisa Letícia 
 Foto: Jamil Bittar / Reuters

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região decidiu nesta terça-feira (21) contra a absolvição sumária da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, que morreu em fevereiro deste ano.  

Quando Marisa morreu, o juiz Sergio Moro, da primeira instância, considerou que a punibilidade estava extinta, mas não determinou a absolvição sumária. A defesa da ex-primeira-dama e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, então, entrou com recurso no TRF-4.

A Corte entendeu que, com a morte de Marisa, não é possível julgar sua inocência. O desembargador Leandro Paulsen disse que a discussão é "estéril". "O Estado não mantém o processo em andamento. Não julga alguém que já faleceu."

O desembargador Victor Laus afirmou que, se Marisa não foi e não pode ser condenada, também não pode ser absolvida. "A memória dessa pessoa está salvaguardada. Falecida, cessa-se qualquer juízo."

Em sustentação oral, o advogado Cristiano Zanin defendeu que a lei 11.719, de 2008, prevê que o juiz reconheça a absolvição sumária nas hipóteses de extinção da punibilidade.

Conforme adiantado pela Folha de S.Paulo, a defesa usou decisão de 2009 da ministra do STF Cármen Lúcia para defender sua argumentação. Outro entendimento anterior do Supremo, do ministro Celso de Mello, também foi citado.

Zanin também disse que outros fatos se agregam à necessidade da absolvição sumária, como o levantamento do sigilo de conversas íntimas entre Marisa e familiares, "gerando perante a opinião pública uma manifestação absolutamente incompatível com a garantia da presunção de inocência".

Marisa respondia por três crimes de lavagem de dinheiro no processo que envolvia o tríplex no Guarujá (SP).

A Procuradoria chegou a se manifestar contra a absolvição sumária, em outubro deste ano. Em documento protocolado em 16/10, o Ministério Público Federal afirmou que "não há como o magistrado emitir juízo sobre a inocência ou a culpa da acusada".

"A decisão que declara extinta a punibilidade não é absolutória, na medida em que o magistrado, ao reconhecer uma situação jurídica, simplesmente declara que o Estado não tem mais a possibilidade de aplicar a sanção penal ao acusado, deixando, portanto, de analisar se ele é inocente ou culpado", dizia o texto.



Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

Eduardo Cunha tem pena reduzida na Lava Jato

Após apelação, o Tribunal decidiu diminuir a pena do ex-deputado

Eduardo Cunha tem pena reduzida na Lava Jato 
 Foto: Rodolfo Buhrer / Reuters

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) diminuiu a pena do deputado cassado Eduardo Cunha para 14 anos e 6 meses. Cunha havia sido condenado a 15 anos e 4 meses pelo juiz Sérgio Moro, em primeira instância, por lavagem de dinheiro, corrupção passiva e evasão de divisas em processo da Lava Jato.  

No entanto, segundo destaca o G1, nesta terça-feira (21) a pena foi decidida em segunda instância, em Porto Alegre, sem unanimidade. Os desembargadores decidiram pelo cumprimento imediato da pena após julgamento de eventuais embargos de declaração, recursos para esclarecer pontos da sentença.

A apelação apresentada pela defesa incluía diversos argumentos que levaram ao pedido de absolvição. Os advogados queriam a nulidade da sentença. Mas o Ministério Público Federal (MPF), responsável pela denúncia, havia pedido o aumento da pena. "Essa condenação é obscura, o início dela é um documento suíço que sofreu uma tradução incorreta. Em menos de três meses foi conduzido um processo dessa complexidade. [Dinheiro atribuído a Cunha é] Patrimônio de mais de 25 anos que ele tinha no exterior, com bens lícitos", alegou o advogado Pedro Ivo Velloso no julgamento.

O ex-presidente da Câmara dos Deputados está preso desde outubro de 2016 e os advogados pediram que ele permanecesse cumprindo a pena em Brasília, onde estava há mais de dois meses e foi interrogado, mas o juiz Sérgio Moro negou. Cunha deve seguir no Complexo Médico-Penal (CMP) em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.



Fonte:Notícias ao Minuto 


COMENTE!

20 de novembro de 2017

João de Deus acusa oposição de baixar o nível do debate

O parlamentar admitiu que o governo tem defeitos, mas que vem procurando melhorar a gestão em vários aspectos

 
 Deputado João de Deus (Foto: Reprodução)

 O deputado João de Deus (PT) ocupou a tribuna para defender o Governo do Estado do discurso duro da oposição na Assembleia Legislativa, onde, segundo ele, o governador já chegou a ser xingado até com palavras de "baixo calão". João disse que muitos deputados que hoje estão na oposição já fizeram parte do governo em anos anteriores, porque naquele momento eram pessoas que se serviam do governo.

O parlamentar admitiu que o governo tem defeitos, mas que vem procurando melhorar a gestão em vários aspectos, citando a criação do Portal da Transparência e a Controladoria Geral do Estado.

“Nós também temos o mesmo direito de questionar aqueles que estiveram no governo passado, de Wellington Dias, quando diziam que esse governo era correto e agora dizem que não o é. E da mesma forma que vossa excelência usa seu discurso, também temos o direito de usar o nosso discurso. O governo tem falhas e, com a complexidade que tem a máquina pública, logicamente que o governo tem falhas. Mas tenta de toda forma, corrigir essas falhas”, disse João de Deus, referindo-se ao deputado Robert Rios (PDT), que falou antes dele e fez duras críticas ao Governo do Estado.

O orador falou também sobre as operações de crédito que o Governo está realizando e que não é justo antecipar os fatos em relação ao trabalho do Tribunal de Contas do Estado, que, segundo ele, cumpre a sua fuinção de fiscalizar as contas do Governo. O líder do Governo acrescentou que o governador Wellington Dias tem buscado meios de aprovar recursos privados, através das PPPs (Parcerias Público Privados) que servem como referências para várias estados brasileiros.

João de Deus observou que a oposição aponta as falhas nas PPPs, mas não aponta soluções, E que os críticos vão quebrar a cara, por exemplo, com relação à PPP do Terminal Rodoviário Lucídio Portela, em Teresina, que já está funcionando a contento.

 “A opinião pública é quem é, na verdade, o grande juiz do debate travado diariamente na Assembleia. Não podemos deixar passar as críticas e agressões aqui nesta Casa, como sendo verdadeiras e cristalinas. A minha verdade ou a de quem quer que seja. Vamos fazer o debate”, reiterou.

O deputado Rubem Martins (PSB) disse não concordar com a fala do deputado João de Deus, quando este disse que a oposição tem um discurso vazio e que denuncia por qualquer coisa.

“Eu quero me excluir desse denuncismo que vossa excelência coloca. Tratei, hoje aqui, de um relatório de auditoria do Tribunal de Contas do Estado. Não inventei nada. Nesse caso, são auditorias na Secretaria Estadual de Educação”, disse o parlamentar, acrescentando que espera que não encontrem as falhas citadas no relatório, como o pagamento de R$ 1 milhão 960 mil para uma empresa sem licitação. 


Em resposta, João de Deus afirmou que não tinha se referido ao deputado Rubem Martins e que tem grande maior respeito por ele, e que o mesmo faz uma oposição qualificada.  

Lindalva Miranda
Edição: Paulo Pincel
Fonte: ALEPI 

COMENTE!

Vereadores chamam Dr. Pessoa de "governador"

Denis Pescado e Remo Carvalho, de Cajueiro da Praia, foram à Assembleia

Resultado de imagem para Dr.pessoa 
 Dr. Pessoa (Foto: Reprodução) 

O deputado estadual Dr. Pessoa (PSD) foi chamado de "governador" pelo vereador Denis Pescado (PRB) e pelo suplente Remo Carvalho (SD), do município de Cajueiro da Praia, no litoral do Piauí, no começo da tarde desta segunda-feira (20), na Assembleia Legislativa. 

Dr. Pessoa pediu a palavra para ressaltar a presença em plenário dos parlamentares de Cajueiro da Praia. Pessoa afirmou que recebeu o convite dos vereadores para conhecer a Câmara Municipal e comer caranguejo e camarão em Cajueiro da Praia. “Eu me sinto orgulho da presença dos vereadores acompanhando os trabalhos no nosso parlamento". 

Após a sessão, os dois desceram das galerias e foram até o gabinete do deputado para conversar. 

Em seguida, o deputado condenou a corrupção no Brasil, que seria a principal causa da crise vivida no país. Em relação ao discurso do deputado João de Deus - prosseguiu Dr. Pessoa - quero lembrar que a crise vivida no país é consequência da roubalheira, dos desmandos administrativos e da impunidade, como a que assistimos no Rio de janeiro onde bandidos que desviaram dinheiro público foram presos e no outro dia estavam soltos”, lamentou.  


Fonte: ALEPI
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Em postagem ridícula, Sarney brinca com assunto sério: desvio de recursos federais

O ex-senador fez de um assunto sério uma piada de péssimo gosto.

O ex-senador José Sarney (PMDB-AP) fez de um assunto sério uma piada de péssimo gosto. Ao tratar da operação “Pegadores” que apurou o desvio de R$ 18 milhões da Saúde do Maranhão, tentou aflorar o lado humorístico, que não é a praia dele, para gozar de uma situação que merece ser denunciada e não avacalhada. Ao contrário de desconstruir o governo comunista, a postagem de Sarney acabou construindo discursos para os que lutam por desqualificar a operação da Polícia Federal.

 
 Sarney (Foto: Reprodução) 

Membro da Academia Brasileira de Letras (aquela casa que abriu as postas para políticos, empresários, corruptos, e fechou para verdadeiros poetas e escritores), Sarney ainda chegou a ser reproduzido por alguns cegos em seu devaneio.

Tentando fazer gracinhas no seu blog (não sabia que Sarney virou blogueiro), o ex-presidente da República deturpa a operação, que em nenhum momento diz que uma sorveteria abocanhou R$ 18 milhões da Saúde do Maranhão. A operação federal é clara e apontou a transformação de uma empresa que vendia sorvetes em gestora de saúde pública, faturando R$ 1,2 milhão do total dos R$ 18 milhões desviados.

Sem nenhum tempero, o humor de Sarney é uma viagem numa embarcação pesada rumo ao mundo da alucinação sem graça.

Diz Sarney que o governo comunista descobriu um medicamento que cura todas as doenças: o sorvete milagroso. Em seguida reduz o tempo da operação de dois anos e alguns meses para menos de um ano e meio.

Sarney insiste na tentativa de fazer humor e de misturar aquilo que a empresa não fazia mais uns dois anos (sorvete) com o dinheiro desviado da Saúde: “Foi feito o cálculo de que é um remédio muito barato para os hospitais. O problema é saber se cada paciente precisa de casquinha de uma bola ou de duas bolas e também o sabor, se de coco ou de cocô, de chocolate, de baunilha ou de açaí. Tudo feito aqui”. Alguém sorriu? Nem eu.

O ex-presidente da República não consegue ser engraçado, embora tenha participado de várias palhaçadas neste país.

A única vez em que contou uma piada fez o Maranhão sorrir faz muito tempo. Quando era governador conseguiu sobrevoar com um general presidente da República sobre o verde campo de Perizes e disse que aquilo tudo era arroz. O militar acreditou e o dinheiro jorrou na agricultura do Maranhão.

Em respeito aos leitores, o blog não vai reproduzir a postagem de Sarney.  


Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Tiago Vasconcelos emite nota de esclarecimento sobre sua saída do comando do PSC

A nota só aparece depois que anuncio minha saída, afirma ex-vereador.

Resultado de imagem para Tiago Vasconcelos 
 Tiago Vasconcelos (Foto: Reprodução)

Diante da nota mentirosa enviado a imprensa, supostamente em nome da Executiva Nacional, solicitarei através de nosso advogado, que sejam informados quais são os cargos comissionados que indiquei no governo, com os nomes das pessoas e a nomenclatura dos cargos.

Tanto o presidente nacional, como o novo presidente estadual tiveram ciência da mesma audiência, que hoje usam como pretexto.

 Na verdade, a nota é só uma tentativa de encobrir a maneira espúria e covarde como conduziram a mudança de comando.

O mais contraditório na nota é que queriam o leviano e praticante da velha política aqui como vice-presidente estadual e presidente de Teresina.

Cargos e contratos no governo que tem é a equipe que assumiu o comando do PSC Piauí. Cargos através do irmão deputado, e sobre contratos, pode consultar os portais que recebem da Cordenadoria de Comunicação pra identificar se o portal da família está na relação de parceiros. Além da Festa Junina, paga ao mesmo grupo através da secretaria de Cultura do estado.

A nota só aparece depois que anuncio minha saída.            





COMENTE!

Em evento do PCdoB, Lula apoia candidatura de D’Ávila ao Planalto

"É uma pessoa por quem tenho um profundo respeito e admiração”, anunciou o petista, destacando a parceria entre os dois partidos

Em evento do PCdoB, Lula apoia candidatura de D’Ávila ao Planalto 
 Foto: Divulgação

Nesse domingo (19), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou do 14º Congresso do PCdoB, em Brasília, e destacou a pré-candidatura da deputada estadual pelo Rio Grande do Sul Manuela D’Ávila à presidência da República. “A nossa querida companheira Manuela D’Ávila é uma pessoa que eu tenho um profundo respeito e admiração”, anunciou o petista, no início do seu discurso.  

“Eu sou o único ser humano na face da Terra que não posso dizer nunca, a nenhuma pessoa, que quer ser candidato à Presidência da República, que não seja. Primeiro porque eu acho que todo partido político tem o direito de ter uma candidata ou um candidato à Presidência. Segundo porque eu acho que é um direito legítimo as pessoas se colocarem à disposição de seus partidos para ser candidato. Terceiro porque, se não fosse a minha teimosia e se não fosse a teimosia do PT, eu não teria nunca chegado a presidência da república”, afirmou.

Lula aproveitou sua fala para exaltar a caminhada de parceria e de luta entre o PT e o PCdoB. “Começamos a construir um sonho. Nós sonhamos e provamos que era possível a chegada da esquerda ao governo, que era possível fazer as transformações que até então a gente acreditava que pudéssemos fazer.”

“Nós ousamos sonhar e, além de sonhar, acordamos e tivemos a coragem de transformar os nossos sonhos em realidade. Não conseguimos todos, mas a verdade é que nós sonhamos muito", salientou o ex-presidente.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

19 de novembro de 2017

Desde FHC, Temer é o presidente que mais editou MPs

Atual presidente editou 83 MPs – em média, uma a cada 6,5 dias de governo

Desde FHC, Temer é o presidente que mais editou MPs 
 Foto: Reuters / Ueslei Marcelino

Michel Temer é considerado o presidente da República que, proporcionalmente ao tempo de governo, mais editou medidas provisórias (MPs) desde 1995, quando se iniciou o primeiro mandato do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

De acordo com o levantamento divulgado pelo G1, após a Constituição de 1988, apenas José Sarney e Itamar Franco usaram o recurso mais vezes que Temer.

O atual presidente editou 83 MPs – em média, uma a cada 6,5 dias de governo. Itamar Franco fez em média uma MP a cada 5,7 dias e Sarney, uma a cada 5,8 dias.

Congressistas questionam o excesso de MPs editadas por Michel Temer e esperam que o Executivo recorra menos a MPs e envie ao Congresso mais propostas na forma de projetos de lei. Segundo destaca a publicação, o governo recorre às MPs porque entram em vigor de imediato e têm tramitação mais rápida que a dos projetos de lei.

A Constituição define que as MPs devem ser utilizadas somente em questões de caráter urgente e relevante. Quando publicada, a MP passa a ter eficácia imediata e tem prazo de até 120 dias para ser votada na Câmara e no Senado.



Fonte: Notícias ao Minuto  

COMENTE!

'Não vai ser difícil ganhar as eleições de 2018', diz Lula

Petista declarou que é preciso evitar a aprovação da reforma da Previdência, que "está acontecendo concomitantemente com o desmonte da Petrobras"

'Não vai ser difícil ganhar as eleições de 2018', diz Lula 
 Foto: Ricardo Stuckert

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou neste domingo, 19, que "não vai ser difícil" ganhar as eleições presidenciais de 2018, mas defendeu uma mudança de estratégia dos partidos de esquerda para barrar as propostas do governo Michel Temer no Congresso. Ele avaliou que a oposição está fragilizada e lamentou que não tenha conseguido barrar o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e propostas que, na sua avaliação, representam um retrocesso com relação aos avanços das gestões petistas, como a reforma trabalhista.  

"Éramos contra reforma trabalhista, e ela aconteceu, éramos contra a Previdência, e se não tomarmos cuidado, vai acontecer", disse o petista, ao discursar no Congresso do PCdoB. Lula afirmou que o governo Michel Temer é "fraco" e, por isso, se submete "aos interesses do mercado". "Nenhum presidente fraco é respeitado." "Os congressistas que estão votando pelo desmonte não têm compromisso conosco. Nunca vi tanto deputado reacionário, tanto troglodita, e se não tomarmos cuidado vai piorar na próxima eleição", disse.

Ele declarou que é preciso evitar a aprovação da reforma da Previdência, que "está acontecendo concomitantemente com o desmonte da Petrobras". "Não tenho mais idade de ficar criando movimento 'fora Temer' e ele estar dentro, de ficar gritando não vai ter golpe e ter golpe. Vamos ter que parar de gritar e evitar que isso aconteça mesmo. Isso não pode continuar acontecendo debaixo da nossa barba." Segundo ele, estão querendo desmontar a Petrobras porque "eles não são políticos, são usurpadores." E continuou: "Eles não têm compromisso com o povo brasileiro, querem fazer o desmonte, destruir o BNDES, a Eletrobras, a Caixa, desmontar a cidadania."

No discurso, Lula disse que, se não fosse pela sua teimosia e a do PT, não teria chegado à Presidência da República. E que provou que era possível a esquerda transformar este País, citando melhorias em salário, educação e na própria inserção do Brasil no exterior. "Deixamos de falar 'fino' com os Estados Unidos." "Tiramos o País do mapa da fome." E lamentou que o sonho que a gestão petista sonhou "infelizmente está sendo aos poucos desmontado". "Estava tudo preparado para o Brasil se tornar a 5ª economia do mundo."

Esquerda unida

Lula fez um discurso pela unificação da esquerda no País e de incentivo à candidatura da deputada estadual gaúcha Manuela D'Ávila à presidência da República, durante congresso do PCdoB realizado neste domingo. Ele chegou ao evento por volta do meio-dia, acompanhado da presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), e sentou ao lado da pré-candidata e do governador Flávio Dino (MA), ambos do PCdoB. Ele destacou que a candidatura de Manuela não deixa "rusgas" na relação do PT com o PCdoB.

"Manuela, mesmo quando a gente faz uma campanha que a gente não ganha, se a gente fizer uma campanha ideologicamente bem feita, bem organizada, e a militância for para a rua, quero dizer que vale a pena ser candidato. Da minha parte, a única coisa que vão estranhar daqui para frente é um belo dia eu aparecer em algum dos comícios da Manuela."

Ele disse que apoia que outros partidos também lancem candidatos, mas rejeitou a tese de que Geraldo Alckmin (PSDB) seria um candidato de centro. "Não podem dizer que Lula é de extrema esquerda, que Jair Bolsonaro é de extrema direita, e que é preciso achar o caminho do meio. Quem convive com Bolsonaro sabe quem ele é, que é mais do que extrema direita, mas ele também tem direito de ser candidato."

Lula disse ainda que somente partidos com legado terão chance de vencer a próxima eleição presidencial, e lembrou que PT e PCdoB construíram um forte legado nos últimos 30 anos, desde a campanha presidencial de 1989, citando conquistas do seu governo. "Por isso temos que governar o País sem querer ser governante, a gente tem que ouvir o povo, o povo sabe, nós só temos que ter coragem de perguntar." Ele defendeu ainda a regulação dos meios de comunicação e distribuição de riquezas. "Quero meios de comunicação onde todos possam se manifestar."



Fonte: Com informações do Estadão Conteúdo.


COMENTE!

PSC acusa ex-vereador de barganhar apoio por cargos

Tiago Vasconcelos foi retirado sumariamente da presidência do PSC no Piauí

Resultado de imagem para tiago vasconcelos 
 Foto: Reprodução

O Partido Social Cristão divulgou uma nota de esclarecimento ao público para justificar a saída "sumária" do ex-vereador Tiago Vasconcelos da presidência do PSC no Piauí. O novo presidente do diretório estadual do PSC é o advogado e empresário Valter Alencar Rebelo, recém-filiado ao partido e pré-candidato ao Governo do Estado em 2018. 

A nota é bastante incisiva e acusa o vereador de barganhar o apoio do PSC em troca de cargos no governo Wellington Dias “sem o conhecimento e anuência da Executiva Nacional”. A nota menciona um encontro de Tiago Vasconcelos, com o governador Wellington Dias (PT), do qual participaram o deputado estadual Fernando Monteiro e o presidente nacional do PRTB, Levy Fidelix, para negociar o apoio do PSC para a reeleição do petista em 2018 sem o conhecimento e anuência da Executiva Nacional do PSC. 

“Essa postura do partido era de pleno conhecimento do ex-presidente que, mesmo assim, agiu de forma leviana e ignorou as orientações defendidas pelo partido. Foi essa a manobra, que representa uma prática da velha política e que é combatida pelo PSC, que ocasionou a saída sumária do ex-presidente Tiago”, denuncia a nota da Executiva. 

A íntegra da nota : 

“ Em razão das manifestações do ex-presidente do PSC-PI à imprensa, é necessário fazer os seguintes esclarecimentos : o governador do Piauí tentou cooptar a legenda do PSC por meio de manobra em conjunto com o ex-presidente Tiago Vasconcelos sem o conhecimento e consentimento dos demais membros do partido. Cumpre mencionar que com esse m o ex-presidente e ex-vereador Tiago Vasconcelos participou de um encontro promovido pelo deputado Fernando Monteiro (PRTB), o Presidente Nacional do PRTB, Levy Fidelix, e o Governador Wellington Dias (PT), a fim de fechar acordo para as eleições de 2018 sem o conhecimento e anuência da Executiva Nacional do PSC. Essa possibilidade de acordo vai contra o direcionamento anteriormente firmado pelo PSC o que era de pleno conhecimento do ex-presidente que, mesmo assim, agiu de forma leviana e ignorou as orientações defendidas pelo partido. Esse tipo de "acordão" é manobra conhecida da velha política e não compete a ninguém de forma isolada fazer tratativas nesse sentido. O ex-presidente agiu em desconformidade, às escondidas e surpreendeu todo o PSC com sua atitude desleal. O governador indica nomes ligados ao ex-presidente Tiago para cargos comissionados, na tentativa de firmar uma espécie de acordo para as próximas eleições. Essa tentativa de acordo estava sendo conduzida totalmente sem respaldo da direção do partido que não lhe daria aval de nenhuma forma. Foi essa a manobra, que representa uma prática da velha política e que é combatida pelo PSC, que ocasionou a saída sumária do ex-presidente Tiago. Comissão Executiva Nacional do PSC. 18.11.2017”. 


Fonte: PSC
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Filha de Lula é nomeada assessora parlamentar na Alerj

Lurian Cordeiro Lula da Silva trabalhará com a deputada estadual Rosângela Zeidan

Filha de Lula é nomeada assessora parlamentar na Alerj 
 Foto: Maira Coelho / Divulgação

Filha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Lurian Cordeiro Lula da Silva foi nomeada neste mês assessora parlamentar da deputada estadual Rosângela Zeidan (PT) na Assembleia Legislativa do Rio. A deputada é casada com Washington Quaquá (PT), presidente do partido no Estado.  

A nomeação foi publicada no Diário Oficial de 6 de novembro. O salário de Lurian como "assessora parlamentar IV" no gabinete de Zeidan (como é conhecida) é de R$ 7.326,64. A assessoria de imprensa da deputada afirmou que a filha do ex-presidente já dá expediente no gabinete.

Zeidan disse que conhece Lurian há 15 anos, da militância do PT. "As escolhas do meu mandato, quem faz sou eu. É assim na maioria dos mandatos, qualquer que seja o partido. E no PT temos mulheres militantes, como eu fui e ainda sou, que são quadros qualificados para assumir essas tarefas. Resumir isso a uma relação de parentesco ou é desconhecimento ou é misoginia", disse a deputada, em mensagem escrita.

Quaquá afirmou que não influi nem questiona os critérios da deputada ao nomear seus assessores. "Quem nomeia assessor é a deputada. Ela escolhe sua equipe, como a família Mesquita (proprietária do Grupo Estado) escolhe seus jornalistas. São critérios da empresa de um lado e do mandato de outro. Não cabe, por exemplo, a mim questionar porque um jornalista é contratado pela família Mesquita", afirmou Quaquá, também por escrito.

O presidente do PT fluminense foi prefeito por dois mandatos em Maricá (RJ), e fez seu sucessor, o atual prefeito, Fabiano Horta (PT). Lurian mora em Maricá e preside o PT local há cinco meses. A reportagem não conseguiu localizá-la ontem.

Há 30 anos no PT, Quaquá é ligado a Lula. Apoia o ex-presidente em sua defesa das acusações de corrupção e pediu suporte financeiro dos militantes para viabilizar as caravanas dele pelo País. Em junho, um mês antes da sentença do juiz Sergio Moro condenando Lula a nove anos e meio de prisão por corrupção, no caso do apartamento no Guarujá, ele publicou nota em que aventou "confronto popular nas ruas" para a defesa do ex-presidente.


Fonte: As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


COMENTE!

18 de novembro de 2017

Mulheres presas por desvios de dinheiro da Saúde estão tendo regalias na penitenciária de Pedrinhas

As que foram presas na operação Pegadores estariam sendo protegidas para que as fotos com as fardas não sejam divulgadas.

 
 Foto: Reprodução

Elas passaram poucas horas no Centro de Triagem do Complexo Presidiário de Pedrinhas, logo foram transferidas para o alojamento onde ficam as presas que estão no período final de gestação ou amentando seus bebês. Assim que as três (Rosângela Curado, Flávia Geórgia Borges Gomes e Ideide Lopes de Azevedo Silva) foram transferidas, trataram de colocar um ar condicionado por causa do calor.

As regalias oferecidas seriam em atendimento aos pedidos feitos pela ex-secretária adjunta da Saúde, Rosângela Curado (na foto ao lado com Flávio Dino), considerada pela Polícia Federal como a principal cabeça do esquema que desviou R$ 18 milhões de verbas federais destinadas para a SES no Maranhão entre 2015 a 2017.

Coincidência ou não, mas ontem um advogado revelou ao blog do jornalista Gláucio Ericeira, reproduzido aqui, que Curado não ficaria sozinha respondendo por tudo. Foi bem aí o recado que mexeu com a Secretaria de Administração Penitenciária do Maranhão no oferecimento de vantagens que outras presas por crimes menores não têm.

Além disso, outro fato chama a atenção: grandes empresários, prefeitos, prefeitas, tiveram suas fotos vazadas quando estiveram no Centro de Triagem, mas as que foram presas na operação Pegadores estariam sendo protegidas para que as fotos com as fardas não sejam divulgadas.  



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

'Povo não tem que pagar Imposto de Renda sobre salário', diz Lula

Para o petista, a tributação deve recair sobre os "ricos"

'Povo não tem que pagar Imposto de Renda sobre salário', diz Lula 
 Foto: Paulo Whitaker / Reuters

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato do PT à Presidência, disse neste sábado, 18, em Diadema, região do ABC, que "salário não é renda" e, portanto, o "povo" não deve pagar Imposto de Renda sobre seus vencimentos. Para o petista, a tributação deve recair sobre os "ricos".  

"Salário não é renda, portanto o povo não tem que pagar Imposto de Renda sobre salário. Quem tem que pagar Imposto de Renda é rico", disse o ex-presidente no início da tarde deste sábado. Lula não entrou em detalhes sobre a proposta, mas citou como exemplos categorias profissionais que conseguem negociar aumentos salariais, mas viram alvo da Receita.

"Os coitados dos metalúrgicos, químicos, gráficos, fazem um acordo para receber um aumento de salário e, quando vem o aumento, a Fazenda leva tudo", disse o petista. O ex-presidente fez o comentário imediatamente depois de prometer revogar feitos da gestão Michel Temer como a mudança do modelo de concessão do pré-sal. "Eu vou voltar e se eu ganhar a gente vai revogar tudo isso", disse Lula que também não especificou quais atos da atual administração pretende revogar.

Lula participou neste sábado de um ato em comemoração aos 35 anos da vitória do PT na eleição para a prefeitura da cidade de Diadema. Em 1982, quando o partido tinha apenas um ano de existência, o então petista Gilson Menezes, egresso do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, venceu as eleições levando o PT a ocupar pela primeira vez um posto no Executivo.



Fonte: Com informações do Estadão Conteúdo. 


COMENTE!

Juiz decreta prisão de PMs que atiraram em carro

No carro havia uma família, inclusive um bebê no colo da mãe, baleada nas costa

Maria do Socorro foi baleada nas costas pela PM 
 Foto: Reprodução

O juiz Luiz Moura Correa, da Central de Inqueritos, decretou a prisão dos policiais militares soldado André Alves Barreto e o sargento Luiz Gonzaga, que atiraram no carro onde estava uma família, inclusive uma criança no colo da mãe, baleada nas costa, no bairro Vila Irmã Dulce, na zona Sul de Teresina, no dia 2 de novembro passado. 

No despacho o juiz também determinou ao comandante-geral da Policia Militar, coronel Carlos Augusto, a abertura de inquérito policial militar para apurar a suposta prevaricação do tenente-coronel Anderson Pinheiro por não ter dado voz de prisão aos policiais, pelo ato praticado, que se configura como flagrante delito. 

O caso aconteceu na Vila Irmã Dulce, quando a viatura da Polícia Militar perseguia assaltantes na zona Sul da cidade. A policia recebeu uma informação que os assaltantes estavam na Vila irmã Dulce, e chegando lá abordaram a familia, que estava em carro, com as mesmas caracteristicas dos bandidos. Os ocupantes do carro não atenderam as ordens dos policiais para parar e teriam arracado, o que motivou os disparos por parte dos policiais, atingindo dois dos ocupantes do carro. 

Os policiais militares não foram encontrados para cumprimento da prisão determinada pelo juiz.  


Fonte: PM-PI/ TJ-PI
Editor: Paulo Pincel 


COMENTE!

Renan Calheiros é condenado a perder mandato e direitos políticos

Sentença é de magistrado da Justiça do DF; parlamentar pode recorrer sem deixar o cargo

Renan Calheiros é condenado a perder mandato e direitos políticos 
 Foto: Jonas Pereira/Agência Senado

Justiça do Distrito Federal condenou o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) a perda mandato e suspensão de direitos políticos por oito anos por improbidade administrativa. A sentença é o juiz Waldemar Carvalho, da 14ª Vara Federal. O parlamentar pode recorrer sem deixar o cargo.  

De acordo com informações do G1, o senador foi condenado por enriquecimento ilícito e vantagem patrimonial indevida. O processo é relacionado ao caso do pagamento de pensão a um filho que o parlamentar teve fora do casamento com a jornalista Mônica Veloso. Ela acusa o peemedebista de pagar a pensão da criança com dinheiro de um lobista da empreiteira Mendes Júnior.

Por meio de nota, Calheiros disse ainda não conhecer a decisão, que está sob sigilo judicial. Ele afirmou que vai recorrer com serenidade caso a sentença seja confirmada. A defesa do senador poderá apelar ao próprio juiz da 14ª Vara Federal do DF ou ao Tribunal Regional Federal (TRF) da 1ª Região.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Preso acusado de aliciar e filmar sexo com adolescentes

Francisco da Silva Santos filmava e postava as cenas de sexo na internet

Crimes virtuais 
 Foto: Reprodução

Policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática e da Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança do Piauí com apoio da Delegacia de Polícia Civil de Brejo, no Maranhão, prendeu Francisco da Silva Santos, suspeito aliciamento de adolescente em Teresina para prática de sexo. O suspeito filmava e divulgava as cenas das relações sexuais na internet. 

O delegado Daniell Pires, responsável pelo inquérito, adiantou que Francisco Santos foi enquadrado com base no artigo 241, do Estatuto da Criança e do Adolescente, que tipifica como crime “oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, distribuir, publicar ou divulgar por qualquer meio, inclusive por meios de sistema de informática ou telemática, fotografia, vídeo ou outro registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfico envolvendo criança ou adolescente”. 

O acusado negou a autoria dos vídeos. Ele contou que uma prima, menor de idade, fez a gravação das imagens ainda em 2014 e enviou para ele via celular. 


Fonte: Policia Civil
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

IML revela detalhes do laudo cadavérico de Camila Abreu

Estudante lutou com o assassino antes de ser executada com um tiro no rosto

Imagem relacionada 
 Foto: Arquivo Pessoal

O laudo do exame cadavérico realizado no corpo da estudante Camilla Pereira de Abreu pelo Instituto de Medicina Legal, em Teresina, é revelador. A cada nova informação divulgada, seja dos exames realizados no IML ou da investigação da Delegacia de Homicídio, mais nós temos a certeza de que se trata de um crime de feminicídio, praticado de maneira covarde e revoltante. A necropsia realizada no corpo de Camila Abreu mostra não só que a vítima foi agredida, mas que lutou pela vida, antes de ser executada. 

Assinado pelo legista Joaquim José Marques da Silva, o laudo desmonta a tese da defesa de “disparo acidental”, ocorrido durante uma discussão do casal, no interior do veículo - o Toyota Corrolla azul, de placas NIF 8022. Mais ainda: comprova que a vítima foi brutalmente agredida pelo namorado, Allisson Wattson da Silva Nascimento, 37 anos, capitão da Polícia Miulitar do Piauí, que é réu confesso e está preso. 

O delegado de Polícia Civil Emerson Almeida, que preside o inquérito de homicídio, ocultação de cadáver e tentativa de destruição de provas, deverá divulgar a conclusão dos exames periciais no corpo de Camila, embora parte do conteúdo do laudo já seja do conhecimento da imprensa. 

Um disparo 

O capitão fez um único disparo com a pistola .40 – de alto poder de destruição e de propriedade da Polícia Militar - que o oficial tentou substituir junto ao armeiro da PM depois de cometer o homicídio. Como não conseguiu, decidiu entregar a arma, alegando estar com “intenções suicidas. 

Trajetória 

“O disparo foi efetuado da esquerda para a direita, ligeiramente de trás pra frente e de baixo para cima tendo iniciado em porção retroauricular esquerda. Foi constatado ainda que o tiro foi dado a uma distância entre 75 cm e 150 cm”, aponta o laudo, que constatou haver “vestígio de extravasamento hemático [sangue]” 

Ocultação 

Havia lesões na tíbia e na coxa esquerda da estudante - “sinais de escoriações no terço inferior da coxa esquerda”, segundo o legista – provocadas por pancadas, quando Camila ainda estava viva. "Foram encontrados também sinais de arrastamento na porção dorsal [costas]” da vitima". Ou seja, Camila foi arrastada pelas pernas da calça jeans, que a vítima usava na madrugada em que foi executada. As fotos do local onde o corpo foi "desovado" pelo capitão comprovam o que o laudo atestou. 

Unhas 

Fragmentos de tecidos nas unhas de Camila indicam que houve luta corporal, embora o resultado desse exame ainda não seja conhecido. 

Conclusão 

A morte de Camila foi provocada por meio cruel, após luta corporal. O laudo indica que a vítima tentou se defender antes de receber o tiro de pistola no rosto, disparo a uma curta distância entre 75cm e 150 cm de distância entre o cano e a cabeça de Camila 


Fonte: MP-PI
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

17 de novembro de 2017

Desvio de dinheiro da Saúde: Bom Dia Brasil favorece o governo de Flávio Dino

hico Pinheiro emendou dizendo que é difícil corrigir em pouco tempo as corrupções do passado.

A matéria foi produzida pela TV Mirante com o objetivo jornalistico divulgar para o conhecimento público a operação “Pegadores” realizada no Maranhão pela Polícia Federal, com o apoio do MPF e da CGU, que apontou o desvio de R$ 18 milhões de verba pública federal. A operação mostra que os ilícitos foram praticados na atual gestão, mas o apresentador do Bom Dia Brasil, da Rede Globo, cagou tudo quando comentou as dificuldades para corrigir práticas de corrupção que vem de governos anteriores.

 
 Foto: Reprodução 

A apresentadora do programa jornalistico leu trecho da nota oficial do Governo do Maranhão que aponta “os fatos têm origem no modelo anterior de prestação de serviços de saúde”. Chico Pinheiro emendou dizendo que é difícil corrigir em pouco tempo as corrupções do passado.

A reportagem produzida pelo jornalista Sidney Pereira é isenta e reflete apenas os fatos apurados pela Polícia Federal, que mostram o envolvimento do atual governo nas falcatruas. Confira a matéria abaixo:  



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Em entrevista, FHC diz ter medo da direita e de Bolsonaro

Sem citar o nome do parlamentar, ex-presidente tucano relembrou entrevista em que o deputado sugeriu "matar 30 mil, começando por FHC"

Em entrevista, FHC diz ter medo da direita e de Bolsonaro 
 Foto: Nacho Doce / Reuters

O ex-presidente Luiz Fernando Cardoso afirmou nesta quinta-feira (16) que o Brasil corre risco de repetir a experiência da Itália pós- Operação Mãos Limpas e eleger um presidente de direita como Silvio Berlusconi na próxima eleição durante evento na Universidade Brown, nos Estados Unidos.

Sem mencionar diretamente o nome do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), ele relembrou uma entrevista antiga do parlamentar. "Eu não quero entrar em detalhes, mas há pessoas da direita que são pessoas perigosas", afirmou.

"Um dos candidatos propôs me matar quando eu estava na Presidência. Na época, eu não prestei atenção. Mas hoje eu tenho medo, porque agora ele tem poder, ainda não, ele tem a possibilidade do poder", disse o tucano, de acordo com informações do jornal Estado de S. Paulo.

Em 1999, durante entrevista à TV Bandeirantes, Bolsonaro afirmou que seria impossível mudar o país por meio do voto. "Você só vai mudar, infelizmente, quando nós partirmos para uma guerra civil aqui dentro. E fazendo um trabalho que o regime militar não fez. Matando 30 mil, e começando por FHC", comentou.

Para FHC, o candidato que vai se eleger em 2018 como presidente deve expressar uma mensagem condinzente com as vontades da população. "É arriscado. Essa pessoa está comprometida com a Constituição, com o respeito das leis, com os direitos humanos?", ponderou.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

16 de novembro de 2017

Lula diz não ter R$ 24 milhões e que patrimônio está todo bloqueado por Moro

Ex-presidente se pronunciou sobre solicitação feita pelo Ministério Público Federal

Lula diz não ter R$ 24 mi e que patrimônio está todo bloqueado por Moro 
 Foto: REUTERS / Paulo Whitaker

A assessoria do ex-presidente Lula divulgou nota referente ao pedido de bloqueio de R$ 24 milhões em bens e valores do petista, solicitado nesta quinta-feira (16) pela Procuradoria da República no Distrito Federal junto à 10ª Vara Federal de Brasília. No texto, ele alega que sequer possui o valor referido. 

"Sobre o pedido de bloqueio de bens do ex-presidente Lula pelo Ministério Público Federal de Brasília, é importante informar que sequer a denúncia do Ministério Público acusa o ex-presidente Lula de ter recebido qualquer valor ilegal. Nenhuma testemunha confirmou a tese da acusação de que ele teria influenciado na compra dos caças suecos e o patrimônio de Lula não é de 24 milhões de reais", diz o comunicado.

"Todo o patrimônio de Lula tem origem legal, registrada e rastreada e já se encontra bloqueado por decisão do juiz Sérgio Moro", finaliza o documento.



Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Joninha promete voto a Jeová mas some do plenário

Joninha chegou a se reunir com os defensores de Jeová num sitio de Teresina

O vereador Joninha ( PSDB ) se reuniu vária vezes com articuladores da candidatura a reeleição do vereador Jeová Alencar, jurando que votaria e apoiaria a pretensão do colega de dirigir a Câmara por mais dois anos porque não suportava "o tratamento recebido pelo secretário de Governo Charles Silveira", acabou se transformando na maior decepção dos defensores de Alencar: Joninha simplesmente não apareceu no plenário da casa legislativa, hoje pela manhã, para votar.

Como se não bastasse a promessa de apoiar Jeová, Joninha ainda passou para os defensores do atual presidente da Câmara, a informação de que o prefeito Firmino Filho estava ligando para vereadores da base recomendando que não comparecessem à sessão desta quinta-feira, programada para a eleição da mesa diretora.

Resultado de imagem para vereador Joninhas

Vereador Joninhas          (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Jeová Alencar é reeleito presidente da Câmara

Foram 17 votos a favor e 12 ausentes na votação desta quinta-feira (16)

Resultado de imagem para Jeová Alencar 
 Jeová Alencar (Foto: Reprodução)

O presidente da Câmara Municipal de Teresina, Jeová Alencar (PSDB) foi reeleito na manhã desta quinta-feira (16) para mais dois anos de mandato - biênio 2019/2020. Foram 17 votos a favor e 12 vereadores ausentes. 

A eleição da Mesa Diretora foi antecipada em um ano, contrariando a vontade do prefeito de Teresina, Firmino Filho, que está em viagem a Barcelona, na Espanha e reagiu à manobra de antecipar em um ano o processo eleitoral para escolha do presidente da Câmara Municipal. 

Dos 23 vereadores que vontaram a favor do proposta do vereador Edilberto Borges, o Dudu (PT), antecipando a eleição, apenas 17 apareceeram hoje para votar: Caio Bucar, Cida Santiago, Deolindo Moura, Dudu, Enzo Samuel, Fábio Dourado, Gustavo Gayoso, Gustavo Carvalho, Ítalo Barros, Joaquim do Arroz, Dr. Lázaro, Luís André, Major Paulo Roberto, Teresa Britto,Venâncio Cardoso e Zé Nito, além de Joevá Alencar. 

Veja como ficou a nova Mesa Diretora da Câmara: 

Presidente: Jeová Alencar (PSDB)
Vice-presidente : Major Paulo Roberto (SD)
2° vice-presidente : Zé Nito (PMDB)
1° secretário: Fábio Dourado (PEN)
2° secretário: Cida Santriago (PHS)
3° secretário: Italo Barros (PTC)
4° secretário: Deolindo Moura (PT)
5° secretário: Dr Lázaro Carvalho (PPS)
6° secretário: Venâncio Carvalho (PP)
Corregedor: Enzo Samuel (PCdoB)
Ouvidor : Edilberto Borges "Dudu" (PT) 



Fonte: Paulo Pincel
Editor: Luís Brandão 

COMENTE!

Polícia Federal realiza operação no Piauí e no Maranhão

As ações acontecem em Teresina, Amarante, São Luis e Imperatriz

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta manhã a Operação Pegadores em Teresina, no Piauí, e São Luís, Amarante e Imperatriz, no Maranhão, como parte da 5ª fase da Operação Sermão aos Peixes, que apura indícios de desvios de recursos públicos federais por meio de fraudes na contratação e pagamento de pessoal, em Contratos de Gestão e Termos de Parceria, firmados pelo Governo do Maranhão, na área da saúde. 

A operação tem o apoio do Ministério Público Federal, do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU) e da Receita Federal do Brasil. Cerca de 130 policiais federais cumprem 45 mandados judiciais, sendo 17 mandados de prisão temporária e 28 mandados de busca e apreensão em São Luís/MA, Imperatriz/MA, Amarante/MA e Teresina/PI, além do bloqueio judicial e sequestro de bens no total de R$18 milhões. Todas as ordens judiciais foram expedidas pela 1ª Vara Criminal Federal da Seção Judiciária do Maranhão. 

Durante as investigações conduzidas na Operação Sermão aos Peixes, em 2015, foram coletados diversos indícios de que servidores públicos, que exerciam funções de comando na Secretaria de Estado da Saúde naquele ano, montaram um esquema de desvio de verbas e fraudes na contratação e pagamento de pessoal. 

A PF apurou a existência de cerca de 400 pessoas, que teriam sido incluídas indevidamente nas folhas de pagamentos dos hospitais estaduais, sem que prestassem qualquer tipo de serviços às unidades hospitalares. Os beneficiários do esquema seriam familiares e pessoas próximas a gestores públicos e de diretores das organizações sociais. 

O montante dos recursos públicos federais desviados por meio de tais fraudes supera a quantia de R$ 18 milhões. Contudo, o dano aos cofres públicos pode ser ainda maior, pois os desvios continuaram a ser praticados mesmo após a deflagração de diversas outras fases da Operação Sermão aos Peixes. 

Foi detectado, também, que uma empresa registrada como sendo uma sorveteria passou por um processo de transformação jurídica e se tornou, da noite para o dia, uma empresa especializada na gestão de serviços médicos. Essa empresa foi utilizada para a emissão de notas fiscais frias, que teriam permitido o desvio de mais de R$ 1 milhão. 

Os investigados responderão, na medida de suas participações, pelos crimes de peculato, corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, dentre outros. 

Após os procedimentos legais, os investigados serão encaminhados ao sistema penitenciário estadual, onde permanecerão à disposição da justiça federal. 

O nome da Operação é uma referência a um trecho do Sermão do Padre Antônio Vieira (1654), que ficou conhecido como o “Sermão aos Peixes”, no qual o Padre toma vários peixes como símbolos dos vícios e corrupção da sociedade. Um dos peixes ele chamou de PEGADOR, referência aos vícios do oportunismo: “vivem na dependência dos grandes, morrem com eles”. 

Durante a investigação, restou comprovado a prática habitual de desvio de verbas para o pagamento a apadrinhados políticos, pessoas que recebem dinheiro público sem a devida contraprestação laboral, ou seja, atuando como pegadores, na visão do Sermão, já que recebiam tais benesses em razão da influência de pessoas importantes na política local, como já alertava o Padre Antonio Vieira no Sermão aos Peixes. 

RELEMBRANDO 

A primeira fase da Operação Sermão ao Peixes foi deflagrada em 16 de novembro de 2015, quando foram cumpridos mais de 60 mandados judiciais e presos os gestores de duas principais entidades responsáveis pela terceirização do sistema de saúde à época. 

As segunda e terceira fases foram deflagradas simultaneamente, em 06 de outubro de 2016, e resultaram na Operação Abscondito, que apurou o embaraço à investigação criminal decorrente do vazamento da Operação Sermão aos Peixes, e na Operação Voadores, que apurou o desvio de R$ 36 milhões, que haviam sido sacados diretamente das contas dos hospitais por meio de cheques de pequeno valor. 

A quarta fase foi batizada de Operação Rêmora e foi deflagrada, no dia 02 de junho de 2017, quando foram presos em flagrante os gestores de outra organização social, que estavam desviado recursos públicos mediantes saques de grandes quantias em espécie na boca do caixa. 

Será concedida entrevista coletiva, às 10h (horário Local), na Superintendência de Polícia Federal no Maranhão, localizada na Av. Daniel de La Touche, nº 4000, Bairro Cohama, São Luís/MA.  



Fonte: Polícia Federal
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

15 de novembro de 2017

Brasil pode caminhar para o autoritarismo, diz Temer

'Povo brasileiro tem certa tendência à centralização', afirmou o presidente

Brasil pode caminhar para o autoritarismo, diz Temer 
 Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira (15), em evento na cidade de Itu, no interior paulista, que o Brasil pode caminhar para o autoritarismo. Ele afirmou também que os períodos autoritários no país ocorreram não apenas por golpes de estado, mas porque o "povo queria".  

"Se não prestigiarmos certos princípios constitucionais, a nossa tendência é caminhar para o autoritarismo, para uma certa centralização. O povo brasileiro tem certa tendência à centralização", destacou, segundo o jornal O Globo.

Considerada o berço da Proclamação da República, a cidade de Itu sediou a primeira reunião do movimento pró-República, em 1873.


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Jovem que mãe alegava estar viva é enterrada

A mãe não queria fazer o enterro alegando que ela havia "se mexido"

A morte de Débora Isis Gouveia, de 18 anos, que obteve repercussão nacional porque sua mãe, Teresa Cristina Mendes, se recusou a enterrá-la por achar que a filha estava viva, foi confirmada, ontem, em Alagoas, por um segundo laudo do Instituto Medico Legal. A garota deu entrada no hospital geral de Maceió no último dia 6 apresentando um quadro de infecção urinária que evoluiu para uma infecção generalizada.Ela foi transferida para um hospital particular onde morreu mas membros da família, que a acompanhavam insistiram que ela "havia se mexido depois de declarada morta". A mãe disse que não a enterraria até que as autoridades cederam e fizeram um novo laudo. A mãe acusa o hospital pela morte pois acreditar que a moça só morreu depois que foi colocada no caixão. Hoje pela manhã, no Cemitério São José, em Maceió, Débora finalmente foi sepultada.

O laudo da necropsia do corpo da jovem Debora Isis, emitido pelo Instituto Médico Legal Estácio de Lima na noite desta terça (14) atesta que a jovem estava morta há pelo menos 48 horas. O laudo confirma o atestado emitido anteriormente pelo médico do hospital particular onde a jovem morreu.

Ainda durante a tarde, enquanto aguardava a necropsia, o irmão de Débora, Paulo Daniel, falou com a imprensa e, em tom de desabafo, afirmou que acredita na tese de negligência por parte do Hospital Vida, onde foi constatado o óbito de Débora, no último domingo (12).

O caso inusitado chamou a atenção da população de Rio Largo, região metropolitana de Maceió. Dezenas de pessoas estiveram no velório de Débora e cada um deles narrou um relato diferente, onde todos apontavam possíveis sinais de vida da jovem que já estava no caixão sendo velada.

 Paulo Daniel, irmão, garantiu que identificou também vários sinais de vida: como a temperatura corporal e uma respiração ainda fraca. Logo em seguida, a atitude da família foi de entrar em contato com o hospital, e afirmam não terem obtido nenhum retorno.

“Eles não deram mais informações. Ela foi internada com infecção urinária e por lá tomou muito medicamento, por volta das 14h [do domingo] eles nos disseram que ela tinha morrido de parada cardíaca. Parece que nem tentaram reanimar ela, nem nada. Em seguida já foram dando o atestado de óbito e mandaram o corpo direto para a funerária”, narrou o jovem.

A prática, se for comprovada, teria ignorado a passagem pelo SVO (Serviço de Verificação de Óbitos). A instituição é a única responsável por verificar a causa de mortes naturais e que permite que o corpo seja liberado para sepultamento.

“Pode parecer ‘doideira’, mas eu senti ela respirando, senti a pulsação dela. Ela tava (sic) bem fraquinha, mas como botaram algodão e ela estava sedada havia quatro dias eu tenho quase certeza que ela pode ter morrido depois do domingo”, explica Paulo Daniel.

COMENTE!

Empresário João Claudino ganha cidadania pernambucana

A iniciativa da homenagem foi do deputado estadual Waldemar Borges (PSB)

João Claudino Fernando recebe cidadania pernambucana 
 Foto: Alepe

O empresário João Claudino Fernandes, responsável pelo Grupo Claudino, considerado uma das maiores redes varejistas do Nordeste, recebeu o Título de Cidadão de Pernambuco, na noite de terça-feira (14), na Assembleia Legislativa. Natural do Rio Grande do Norte, o homenageado foi agraciado por iniciativa do deputado Waldemar Borges (PSB), que enalteceu as ações promovidas pelo administrador em prol da cultura e da arte pernambucanas. A solenidade contou com a presença do governador do Piauí, Wellington Dias. 

O Grupo Claudino reúne 17 mil colaboradores em 13 empresas que atuam em vários segmentos, como shopping centers, frigoríficos, editoras, além de fábricas de tecidos, colchões, móveis e de bicicletas. O conglomerado teve início em 1958 com a fundação do Armazém Paraíba, em Bacabal, interior do Maranhão. 

“João Claudino Fernandes e Valdecy Claudino, fundadores do grupo, firmaram-se como competentes administradores e homens de visão ao conseguirem, a partir de uma pequena cidade nordestina, construir e gerir um enorme complexo empresarial com atuação em vários Estados”, destacou o deputado Tony Gel (PMDB), que presidiu a cerimônia. 

Waldemar Borges enfatizou que João Claudino é um aficionado pela cultura popular nordestina, especialmente a poesia. Segundo o parlamentar, além da publicação de vários livros de poetas do Estado, ele realiza anualmente o Festival Artes de Março – no Teresina Shopping, de sua propriedade -, no qual promove artistas do Sertão do Pajeú. 

“A sensibilidade cultural do empresário modifica, por meio da arte, a vida de muitos pernambucanos. A forma singular como trata nosso Estado já o fez, de fato, filho do ‘Leão do Norte’ há muito tempo. Agora é hora de oficializar um pertencimento que supera o campo do direito, mas que merece ser reconhecido por esta Casa Legislativa”, ressaltou Borges. 

João Claudino assegurou se sentir orgulhoso por se tornar um pernambucano. “Aqui neste Estado recebi muitas lições de vida. O pernambucano é um povo maravilhoso e tudo isso está acontecendo pela sua bondade; eu apenas sou um apaixonado por essa terra e, a partir de agora, mais ainda”, declarou. O empresário também admitiu estar feliz porque a concessão do Título de Cidadão foi motivada “pela arte e a poesia”. 

O chefe de Gabinete do Governo de Pernambuco, João Campos, representou o governador Paulo Câmara na Reunião Solene. Artistas como Santanna, o sanfoneiro Luizinho e os repentistas Valdir Teles e Edmilson Ferreira, entre outros, fizeram apresentações durante a cerimônia. Filho do administrador, João Claudino Júnior, e o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Valdecir Pascoal também falaram durante a homenagem.


Fonte: Alepe
Editor: Paulo Pincel
PiauíHoje.com 


COMENTE!

A ordem é matar:guerra de facções já eliminou onze

O Bonde dos 40 declarou guerra ao PCM, o PCC do Maranhão

O "Bonde dos 40", facção criminosa do Maranhão cujo comando está operando a partir da penitenciária de Pedrinhas, na entrada da ilha de São Luis, emitiu uma ordem de guerra contra outras facções, dentro e fora dos presídios, que já matou pelo menos 11 pessoas segundo levantamento da imprensa da capital do maranhense. Audaciosos ao extremo, os membros da facção advertiram a população de São Luis que fique em casa durante a noite porque a guerra vai continuar. Até agora não se sabe exatamente o fato que determinou o reinicio da guerra entre facções no Maranhão.

Uma versão, ainda não confirmada, é a de que tudo teria começado com o assassinato de Yuri de Paula Silva, o Chacal, membro do PCM, o PCC do Maranhão, na tarde do último domingo, dia 12 deste. Com ele, foi seu padrasto, cabo da PM Josélio Rocha Sousa, na Trizidela da Maioba. Os crimes foram comemorados pela facção Bonde dos 40. A partir daí, a matança desenfreada começou nos bairros da periferia da capital na disputa para saber quem mata mais ou se vinga mais.

Em uma seresta que acontecia em Pedrinhas, três membros do Bonde dos 40 foram executados na madrugada do dia 13, e um dia antes outro havia sido morto no Ipase e mais um no Rio Grande.

Mais tiroteios aconteceram durante todo o dia de ontem em São Luis e novas mortes, sendo duas na Vila Embratel e outra na Vila Cascavel. E mais uma hoje: no Coroadinho, de um elemento mais conhecido por Pixote. A polícia não tem a menor dúvida de que as mortes são frutos da guerra declarada entre as duas facções, que estão levando o pânico e terror em várias partes da cidade.

A cada momento, principalmente no período da noite, novos tiroteios. Ontem, a polícia prendeu cinco elementos (foto abaixo) de uma das facções e com eles cinco armas.

Bandidos que estavam obedecendo a ordem de matar cada vez mais

COMENTE!

14 de novembro de 2017

Reforma ministerial atingirá 17 pastas, diz Jucá

Segundo o líder do governo no Senado, demissão do ministro das Cidades adianta discussão sobre mudanças na Esplanada

Reforma ministerial atingirá 17 pastas, diz Jucá 
 Foto: Beto Barata/PR

O líder do governo no Senado, Romero Jucá, afirmou nesta terça-feira (14) que a próxima reforma ministerial do governo de Michel Temer deve alterar os comandantes de 17 das 28 pastas da Esplanada. Na avaliação de Jucá, o pedido de demissão Bruno Araújo (Cidades) "precipita" as alterações.

“A saída do ministro da Cidades precipita a discussão da reforma ministerial, tendo em vista que há ministério vago. Temer está avaliando e discutindo como vai fazer. Será uma reforma ampla, 17 ministérios vagos no prazo que o presidente determinar. Ele quem vai definir o ritmo”, escreveu Jucá em sua conta no Twitter.

De acordo com a revista Veja, Temer anunciou na segunda, por meio de comunicado, que a reforma “estará concluída até meados de dezembro”. O peemedebista é pressionado por membros do chamado Centrão, que querem ganhar espaço ocupado por ministros tucanos.

Além de Araújo, os outros membros do PSDB na gestão Temer são Aloysio Nunes Ferreira (Relações Exteriores), Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo) e Luislinda Valois (Direitos Humanos).


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

Ciro consegue liberar R$ 15 milhões para adutora

A Adutora é a de São Raimundo Nonato que fica no sul do Estado

Boa notícia para o combate à seca no Piauí: foi autorizada a liberação de mais de R$15 milhões para as obras da construção da adutora de engate rápido na cidade de São Raimundo Nonato. O senador Ciro Nogueira (PP/PI), que vem acompanhando de perto todo o processo para execução da obra, informou que ela será realizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

O sistema ligará os poços de Serra Branca até a adutora do Garrincho, possibilitando a solução para os problemas hídricos da localidade. Segundo o parlamentar, a obra é essencial para o restabelecimento do fornecimento de água potável à população.

 “Essa é uma antiga luta nossa. Em parceria com o secretário estadual de Defesa Civil, Hélio Isaías, a vice-governadora Margarete Coelho, a prefeita da cidade, Carmelita Castro, e o deputado Paes Landim, intermediamos junto ao governo federal para que a adutora saísse do papel, especialmente porque a região vem sofrendo bastante com a escassez de água”, informou Ciro Nogueira.

A adutora deverá atender mais de 40 mil pessoas nos nove municípios que compõem o Território da Serra da Capivara: São Raimundo Nonato,  Coronel José Dias,  São Lourenço do Piauí,  Bonfim do Piauí,  Várzea Branca,  Anísio de Abreu,  São Braz do Piauí,  Dirceu Arcoverde e Jurema. Ciro anuncia liberação de R$ 15 milhões para adutora de São Raimundo Nonato

Boa notícia para o combate à seca no Piauí: foi autorizada a liberação de mais de R$15 milhões para as obras da construção da adutora de engate rápido na cidade de São Raimundo Nonato. O senador Ciro Nogueira (PP/PI), que vem acompanhando de perto todo o processo para execução da obra, informou que ela será realizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

O sistema ligará os poços de Serra Branca até a adutora do Garrincho, possibilitando a solução para os problemas hídricos da localidade. Segundo o parlamentar, a obra é essencial para o restabelecimento do fornecimento de água potável à população.

 “Essa é uma antiga luta nossa. Em parceria com o secretário estadual de Defesa Civil, Hélio Isaías, a vice-governadora Margarete Coelho, a prefeita da cidade, Carmelita Castro, e o deputado Paes Landim, intermediamos junto ao governo federal para que a adutora saísse do papel, especialmente porque a região vem sofrendo bastante com a escassez de água”, informou Ciro Nogueira.

A adutora deverá atender mais de 40 mil pessoas nos nove municípios que compõem o Território da Serra da Capivara: São Raimundo Nonato,  Coronel José Dias,  São Lourenço do Piauí,  Bonfim do Piauí,  Várzea Branca,  Anísio de Abreu,  São Braz do Piauí,  Dirceu Arcoverde e Jurema.

Imagem relacionada

Ciro Nogueira         (Foto: reprodução)

COMENTE!

Quatrocentos PMs exercem função com liminares

A revelação foi feita pelo vereador Major Paulo Roberto

O vereador Major Paulo Roberto ( PROS ) revelou, no inicio da tarde de hoje, durante entrevista na "Bancada Piaui", da TV Antena 100, que pelo menos 400 militares da PM estão exercendo a função por força de liminares concedidas pela Justiça e não 40 como foi divulgado anteriormente.

O vereador continua  fazendo  levantamento e promete mostrar os dados assim que concluir o trabalho.Ele considerou como "muito grave" essa situação por que entre esses militares existem alguns que não passaram no teste psicológico altamente importante para habilitar uma pessoa a exercer a função.

Resultado de imagem para vereador Major Paulo Roberto

vereador Major Paulo Roberto       (Foto: reprodução)

COMENTE!

13 de novembro de 2017

Robert Rios critica pedido de empréstimo do governo

Rios pediu ao presidente Themístocles Filho que não aceite o projeto,, pois ele representa uma humilhação ao próprio Poder.

 
 Deputado Robert Rios (Foto: Reprodução)

Usando o tempo de dois minutos, o deputado Robert Rios (PDT) disse ter tomado um susto ao ter acesso à mídia e constatado que o governador Wellington Dias pretende encaminhar à Assembleia um Projeto de Lei que lhe dará poderes para contrair empréstimos sem autorização do Legislativo. Ele disse que o projeto autoriza o governador a contrair empréstimo a instituições não financeiras, que para é o agiota. Rios pediu ao presidente Themístocles Filho que não aceite o projeto, pois ele representa uma humilhação ao próprio Poder.

"Senhor presidente, Vossa Excelência sabe que no meu atual estado de saúde eu não posso nem levar susto, mas esse final de semana eu levei um susto muito grande, ao ver que na mídia, principalmente nos portais, que o governador Wellingnton Dias, estaria mandando para essa Casa, um projeto de lei, que altera aquele projeto de lei, recente, nessa Casa, em que essa Casa permitiu que ele contraísse junto a Caixa Econômica Federal, empréstimo de 600 milhões, dos quais 307 milhões já recebiso e já desperdiçados e jogados no mato, porque não vimos as obras desses trezentos e sete milhões já gastos.  Mandar um projeto de lei em que essa Casa via autorizar, generalizadamente, que o governador contraia empréstimo em nome do povo do Piauí, até a constituição, que não é financeira, seria um absurdo. Seria um pontapé, no traseiro dos deputados desta Casa e nesse Parlamento”, afirmou Rios. 

Também usando os dois minutos, o deputado Cícero Magalhães (PT) afirmou que o governo usou em obras os recursos dos empréstimos do ano passado, mas o governo federal está mudando as condições para novos empréstimos.

Também o deputado João de Deus (PT) se manifestou sobre o assunto, para dizer que o Piauí está em melhores condições que outros Estados, mas há uma bancada oposicionista na Câmara Federal dificultando novos empréstimos.

João de Deus defendeu a solução buscada pelo governo estadual para contrair novos empréstimos e criticou os colegas de oposição que usam o microfone para agressões, inclusive com palavras não regimentais, contra um governador que respeita a todos.

No início de sua fala, João de Deus comunicou o falecimento do engenheiro Sandro Souza, que já estava em campanha para dirigir o Conselho Regional de Engenharia e Agrimensura (Crea).


Fonte: Alepi
Raimundo Cazé

COMENTE!

Wellington considera justa homenagem a Flávio Dino

Governador do Maranhão ganhou cidadania e Medalha do Mérito Renascença

Resultado de imagem para Flávio Dino 
 Governador Flávio Dino (Foto: Reprodução)

O governador do Piauí, Wellington Dias, considerou justa a homenagem ao governador do Maranhão, Flávio Dino, que ganhou cidadania piaueinse por iniciativa do deputado Themístocles Filho (PMDB), presidente da Asembleia Legislativa. Na mesma solenidade, o Flávio Dino recebeu a Medalha do Mérito Renascença, das mãos de Wellington Dias. 

"É uma homenagem a uma pessoa admirável, trabalhadora e que sempre atua junto ao Piauí nas áreas do turismo, segurança, educação, etc. Uma bela e justa escolha", elogiou Wellington Dias, lembrandao que Piauí e Maranhão compartilham uma trajetória histórica e cultural, além de muitas lutas. 

"O Piauí provém serviços públicos para muitos maranhenses, assim como temos milhares de piauienses trabalhando nos mais diversos ramos no Maranhão. Há uma ajuda recíproca e, portanto, fico muito grato em receber a homenagem", agradeceu Flávio Dino. "A prova do fortalecimento dessa integração é o início das obras da estrada que ligará o município de São Bernardo, no Maranhão, a Luzilândia, no Piauí. A obra permitirá o fluxo de pessoas e investimentos em ambos os lados".  


Fonte: ALEPI
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Após Lula perdoar 'golpistas', Dilma perdoa quem 'bateu panela'

Ex-presidente diz que 'perdoar golpista não é perdoar o PMDB e o PSDB'

Após Lula perdoar 'golpistas', Dilma perdoa quem 'bateu panela' 
 Foto: Getty Images

O ex-presidente Lula causou certo alvoroço em parte de seu eleitorado, na semana passada, ao aparecer em palanque com o senador Renan Calheiros (PMDB), que votou pelo impeachment de Dilma Rousseff, e dizer que estava "perdoando golpistas".  

Agora, durante viagem à Alemanha, foi a vez da própria Dilma adotar um discurso semelhante em relação a opositores. Especificamente sobre o ex-presidente do Senado, a petista disse em entrevista à DW que ele "não trabalhou pelo impeachment", embora tenha votado pela destituição.

"E essa não é questão relevante. Não acho que perdoar golpista é perdoar o PMDB e o PSDB. Acho que perdoar golpista é perdoar aquela pessoa que bateu panela achando que estava salvando o Brasil, e que depois se deu conta de que não estava", afirmou.

"Uma hora nós vamos ter que nos reencontrar. Uma parte do Brasil se equivocou. Agora isso não significa perdão àqueles que planejaram e executaram o golpe. Você tem uma porção de pessoas que foram às ruas e que estavam completamente equivocadas", prosseguiu.  


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

FHC quer que Tasso desista da disputa pelo comando do PSDB

O motivo? Geraldo Alckmin

FHC quer que Tasso desista da disputa pelo comando do PSDB 
 Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deve se reunir nesta semana com Tasso Jereissati (PSDB-CE) nos Estados Unidos. Um dos objetivos do encontro é pedir para que o senador desista de disputar a presidência do PSDB em nome do governador Geraldo Alckmin.  

No domingo (11), na convenção do PSDB paulista, Alkcmin adotou um discurso de união e assumiu o papel de pacificador. Antes do governador se manifestar, uma parte dos tucanos expressou apoio ao senador Aécio Neves (MG) e a outra, a Tasso.

Segundo destaca a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, tucanos mais próximos ao presidente Michel Temer farão um apelo para que ele não tire o PSDB do governo. Eles pretendem esclarecer que o partido já decidiu pelo desembarque e que o movimento será feito antes da convenção nacional, marcada para 9 de dezembro.


Fonte: Notícias ao Minuto 

COMENTE!

12 de novembro de 2017

PF cumpre 62 mandados judiciais contra fraude no Enem, diz delegado

Operação Passe Fácil é realizada em 13 estados

PF cumpre 62 mandados judiciais contra fraude no Enem, diz delegado 
 Foto: Reuters

A Polícia Federal (PF) deflagrou a Operação Passe Fácil neste domingo (12) para investigar fraudes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O delegado da PF, Franco Perazzoni, informou que foram cumpridos 62 mandados judiciais, sendo 31 de busca e apreensão e 31 de condução coercitiva, todos os alvos eram candidatos.

Segundo o delegado, os mandados são relacionados a pessoas suspeitas de fraudarem em edições anteriores do Enem e que também compareceram para fazer a prova neste ano. "Identificamos pessoas sob suspeita de terem fraudado e estão próximas de serem indiciadas. Então, sabendo que estariam fazendo a prova nesse ano, agimos no sentido de garantir que elas sejam punidas e evitar novas fraudes", explicou.

A operação foi realizada em 13 estados: Pernambuco, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Piauí, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo.

“Hoje é uma operação em que a gente apreende materiais eletrônicos, faz oitivas e, a partir daí, as investigações têm continuidade. Em princípio, incluem tanto pilotos [que realizam as provas e passam os gabaritos] quanto beneficiários”, informou o delegado.


Fonte: Noticias ao Minuto 

COMENTE!

Evento do PSDB-SP tem coro de 'fora, Aécio' e tentativa de pacificação

Permanência do partido no governo Michel Temer e a manobra do senador mineiro para reassumir a presidência nacional da legenda desagradaram ala paulista

Evento do PSDB-SP tem coro de 'fora, Aécio' e tentativa de pacificação 
 Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Para o governador paulista Geraldo Alckmin, o momento era de "união e unidade".

Mas, com gritos de "fora, Aécio", a convenção estadual do PSDB-SP, realizada neste domingo (12), na Assembleia Legislativa de São Paulo, mostrou que o racha no tucanato não cicatrizou.

O mestre de cerimônias do evento bem que tentou: "Eu quero que você abrace a pessoa ao seu lado e fale: 'Eu amo o PSDB'". Mas o clima paz e amor dissipava rápido quando o nome do senador mineiro era evocado.

"Ele deveria colocar o pijama e voltar para a casa", disse à imprensa o presidente reeleito do diretório paulista da sigla, Pedro Tobias, sobre Aécio Neves. "Quieto ele ajuda mais."

Entre as últimas bicadas internas, destacam-se a permanência do PSDB no governo Michel Temer e a manobra de Aécio para reassumir a presidência nacional da legenda, destituir o senador Tasso Jereissati (CE) da interinidade e indicar o ex-governador de São Paulo Alberto Goldman para o cargo.

No sábado (11), o PSDB-MG fez sua própria convenção, e nela Aécio reconheceu que é hora do partido deixar a administração peemedebista, mas "pela porta da frente, da mesma forma como entramos". Ele disse, sem especificar qual cargo disputaria (se Senado ou governo mineiro), que seu nome no pleito de 2018 é garantido.

Aécio se licenciou da liderança tucana após a descoberta de uma gravação em que pede R$ 2 milhões ao empresário e delator Joesley Batista. O espaço que reconquistou no partido é danoso, segundo Tobias. "Compra caixão, se sobrar caixão por aí."

Na mesma toada foi o secretário estadual Floriano Pesaro (Desenvolvimento Social), pré-candidato ao governo paulista. Para ele, Aécio "não pode contaminar membros do partido" e deve "se afastar para se defender" das acusações na Justiça.Na convenção mineira Aécio "deitou e rolou", afirmou o vereador Mario Covas Neto, que diz ter cogitado abandonar o PSDB, mas suspendeu a decisão por ora. "O ideal será esperar a convenção nacional [em dezembro]" para ver que rumo o tucanato tomará, afirmou. "Se saio agora, o grupo fisiológico ganha mais força."

Na semana passada, Tasso já havia acusado Aécio de "fisiologismo", e o senador rebateu dizendo que rechaça essa "pecha".

PRESIDENCIÁVEL

A unanimidade, ao menos no diretório paulista, está em torno de Geraldo Alckmin. A disputa interna entre ele e seu afilhado político João Doria, para ver qual dos dois conquistava a vaga de presidenciável tucano em 2018, parecia página virada na convenção.

"Estamos juntos", disse o prefeito sobre Alckmin, quando a dupla desembarcou de uma van que trouxe outros caciques do partido em São Paulo, como Goldman, José Serra e José Aníbal.

Estiveram, mas não por muito tempo: Doria saiu antes dos colegas, para ir ao Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. Antes de ir, disse que aquela era a "convenção da pacificação".

O prefeito e Goldman, o novo presidente do PSDB nacional, tentam deixar para trás o entrevero que nutrem há meses e que teve seu ápice em outubro, quando Doria chamou o ex-governador de "fracassado" que "agora vive em casa de pijamas".

A vestimenta para dormir, no entanto, foi lembrada por uma claque da base tucana, que fez um coro de "eu pedi pijama!" quando Goldman começou seu discurso.

"A gente leu que o PSDB tinha acabado. Onde, eu não sei. Aqui em São Paulo não acabou, não, e não vai acabar no Brasil", disse o presidente do PSDB até a convenção nacional que elegerá a nova liderança partidária.

"Não temos caciques, coronéis, imperadores, temos líderes que têm que responder à sua base", afirmou em seguida, sem endereçar críticas a nomes específicos.

Na plateia, uma dirigente do PSDB Mulher cotovelou uma amiga e disse: "Primeiramente, fora Aécio...".



Fonte: Com informações da Folhapress.


COMENTE!

PT aciona colunista que pregou a morte de Lula

O Partido dos Trabalhadores decidiu acionar criminalmente o colunista Mario Vitor Gonçalves, que publicou o artigo "Lula deve morrer".

Imagem Ilustrativa 
 Foto: Reprodução

"Pelo bem do País, Lula deve morrer. Eis uma verdade incontestável. Digo, se Luiz Inácio ainda é encarado por boa parte da sociedade como o prócer a ser seguido, se continua sendo capaz de liderar pesquisas e inspirar militantes Brasil afora, então Lula precisa morrer", escreveu o jornalista (leia mais aqui). 

"O título é tipicamente uma incitação ao crime, conforme previsto no artigo 286 do Código Penal Brasileiro", diz nota do PT; "Este episódio demonstra até que ponto setores da direita e das elites estão dispostos a chegar para impedir o retorno de Lula à presidência da República pelo voto do povo brasileiro" 

REVISTA INCITA O CRIME 

A revista IstoÉ ultrapassou todos os limites da venalidade e do jornalismo marrom que pratica, ao publicar, esta semana, artigo intitulado “Lula deve morrer”. O conteúdo do artigo é mais do mesmo lixo propagandístico contra o ex-presidente Lula – calunioso, mentiroso e difamatório – que esta revista habitualmente publica. O título, porém, é tipicamente uma incitação ao crime, conforme previsto no artigo 286 do Código Penal Brasileiro. A Justiça será acionada para medidas cabíveis contra o medíocre autor do artigo e contra a revista que lhe deu guarida no ato criminoso. Este episódio demonstra até que ponto setores da direita e das elites estão dispostos a chegar para impedir o retorno de Lula à presidência da República pelo voto do povo brasileiro 


Fonte: Brasil 247 

COMENTE!

Facção criminosa mata cabo PM e seu enteado

A suposta emboscada foi numa estrada do Maiobão em São Luis

Lotado no 9º BPM, um cabo identificado até agora apenas como José e seu enteado Yuri de Paula Silva foram assassinados hoje a tarde na estrada da Maioba. O enteado era filho de uma sargento reformada da PM. A morte dos dois aconteceu na estrada Sítio Grande, entre a Maioba e o Maiobão. Eles viajavam em um carro dirigido pelo PM. A autoria está sendo atribuída a uma facção criminosa de São Luís. Policiais da Delegacia de Homicídios estão no local e fazem levantamentos que permitam a identificação dos criminosos, que teriam armado uma emboscada para o PM.


COMENTE!

10 de novembro de 2017

No Maranhão prefeito eleito é afastado, retorna, é afastado, retorna, é afastado…

Pela terceira vez a justiça o retira do comando da cidade

STJ havia determinado a saída de Zé Vieira do cargo no dia 18 de outubro (Foto: Reprodução/TV Mirante) 
 Foto: Reprodução/ TV Mirante

Parece cena de novela ou atos que entrarão para livros de anedotas políticas. A cidade de Bacabal, no Maranhão, deve entrar para o Guinness Book (livro dos recordes) por ter afastado e retornando o prefeito várias vezes em tão curto espaço de tempo. E olha que todas amparadas em decisões judiciais. 

Desde que venceu a eleição legitimamente pelo voto popular,  o prefeito  Zé Vieira (PP) sofre todo tipo de perseguição dos seus adversários que querem tomar a prefeitura a qualquer custo. Já tentaram e continuam tentado no tribunais de Brasília, sem êxito.

Por último, batem às portas do Tribunal de Justiça do Maranhão, que em menos de dez dias afastou e retornou o prefeito em mais de duas vezes.

O sai e volta, no popular conhecido como couro daquilo que sai e entra, só tem prejudicado o município e sua gente, exercendo influência negativa na economia e cotidiano da cidade.

Quando menos a população comemora o retorno de Zé Vieira, o prefeito nem chega a sentar na cadeira para tomar decisões aguardadas pelo povo, lá vem outra liminar para afastá-lo do cargo, como aconteceu em menos de uma semana e hoje novamente.

A Justiça, por mais democrática que seja e tenha visões ou interpretações das mais diversas sobre os dispositivos legais, não pode sacrificar uma cidade  inteira e sua gente por conta de ao que parece, disputas de liminares para saber quem tem razão ou não. Se assemelha a uma queda de braço entre magistrados.

Uma cidade não pode viver na indecisão jurídica,  vai acabar levando Bacabal para as manchetes negativas e ridículas da imprensa nacional. Afinal, ninguém sabe ao certo quem é o prefeito de fato e de direito.

Hoje, foi a vez do desembargador Bayma Junior afastar Zé Vieira por entender que a decisão do afastamento da semana passada, por liminar do desembargador José de Ribamar Castro, era a correta, e que a decisão da colega Nelma Sarney (que cassou a de Castro) era equivocada. E haja confusão na cabeça do bacabalense.

Não duvido muito que hoje, no Jornal Nacional, ou mesmo no Fantástico de domingo, apareça uma reportagem informando que no Maranhão tem uma cidade em que a Justiça não deixa ter um prefeito.

 

Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Dossiê alerta sobre relação do novo diretor da PF com Sarney e Lobão

Há relatos da proximidade de Segovia com o clã Sarney

Dossiê alerta sobre relação do novo diretor da PF com Sarney e Lobão 
 Foto: Agência Senado

O governo anunciou o novo diretor da Polícia Federal (PF), o delegado Fernando Segovia, nessa quinta-feira (9). No entanto, um dossiê que circula em Brasília indica que Segovia tem relações próximas com a família Sarney e com Edison Lobão.  

A revista Veja revela que Segovia chegou a morar na casa de um empreiteiro ligado a Lobão, no período em que esteve no cargo de superintendente no Maranhão.

Além disso, a reportagem destaca que há relatos da proximidade de Segovia com o clã Sarney. Segundo especulações, o delegado e sua esposa participaram de festas juntamente com a família Sarney e teriam passado um carnaval com Roseana.

No dia em que foi nomeado, Segovia já anunciou novos nomes para direção da PF. O delegado Sandro Avelar deve ser nomeado vice-diretor da instituição. Outros nomes já estariam também escolhidos: o delegado Cláudio Gomes, ex- corregedor-geral, deve comandar a diretoria de Inteligência. A diretoria de Combate ao Crime Organizado deverá ser ocupada por um delegado da PF do Espírito Santo.

Para a decisão sobre o nome diretor-geral da PF, o presidente Michel Temer recebeu fora de sua agenda oficial, no sábado (4), o ex-presidente José Sarney para acertar sobre Fernando Segóvia.


Fonte: Noticias ao Minuto 

COMENTE!

Lilian Martins será relatora do acórdão sobre subconcessão

O acordão será enviado ao Supremo, que vai decidir sobre o mérito

Conselheira Lilian Martins 
 Foto: Paulo Pincel

A conselheira Lilian Martins será a relatora do acordão do Tribunal de Contas do Estado do Piauí que será votado pelo Pleno antes de ser publicado no Diário Oficial Eletrônico do TCE-PI, sobre o julgamento do processo de subconcessão da Agespisa, que estava suspenso desde abril por decisão liminar do desembargador José Ribamar Oliveira, do Tribunal de Justiça do Piauí. 

A decisão do TCE-PI desta quinta-feira (9), determinando a realização de um novo certame licitatório, será encaminhada para conhecimento do Tribunal de Justiça do Estado e do Supremo Tribunal Federal, anunciou o presidente do TCE-PI, conselheiro Olavo Rebelo, após concluída o julgamento do processo da subconcessão. 

A votação foi retomado graças à liminar da presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, datada de 24 de outubro, reconhecendo a competência do TCE-PI para fiscalizar a licitação e julgar o processo decorrente das denúncias da Águas do Brasil, de irregularidades na licitação internacional, no valor de R$ 1,7 bilhão para exploração pela Aegea Saneamento (Águas de Teresina) dos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário da capital. 

Caberá à ministra Cármen Lúcia decidir sobre a validade ou anulação do contrato firmado entre o Governo do Estado e a Aegea Saneamento, assinado no dia 7 de julho, com base na liminar assinada pelo desembargador Ribamar Oliveira. 


Fonte: TCE-PI
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

09 de novembro de 2017

Ativista do PT critica trabalho de Dudu na Câmara

Junior do MP-3 afirma que o PT está mal representado na Câmara

Petista histórico e integrante de uma ala considerada mais à esquerda dentro do Partido dos Trabalhadores, o ativista Junior do MP-3, afirmou, em mensagem mandada para este jornalista e para Pedro Alcântara, que o seu partido "não está bem representado na Câmara Municipal de Teresina". Ele disse isso depois de criticar a atuação de Edilberto Borges, o Dudu, que se manifestou contra a iniciativa do prefeito Firmino Filho, de ter construído  no bairro São Joaquim, uma praça em homenagem à cultura afro.

Junior do MP-3 elogiou a iniciativa do prefeito e disse que o PT sempre defendeu os movimentos culturais, principalmente o afro porque retrata a origem do povo brasileiro. Na praça, que fica no projeto Lagoas do Norte, foram montadas estátuas de várias entidades da umbanda. Na Câmara Municipal, além do vereador Dudu, o Partido dos Trabalhadores tem o vereador Deolindo Moura.

Imagem relacionada

Junior do MP-3       (Foto: Reprodução)

Resultado de imagem para Vereador Dudu

Vereador Dudu       (foto: reprodução)

COMENTE!

Elmano Férrer chama atenção para segurança nas barragens no Piauí

Em pronunciamento, o senador destacou a barragem de Cajazeiras, que está totalmente seca, e barragem de Barreiras, que tem falhas estruturais.

Resultado de imagem para senador elmano ferrer 
 Senador Elmano Férrer (Foto: Reprodução)  

O senador Elmano Férrer (PMDB-PI) chamou atenção para a crise hídrica que afeta a região do semiárido do piauiense e para a situação das barragens, que estão em situação de risco no estado. Em pronunciamento, nesta quinta-feira (09), o senador destacou também que o estado é rico em água subterrânea, mas que não é utilizada para o consumo de famílias que sofrem com a falta de abastecimento.

Segundo o senador Elmano Férrer, existem barragens no Piauí que estão em condições dramáticas. Como é o caso do Açude Cajazeiras, em Pio IX, que tem capacidade de 24,7 milhões de metros cúbicos, mas está totalmente seco. “Tive oportunidade de visitar algumas barragens no Estado do Piauí, ao longo dos 51 anos que tenho no Piauí, eu nunca vi no estado o que eu testemunhei. A população já sente, sobretudo a população rural do município de Pio IX e proximidades”, disse.

Outro caso citado pelo senador Elmano Férrer é o Açude Barreiras, em Fronteiras, que apresenta falhas estruturais e erosões significativas, indicando risco de rompimento futuro. Elmano Férrer afirmou que, segundo relatório da ANA (Agência Nacional de Águas), esse açude e outros no Piauí em situação de risco, lembrando o desastre em Mariana (MG).  “Isso é preocupante, porque não só as barragens de Cajazeiras e Barreiras correm risco futuro de arrombamento, mas também outras 29 barragens, só nó Estado do Piauí”, ressaltou Elmano.

De acordo com o senador, há projetos para recuperação de barragens no DNOCS e que há uma legislação específica para tratar da Política Nacional de Segurança de Barragens, a Lei 12.334.

O senador Elmano Férrer destacou ainda cinco barragens, que estão em situação crítica de volume: Bocaína, que abastece o município de Bocaína, Picos e Sussuapara, tem capacidade de 106 milhões de metros cúbicos de água, mas que está com volume atual de apenas 13,21% de água. A barragem de Piaus, em São Julião, tem capacidade de 104 milhões de metros cúbicos de água, e volume atual de 4%. Em Padre Marcos, o Açude Estreito tem capacidade de 23,8 milhões de metros cúbicos, e volume atual de 6,7%.

“Os interiores desses municípios são abastecidos através de carros-pipa, que em pleno século XXI, ainda estão predominando, no semiárido do Nordeste, sobretudo nessas épocas de grande seca, são eles que salvam as populações, sobretudo a população rural”, afirmou o senador Elmano Férrer.

Adutora do Sertão

No Plenário, o senador Elmano Férrer também defendeu medidas definitivas para solução da falta de abastecimento de água no semiárido piauiense, como o aproveitamento de águas subterrâneas. Para ele, a Autora do Sertão mostra-se como saída mais viável, que seria capturar água do Aquífero Cabeças.

“Já existem 37 poços tubulares, que foram perfurados na década de 1980. Se fôssemos fazê-los hoje, gastaríamos R$100 milhões. Então, os geólogos da CPRM conceberam esse projeto de levar água desse rio subterrâneo – do Vale do Gurgueia - para 51 Municípios dessa região dos cerrados piauienses, para resolver o problema em definitivo dessas populações, em torno de quase 500 mil habitantes”, defendeu o senador Elmano Férrer, que conseguiu viabilizar recursos para realizar o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica  Ambiental.

 

Fonte: Assessoria 


COMENTE!

Dudu aciona TCE e pede providências sobre convocação de Guardas Municipais

A Prefeitura vem descumprindo o acordo feito com o Tribunal de Contas

 
 Vereador Dudu (Foto: Reprodução)

O vereador Dudu (PT) protocolou requerimento no Tribunal de Contas do Estado solicitando providências sobre o descumprimento da recomendação feita à Prefeitura de Teresina, que determinava o cronograma de nomeação de cerca de 90 concursados da Guarda Municipal de Teresina.

“Protocolamos um requerimento solicitando providências acerca de um cronograma que foi feito pela Prefeitura e esse Tribunal, mas a prefeitura está desrespeitando”, afirmou.

O requerimento foi protocolado logo após o julgamento sobre o uso pelo município dos precatórios referentes ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF). Por 4 votos a 1, os conselheiros determinaram o desbloqueio das contas do FUNDEF e julgaram improcedentes as denúncias.

O vereador continuará acompanhando a gestão dos recursos através da análise de outras denúncias apresentadas, para garantir que seja feito o uso adequado dos recursos e a decisão não seja política.

“Na Câmara municipal a líder do prefeito Firmino, a vereadora Graça Amorim, disse na Câmara Municipal que há julgamentos no TCE que são políticos. Foi a líder. Merece até inclusive que o TCE peça vista do que ela disse. Nós vamos pedir todo esse processo para fiscalizarmos outras operações, como pagamento de propaganda e do SETUT. Vamos verificar se o SETUT tem a ver com educação e se a propaganda paga para uma empresa aqui de Teresina tem a ver com educação”, concluiu.  


 Foto: Divulgação


Fonte: Douglas Ribeiro
            Ícone Comunicação 


COMENTE!

Ciro tenta atrair Firmino e JVC para a base governista

Se depender de Ciro, os dois caciques vão estar no palanque de Wellington

Resultado de imagem para Ciro Nogueira  e Firmino Filho e joão Vicente  Claudino 
 Foto: Reprodução

O presidente nacional do Partido Progressista, senador Ciro Nogueira, quer juntar mais gente na base governista em apoio à reeleição de Wellington Dias. Se depender do esforço dele, pelo menos mais dois caciques da política piauiense vão fazer camapanha pela segunda reeleição do governador petista: o prefeito de Teresina, Firmino Filho, do PSDB, e o ex-senador João Vicente Claudino (ex-PTB e ainda sem partido). 

"O que nós pudermos fazer pela gestão do Firmino, nós vamos fazer. Gostaria muito de que o Firmino concluísse o seu mandato e nos apoiasse agora na eleição. [...] Se ele vai ou não a ser candidato é uma decisão que cabe muito a ele, eu acho que ele vai tomar só no próximo ano, mas eu gostaria muito de ter o apoio do Firmino tanto para mim, quanto para o Wellington na eleição do próximo ano", revelou o senador. 

Sobre uma aliança com o ex-senador João Vicente Claudino, Ciro Nogueira adiantou que vai fazer o que for preciso para trazê-lo novamente para a vida a pública. “Ele [JVC] não definiu a qual cargo vai ser candidato. Gostaria muito de contar com ele na nossa coligação, com o seu apoio. Mas que ele volte à vida pública", defendeu. 


Fonte: PP
Editor: Paulo Pincel 


COMENTE!

Em Brasília, Firmino assegura recursos para saúde e mobilidade

Obras como a do Centro de Saúde da Mulher, e CAPS i, e de drenagem estiveram na pauta das reuniões em Brasília

Em Brasília, Firmino assegura recursos para saúde e mobilidade 
 Foto: Divulgação

O prefeito de Teresina, Firmino Filho, cumpriu agenda em Brasília nesta quarta-feira (8). O gestor assegurou, junto ao Governo Federal, a liberação de mais de R$ 2,5 milhões em emendas parlamentares. Os recursos serão destinados para área da saúde.

“Esse recurso será importante para levarmos um serviço ainda melhor para os teresinenses. Ele são irão ajudar no custeio da saúde da nossa cidade”, disse o prefeito, referindo-se ao recurso oriundo de emendas parlamentares do senador Ciro Nogueira (PP). Além dos investimentos oriundos da emenda, Firmino Filho pleiteou no Ministério da Saúde investimentos para o Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPS i) e o centro de saúde da mulher.

Em Brasília, o chefe do Executivo municipal também buscou recursos para área de mobilidade e drenagem. Ele esteve reunido com o secretário Nacional de Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades, Ricardo Caiado de Alvarenga, que sinalizou recursos para a construção do Centro de Controle Operacional (CCO), que tem como objetivo de monitorar o sistema de transporte público da capital.

“Conseguimos junto ao Ministério boas indicações de recursos para o CCO e também novos investimentos para mobilidade urbana, como qualificação das vias e calçadas”, explicou o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Erick Amorim. O CCO funcionará no antigo prédio da Superintendência Municipal de Transportes e Transito (Strans).

Junto com recursos para obras de mobilidade, foram discutidos também investimentos para obras de drenagem. Uma das prioridades da administração municipal é a obra emergencial do Residencial Torquato Neto IV, na zona Sul de Teresina. “Desde 2014, o prefeito Firmino Filho vem buscando, junto ao Governo Federal, recursos para execução da obra de drenagem do Torquato Neto. Desta vez, tivemos uma sinalização positiva e estamos confiantes de que conseguiremos o valor necessário para executar a obra”, sintetizou Erick Amorim, que esteve reunido com o secretário nacional de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades, Henrique Pires.

Sine municipal

Firmino Filho pleiteou, em Brasília, a implantação do Sistema Nacional de Emprego de Teresina (Sine). Nesta quarta-feira, ele participou de uma audiência com o secretário executivo do Ministério do Trabalho e Emprego, André Figueiredo. "No ano passado, o Conselho Municipal do Emprego aprovou a criação desse Sine. Agora, estamos buscando, junto ao Ministério, os recursos necessários para a implementação de um espaço que facilite a entrada dos cidadãos ao mercado de trabalho. Será um ganho para os trabalhadores", disse o gestor.



Fonte: PMT 

COMENTE!

08 de novembro de 2017

Ciro Nogueira avisa que PP ter candidato ao governo em 2022

Ciro e Wellington se reuniram em Brasília para avaliar a situação financeira do Estado

Wellington Dias com Ciro Nogueira em Brasília 
 Foto:Divulgação/Jailson Soares

O Partido Progressista terá candidato a governador no Piauí, mas somente em 2022. Ou seja, o PP vai apoiar a reeleição do atual governador do Piauí, Wellington Dias, agora em 2018 e a aliança será mantida nos quatro anos do quarto mandato do governador petista. O senador Ciro Nogueira, presidente nacional do PP, recebeu o governador Wellington Dias para um café, na residência dele em Brasília, quando analisaram a situação financeira do Estado. 

Aliás, o rombo no caixa do Estado provocado pelas quedas sucessivas nos repasses federais ao Piauí foi o princopal motivo da peregrinação do governador do Piauí na Câmara e no Senado, onde se encontrou com os presidentes Rodrigo Mais (DEM-RJ) e Eunício Oliveira (PMDB-CE). 

"Estamos vivendo o nosso melhor momento. Com certeza, se vai ser o senador Ciro, se vai ser outro nome do partido, em 2022 nós vamos ter candidato [ao governo do Piauí]. O partido tem dimensão para isso, tem quadros que podem fazer um grande trabalho, e com certeza nós vamos ter candidato, ou o senador Ciro ou qualquer outro membro do partido, em 2022", revelou o senador em entrevista na TV. 

Sobre o episódio Refis, Ciro Nogueira minimizou, afirmando que PT e PP são os dois maiores partidos do Piauí. ”Vamos ter problemas sistemáticos. São partidos muito grandes, existem disputas locais. É uma situação localizada. Nós nunca colocamos em cheque a nossa aliança com o governador. É uma aliança que não está começando agora, ela se iniciou na eleição de governador [em 2014]", lembrou o senador.  



Fonte: PP
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

Dudu cobra nomeação de Guardas Municipais e critica Prefeito por descumprir decisão do TCE

O vereador cobra a nomeação dos Guardas Municipais do concurso realizado em 2015

 
 Vereador Dudu (Foto: Divulgação)

O vereador Dudu (PT) criticou o descumprimento da Prefeitura Municipal de Teresina da recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para nomear cerca de 90 concursados da Guarda Municipal.  Por isso, Dudu vai apresentar requerimento junto ao TCE para que sejam de fato realizadas as nomeações dos aprovados no certame.

“Estou aqui com a representação em relação ao descumprimento junto ao TCE. Prefeito Firmino que tem a mania de descumprir as questões jurídicas e passar por cima, tem de entender que o Estado Democrático é de direito e quando diz direito, se diz deveres também e a Guarda Municipal, volto a afirmar, é de extrema importância para cidade. E o Prefeito Firmino descumpriu até hoje as recomendações do TCE”, pontuou.

O concurso público para a Guarda Municipal de Teresina foi realizado no final de 2015 e atualmente aprovados no certame aguardam a nomeação.  Os Guardas afirmam que a Prefeitura vem utilizando serviço de empresas terceirizadas na área de segurança e vigilância patrimonial.

“Parece que a Guarda é algo invisível, que não merece ser tratado como servidor público, como segurança. É uma vergonha Teresina com 1 milhão de habitantes ter uma Guarda menor que Parnaíba e Timon. Isso é uma vergonha”, finalizou o vereador.


Fonte: Douglas Ribeiro
            Ícone Comunicação 


COMENTE!

Deputado pede informações ao TCE sobre recursos do Plamta

Ele disse também que se é verdade que o governador Wellington Dias praticou “pedaladas” no Piauí, a Justiça precisa tomar providências.

 
 Foto: Reprodução

O deputado Robert Rios (PDT) solicitou no dia (6) ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) que o órgão verifique “se é realidade que o Governo do Estado desviou dinheiro do Plamta, para pagamentos de servidores”, palavras do parlamentar.

Robert pediu também, que seja verificado se o governo desviou dinheiro de empréstimo consignado e se desviou dinheiro do empréstimo feito com a Caixa Econômica Federal. “Há fortes indícios de informes chegados aos gabinetes de oposição, de que dos 307 milhões já disponibilizados do empréstimo da Caixa Econômica, 286 milhões, o governo teria  desviado. Se é verdade que o governo gastou apenas, com o objetivo principal que era em obras, 21 milhões e que o restante ele trouxe para a Conta Única, para pagar servidores e outras contas, é uma coisa muita grave”, ressaltou.

Robert Rios lembrou que por muito menos do que essa situação, a ex-presidente Dilma Rousseff perdeu a presidência da República. Ele disse também que se é verdade que o governador Wellington Dias praticou “pedaladas” no Piauí, a Justiça precisa tomar providências.

“O dinheiro do Planta sumiu, o empréstimo consignado sumiu, e agora 307 milhões de um empréstimo na Caixa Econômica, autorizada por esta Casa, e estão dizendo que apenas 21 milhões, efetivamente, foram gastos por obras, sobram aí, 286 milhões, para o governador pedalar. E o governado vai ter que dizer se isso é verdade e se realmente ele usou esse dinheiro, dessa forma estranha”.

Na opinião do deputado é preciso que o Tribunal de Contas do Estado ou que o secretário de administração, Rafael, venha até essa Casa, explicar onde está esse dinheiro, porque segundo ele, esse empréstimo não será pago pelo governador Wellington Dias e que esse empréstimo será pago pelo povo do Piauí. “Se o empréstimo foi tomado em nome do povo do Piauí, essa Casa tem que fiscalizar, porque é uma situação gravíssima. Se isso for verdade, ele praticou um crime contra o povo do Piauí, e não pode mais ficar no Governo”, finalizou. 

 

Lindalva Miranda    - Edição: Katya D’Angelles
Fonte: ALEPI 

COMENTE!

07 de novembro de 2017

PMDB convida Franzé para ser candidato a deputado

O deputado João Madson foi o portador do convite

Representando a direção do PMDB, e com o aval dos colegas, o deputado João Madson Nogueira, convidou o secretário de Estado da Administração, Franzé Silva, para se filiar ao partido e disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa ou na Câmara Federal. O convite teve o aval do presidente Themístocles Filho e tudo indica que o secretário vai preferir continuar no Partido dos Trabalhadores.

Franzé Silva também recebeu convite do Partido Comunista do Brasil ( PC do B ), que lhe foi feito depois que surgiram rumores de que o secretário de administração do Estado estaria incomodado dentro do PT em consequência de críticas de parlamentares da propria agremiação a que está filiado, que estariam incomodados com "seu poder de fogo".

Resultado de imagem para Franzé Silva

Franzé Silva     (Foto: Reprodução)

COMENTE!

JVC e Elmano se encontram em Brasilia com Ciro

O encontro foi no gabinete de Ciro Nogueira, em Brasília.

Acompanhado de empresários que se empenharam na campanha contra a aprovação do projeto do Governo que aumentou a alíquota do ICMS na semana passada, o ex-senador João Vicente Claudino , ao lado do senador Elmano Ferrer, se encontrou com o ministro do trabalho, hoje para reforçar algumas reivindicações. Logo depois, tendo somente Elmano ao seu lado, esteve reunido com o senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, que o convidou para presidir o partido no Piauí.

Recentemente circulou um video gravado num momento de descontração do empresário João Vicente Claudino, abraçando um empresário jovem em que, apontando para ele, diz "esse Wellington aqui é gente boa". O jovem empresário, responde : "estamos juntos em 2018 meu governador", referindo-se a Vicente.

Elmano, João Vicente e Ciro

JVC ao lado de empresários como Arthur Feitosa e Gilberto Pedro, que fizeram campanha contra o projeto do Governo.

COMENTE!

Firmino quer eleger deputados federais pelo PSDB

O prefeito quer preencher uma lacuna do seu partido na politica

O prefeito Firmino Filho está articulando a formação de uma chapa que visa eleger pelo menos um deputado federal , preenchendo um espaço que tem sido cobrado até pela direção nacional do partido que estranha o fato de não haver um representante do PSDB eleito pelo estado do Piaui.  

O prefeito convidou o deputado estadual Luciano Nunes para entrar na disputa mas o parlamentar analisa a conjuntura para apresentar uma resposta. A sua preferencia é permanecer na Assembléia Legislativa, assim como seu correligionário Firmino Paulo, que também recebeu  incentivo mas não topou.

O prefeito trabalha outros nomes com a certeza de conseguirá a eleição de pelo menos um representante do PSDB. Ele conversa  com alguns vereadores com potencial eleitoral para entrarem na disputa por uma vaga na Câmara formando uma chapa em condições de construir legenda suficiente. 

Resultado de imagem para Firmino Filho

Firmino Filho        (Foto: Reprodução)




 


COMENTE!

06 de novembro de 2017

Lula perdoa Sarney, Roseana, e espera mais de 70% dos votos no Maranhão

Sarney agiu durante todos os governos de Lula e Dilma como conselheiro.

Em oito estados brasileiros, onde o PMDB tem densidade eleitoral, o ex-presidente Lula já anunciou seu perdão aos que traíram o PT e votaram pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff. No Maranhão, nem precisa comentar que Sarney continua sendo conselheiro do petista e na eleição de 2018 Lula não vai mirar em nenhum momento a artilharia contra Roseana Sarney, quer o PT local queira ou não.


Lula pode rezar e pedir perdão ao Divino, mas fica com os Sarney (Foto: Reprodução)

Pragmático, Lula busca apoio das lideranças que estiveram com ele nas duas eleições vitoriosas, assim como nas da companheira Dilma. A família Sarney sempre esteve lá, embora trabalhasse abertamente pelo impedimento da ex-presidente petista.

Sarney agiu durante todos os governos de Lula e Dilma como conselheiro. Partiu dele a principal orientação para que Lula não desista e enfrente seus inimigos na política e na área jurídica. O pai de Roseana é sempre bem recebido por Lula, assim como a filha.

O PMDB nacional encontra dificuldades para ter candidatura própria e não tem tido receptividade no PSDB, que vai lançar um candidato. Nesse mar de indecisão, é muito provável que o PMDB do Maranhão e do Amapá também estarão com Lula, se ele for realmente candidato.

Flávio Dino, agora com essa do seu PCdoB de ter candidato próprio para presidente da República, se já não podia exigir muito de Lula, agora mesmo que vai ficar sem moral.

Lula não precisa de Sarney e muito menos do governador comunista para ser o mais votado no Maranhão. Aqui, se ele for candidato, obtém no mínimo 70% ou mais dos votos.

Mas o namoro com a família Sarney, ao que parece, não tem fim e nem traição, quer os petistas do Maranhão queiram ou não.  



Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Ex-prefeito de Monsenhor Gil é condenado por improbidade

Ex-gestor descumpriu o disposto no art. 37 da Constituição ao não criar e manter seu “Portal da Transparência”.

Imagem relacionada 
 Foto: Reprodução

A pedido do Ministério Público Federal no Piauí (MPF/PI), a 3ª Vara da Justiça Federal condenou o ex-prefeito de Monsenhor Gil, Francisco Pessoa da Silva, pela prática de improbidade administrativa ocorrida durante seu mandato.

De acordo com a ação do procurador da República Marco Túlio Lustosa Caminha, o ex-gestor descumpriu o disposto no art. 37 da Constituição Federal, assim como a Lei nº 12.527/2011 e a Lei Complementar nº 131/2009, ao não criar e manter seu “Portal da Transparência”.

Para o MPF, após a LC nº 131/2009, o ex-prefeito teve o prazo de um ano para cumprir as determinações nela contidas, mas não o fez, além de ter permanecido inerte às suas recomendações, no decorrer do inquérito civil público que instruiu a ação.

O juízo da 3ª Vara Federal condenou parcialmente o ex-prefeito de Monsenhor Gil, Francisco Pessoa da Silva, ao pagamento de multa civil de R$ 30.000,00, conforme o art. 12, III, da Lei nº 8.429/92, a ser revertido em favor do Município de Monsenhor Gil e ao pagamento de indenização por dano moral coletivo, no valor de R$ 10.000,00, dado seu caráter educativo e inibitório.

Cabe recurso contra a decisão.

Ação Civil de Improbidade – Processo nº 15607-57.2016.4.01.4000  



Fonte: MPF/PI 

COMENTE!

Corpo de universitário piauiense encontrado no mar

Estudante de nutrição da Ufpi, Bruno desapareceu na Praia do Futuro

Desaparecido na manhã do último sábado, na praia do Futuro, em Fortaleza, o corpo do estudante de nutrição da Universidade Federal do Piauí, Bruno Eduardo Pereira Silva, de 19 anos, foi encontrado na manhã de hoje, dia 06 , por integrante do Corpo de Bombeiros da capital do Ceará. Bruno e mais 19 pessoas deixaram Teresina na quarta-feira para aproveitar o feriadão em Fortaleza. Até o momento não se sabe em que circunstâncias o jovem desapareceu.

Bruno fez o ensino médio na Fundação Nossa Senhora da Paz, na Vila da Paz, zona Sul de Teresina, instituição administrada pelo padre Pedro Balzi, já falecido. O corpo do jovem deve ser trazido para Teresina dentro das próximas horas.

COMENTE!

05 de novembro de 2017

Roseana anuncia que enfrentará Flávio Dino em 2018

A filha de José Sarney fez o anúncio pelas redes sociais

A filha do ex-presidente José Sarney, Roseana, escolheu as redes sociais para fazer o anúncio que certamente os opositores do atual governador Flávio Dino ( PC do B ) esperavam há muito tempo: será candidata a governadora do Maranhão em 2018. Os governistas tentaram minimizar o efeito do anúncio alegando não constituir a menor novidade mas na realidade muitos a consideram a maior ameaça aos planos do atual governador de permanecer no Palácio dos Leões.

Decisão foi em Brasília

Na realidade há cerca de três meses Roseana esteve com seu pai em Brasília, numa reunião com dirigentes do seu partido, o PMDB, quando ficou acertado que ela disputaria o Governo do Maranhão, e seu irmão, Zéquinha Sarney, atual ministro do Meio Ambiente, o Senado da República. Também ficou certo que José Sarney disputará, mais uma vez, uma cadeira de senador pelo Estado do Amapá.

Ex-senadora e ex-governadora, é indiscutível a habilidade politica de Roseana Sarney e sem dúvida é a candidata mais temida pelo Palácio dos Leões, segundo comentários de aliados de Flávio Dino, que pediram omissão de seus nomes em provável noticiário.

Resultado de imagem para Roseana Sarney

Roseana Sarney       (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Menina de 10 anos é morta e enterrada num quintal

O principal suspeito é o padrasto dela, acusado de abuso sexual.

Desaparecida desde quarta-feira, dia 1º, pela manhã, a menina Alanna Ludmilla, de 10 anos, foi encontrada enterrada, no quintal da própria residencia, no Maiobão, Paço do Luminar, na grande São Luis, na sexta-feira, dia 3. A Polícia acredita que o padrasto dela, Robert Serejo Oliveira, a submeteu a violência sexual e a matou em seguida com todos os requintes de crueldade. Allana tinha ferimentos na cabeça.

A garota tinha a cabeça envolta em um saco escuro e foi encontrada porque um vizinho, Nonato Vasconcelos, sentiu um forte cheiro e saiu procurando até encontrar o cadáver. Ao retirar pedaços de tijolos e cavar um pouco surgiram os pés da garotinha.

Robert Serejo teve a prisão preventiva decretada e se encontrava foragido até agora há pouco. A Policia descobriu que em outra ocasião ele tentou abusar da garota.

Consta também que Serejo estava separado da mãe da garota, Jaciane Borges, mas tinha copias das chave da casa. No dia em que a garota foi dada como desaparecida ele esteve por duas vezes na casa. Na primeira estava só, pela manhã, e na segunda, à tarde, acompanhado de um tio da menina.

 Alanna Ludmilla          

 O padastro com a garotinha

COMENTE!

04 de novembro de 2017

PT e PMDB esquecem rusgas do impeachment e se aliam em 6 Estados

Partidos voltam a se aproximar pensando na corrida eleitoral de 2018

PT e PMDB esquecem rusgas do impeachment e se aliam em 6 Estados 
 Foto: Ricardo Stuckert

Brigados desde o impeachment de Dilma Rousseff, PT e PMDB começam a aparar as rusgas com vistas às eleições do ano que vem. No momento, as alianças estão em vias de serem concretizadas em ao menos seis Estados: Alagoas, Ceará, Minas Gerais, Piauí, Sergipe e Paraná.

Dois dos casos mais emblemáticos são Alagoas e Ceará, redutos dos senadores peemedebistas Renan Calheiros e Eunício Oliveira, que votaram a favor da destituição de Dilma.

Em âmbito nacional, o diretório do PT impediu alianças com partidos que tenham sustentado o impeachment. "Eventualmente, há conversas nos estados, de maneira informal. São conversas nos estados onde já temos alianças e que perduraram", explicou ao jornal o Globo o líder do PT na Câmara, Carlos Zarattini.

Próximo ao ex-presidente Lula, o presidente do PT em São Paulo, Luiz Marinho, disse ao jornal O Estado de S. Paulo que o partido deveria pensar em rever a proibição.  



Fonte: Noticias ao Minuto 

COMENTE!

Mais de 13 mil servidores vão ficar sem salário no Estado

Último prazo para atualização cadastral é a meia-noite de segunda-feia (6)

Mais de 13 mil servidores estaduais vão ficar sem salários agora em novembro. A Secretaria de Estado da Administração e Previdência alerta os 13.414 servidores que ainda não fizeram a Atualização Cadastral Bienal obrigatória para que o façam até a meia-noite da próxima segunda-feira (6), quando o sistema de recebimento de dados – on line, via internet - será fechado. 

Os contracheques desses servidores serão bloqueados até a regularização da situação de cada um. Após três meses de bloqueio, será aberto Processo Administrativo para demissão do servidor por abandono de emprego. 

"Desde junho iniciamos o processo de atualização totalmente on-line destacando a importância de mantermos o banco de dados atualizado", argumentou o secretário Franzé Silva. 

No Recadastramento do Servidor, realizado em 2015, 7 mil servidores foram excluídos da folha de pagamento do Estado, gerando uma economia de R$ 21 milhões/ano ao Estado. "Hoje só recebe o salário quem trabalha. O ponto eletrônico é interligado diretamente à folha de pagamento", acrescentou o secretário. 

Atenção 

Um programa batizado de "Centro Integrado de Atenção ao Servidor Público do Estado do Piauí (Ciaspi)" foi criado para atender algumas das demandas do funcionalismo público. 

O secretário da SeadPrev, Franzé Silva, revela que serão 13 programas que incluem o atendimento individualizado em assistência social, psicológico e psiquiátrico, de ordem funcional ou particular por profissionais especializados; programa de capacitação continuada; avaliação de risco do trabalho e processo de aposentadoria. 

“Esse é um dos objetivos do governo em gerar um novo olhar para o agente público, valorizando e cuidando ainda mais de seus servidores. Além disso, estamos dando um passo para nova metodologia de trabalho diferenciado dentro área de trabalho da perícia médica com um sistema informatizado que vai dar celeridade e contribuir para a eficiência do atendimento”, pontuou o secretário da SeadPrev, Franzé Silva.



Fonte: Seadprev
           PiauíHoje.com
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

TSE vai julgar Bolsonaro e Lula por antecipação de campanha eleitoral

Na Corte Eleitoral, a avaliação é a de que esses julgamentos devem estabelecer as balizas que nortearão o entendimento do tribunal sobre o tema nas eleições de 2018

TSE vai julgar Bolsonaro e Lula por antecipação de campanha eleitoral 
 Foto: Ueslei Marcelino/Reuters e Wilson Dias/ Agência Brasil

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) entraram na mira do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por propaganda eleitoral antecipada. A Corte Eleitoral deve julgar ainda neste ano dois processos que envolvem a divulgação na internet de vídeos que fazem referência às candidaturas de Lula e Bolsonaro ao Planalto. Os dois, que lideram as pesquisas, já anunciaram publicamente a intenção de concorrer em 2018.

Na Corte Eleitoral, a avaliação é a de que esses julgamentos devem estabelecer as balizas que nortearão o entendimento do tribunal sobre o tema nas eleições de 2018. A legislação permite a propaganda eleitoral somente a partir de 15 de agosto do ano da eleição e prevê multa de R$ 5 mil a R$ 25 mil para quem violar a restrição.

O primeiro caso que está na pauta é o de Bolsonaro. Em 21 de setembro, o TSE iniciou o julgamento sobre a retirada da internet de vídeos de apoio ao deputado fluminense. O ministro Admar Gonzaga, que havia solicitado mais tempo para analisar o caso, deve devolver o pedido de vista nos próximos dias.

O Ministério Público Eleitoral (MPE) questiona a publicação no YouTube de vídeos que mostram o parlamentar sendo recepcionado em aeroportos por simpatizantes. Para o MPE, as gravações fazem "clara menção à pretensa candidatura" do deputado. Além de acusar Bolsonaro de ter conhecimento prévio das gravações e pedir a retirada do material, o MPE quer que o deputado se abstenha de veicular peças de conteúdo similar até o início do período eleitoral do ano que vêm.

Em um dos vídeos, intitulado "Bolsonaro 2018 Vamos juntos", o narrador fala em "apoiar o futuro presidente". O deputado então diz que "2018 está muito longe, vamos para a rua a partir de agora. A presença de todos ajudará para mostrar que nós não estamos a favor dessa 'canalhada' que está no poder". Único a votar até aqui, o relator do caso, ministro Napoleão Nunes, não viu propaganda eleitoral antecipada nos vídeos.

Academia

O ex-presidente Lula também é alvo de processo no TSE por causa da veiculação de vídeos na internet. Em um deles, intitulado "Ele está voltando", o petista aparece numa academia de ginástica ao som da trilha sonora do filme Rocky - Um Lutador, o que revela a pretensão do ex-presidente em se candidatar, de acordo com o MPE.

"A sociedade muitas vezes aceita de um e reprova o de outro. Mas o juiz não pode julgar assim. Temos de ver a questão do ponto de vista técnico, da afronta ou não à norma legal. O que interessa para a Justiça Eleitoral é a informação sobre o que é permitido ou não porque temos aí um princípio de estatura constitucional, que é a liberdade de manifestação política", afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo o ministro Admar Gonzaga, relator do caso no TSE.

O Ministério Público questionou também ao TSE a participação de Lula na "inauguração popular da Transposição de Águas do São Francisco", em evento ocorrido na cidade de Monteiro, na Paraíba, em março deste ano. "É evidente que tais declarações revelam a inequívoca intenção do ex-presidente em anunciar e promover a sua futura candidatura."

Para o ex-ministro do TSE Henrique Neves, com a redução no prazo de propaganda eleitoral e todas as restrições, não se deve proibir a divulgação de atos políticos na internet. "O que deve ser fiscalizado não é a divulgação, mas se o ato caracterizar abuso."

De acordo com o TSE, não há questionamentos sobre os presidenciáveis Geraldo Alckmin (PSDB), João Doria (PSDB) e Ciro Gomes (PDT).



Fonte: As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


COMENTE!

Ministério tem contratos de R$ 851,9 milhões com Teresina

"São ações que muitas vezes passam despercebidas", disse Henrique Pires

Henrique Pires com Firmino Filho em  Brasília 
 Foto: Assessoria

Com o intuito de promover melhorias na mobilidade urbana e infraestrutura de Teresina, o Ministério das Cidades tem uma cartilha de contratos aprovados na ordem de R$ 851,9 milhões na capital piauiense. Os projetos foram destacados pelo secretário de Saneamento Ambiental da pasta, Henrique Pires, consolidando a expansão metroviária, a qualificação viária de diversas zonas do município, entre outras intervenções. 

"São ações do Governo Federal que muitas vezes passam despercebidas e que estamos acompanhando junto pasta e junto ao Ministério. São investimentos importantes que contem com apoio do presidente Michel Temer e de grade impacto pois tratam da área do PAC Mobilidade", afirma.Os empreendimentos a cargo do Ministério das Cidades buscam concretizar avanços para a população, atendendo a antigos pleitos dos piauienses. Em tal âmbito, a etapa inicial do Plano Diretor de Transporte Urbano e Mobilidade é o projeto mais avançado, com execução de 91,18%. A previsão é que esse empreendimento seja concluído em 30 de janeiro do próximo ano. 

Outras obras prestes a serem concluídas são: a pavimentação e qualificação de vias do Parque Brasil II e III; além da pavimentação e recapeamento de vias do bairro Portal da Alegria, localizado na zona Sul de Teresina. Juntos, esses empreendimentos somam investimentos de R$ 7,4 milhões. Diante da importância da cartilha de contratos e do cumprimento dos prazos para sua execução, Henrique Pires indicou que estará percorrendo os empreendimentos, de modo a garantir a celeridade e eficiência dos trabalhos.

Liberações chegam a R$ 134,8 milhões. 

Para se ter uma ideia do impacto das intervenções em Teresina, o valor liberado com os contratos no município já atinge R$ 134,8 milhões. Assim, entre as obras em execução está o Corredor Norte II, que possui investimento total previsto de R$ 11,3 milhões. Neste caso específico, há algumas pendências a serem resolvidas para agilizar a execução da obra, de modo que a Prefeitura pretende alterar o projeto de ciclovia inicialmente elaborado. 

Para a pavimentação e qualificação de vias urbanas a liberação chega a R$ 12,5 milhões e a conclusão depende apenas de pequenos ajustes na sinalização em alguns pontos. Até o momento, 36% do empreendimento foi concretizado em Teresina. Essa obra deve beneficiar moradores de diversos bairros, possibilitando uma melhor trafegabilidade. Cabe indicar que todos os contratos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Mobilidade), sendo considerados primordiais para o desenvolvimento urbano local. 

Destravando operações 

Com pendências burocráticas para o início das obras, o secretário de Saneamento Ambiental do Ministério das Cidades, Henrique Pires, indicou que estará visitando os empreendimentos e buscará destravar a liberação de recursos para obras orçadas em R$ 601,3 milhões. Intervenções significativas estão previstas com esse montante, como por exemplo, o Viaduto da Barão de Gurgueia, na BR-316, onde as aplicações chegarão a R$ 29 milhões, no intuito de desafogar o trânsito na região. Para o começo da obra, é necessário apenas a finalização do contrato da empresa vencedora da licitação. A ideia é que tanto o ministro das Cidades, Bruno Araújo, como o secretário nacional de mobilidade, José Roberto Generoso, possam vir a Piauí verificar o andamento das obras. 

"Pretendemos visitar as obras que estão em andamento junto com o ministro e levantando ainda os dados e informações sobre os recursos que estão paralisados para saber em que parte do processo não se pode dar continuidade para as liberações para poder destravar estes recursos", acrescenta. Outra obra pendente é a construção da segunda ponte da avenida Poti, dotando investimentos de R$ 37,7 milhões. Nesse caso resta a finalização do processo licitatório, que se encontra em fase de análise técnica das propostas. 



Fonte: Assessoria
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!

03 de novembro de 2017

Irmão diz que Camila foi morta por um covarde

Diego Abreu, 24 anos, gravou vídeo chamando a população para um protesto

No vídeo em que convoca a população do Estado, especialmente as mulheres, para protestar, na próxima quarta-feira, dia 8, em frente ao quartel do comando geral da Polícia Militar do Estado,  contra a violência que atinge mulheres, Diego Wallace Pereira de Abreu, de 25 anos , afirma que sua irmã, Camila Pereira Abreu, "foi assassinada pelas mãos de um covarde".Este é o vídeo.


COMENTE!

Botijão de gás tem aumento de 4,5 por cento

O novo aumento foi anunciado nesta sexta pela Petrobras

O gás de cozinha, para embalagens em botijões de 13 quilos, está mais caro 4,5 por cento, segundo anuncio feito na manhã desta sexta-feira pela Petrobras. A causa do aumento, segundo a estatal, foi a alta nas cotações internacionais Desde que a companhia mudou sua política de preços para o GLP (gás liquefeito de petróleo, o gás de cozinha), em junho, foram seis aumentos e uma única redução, no dia 5 de julho. Nesse período, o produto vendido em embalagens de até 13 quilos acumula aumento de 54. A Petrobras diz que, se o repasse ao consumidor for integral, o botijão de gás ficará 2%, ou R$ 1,21, mais caro. "O reajuste foi causado principalmente pela alta das cotações do produto nos mercados internacionais, influenciada pela conjuntura externa.

Resultado de imagem para botijão de gás

(Foto: Reprodução)

COMENTE!

Camila terminou namoro com Allisson antes de ser morta

Amiga revelou áudios de conversa com Camila Abreu e Allisson Wattson

O casal vivia um relacionamento conturbado 
 Foto: Montagem

Áudios divulgados nas redes sociais por amigas de Camila Pereira de Abreu, 21 anos, assassinada pelo namorado, Allisson Wattson da Silva Pereira, 37 anos, capitão da Polícia Militar do Piauí, na madrugada de quinta-feira (26/11), mostram que a relação entre eles era de medo e desconfiança. Camila afirma na mensagem de voz que havia terminado com o namorado, a quem chama de "descarado". 

“Mulher eu terminei com Allisson, mulher ele é muito descarado. A minha amiga postou uma foto de biquíni e ele comentou: huuum, marquinha, tipo assim, huuum delícia’. Mulher eu tô me sentindo um lixo, só de vergonha. Eu me fechei por aquele homem”, comenta a estudante. 

Ouça o que Camila disse para a amiga!  


Já o áudio de uma mensagem do acusado de assassinar Camila mostra um indivíduo dissimulado, que tenta demonstrar naturalidade, compreensão em relação ao comportamento alegre e espontâneo da jovem. 

Ouça o áudio enviado por Allisson Wattson para uma amiga de Camila! 


Em um outro áudio, enviado depois de ter matado a namorada, Allisson Wattson enviou uma nova mensagem de áudio para a amiga de Camila Abreu tentando demonstrar preocupação com o desaparecimento da estudante. O capitão forjava um álibi para justificar a sua omissão em relação à busca por informações junto à família da universitária.  



Fonte: Policia Civil/ DH 


COMENTE!

02 de novembro de 2017

Empresário e esposa morrem na via de Coelho Neto

O casal havia deixado Teresina com destino a Afonso Cunha.

O empresário João Augusto e sua mulher Maria Antônia Magalhães, filha de Floriano, ex-candidato a prefeito  de Afonso Cunha, no Maranhão, que haviam deixado Teresina com destino àquela cidade cerca de uma hora antes, morreram quando a camioneta Hillux em que viajavam colidiu com um trator no povoado Descanso, a cerca de 70 quilômetros quilômetros entre a capital do Piauí e a cidade de Coelho Neto, na MA-034. O motorista do casal, conhecido como Wellington Cabeção, saiu gravemente ferido. O acidente ocorreu no inicio da noite de ontem, quarta-feira, 1º de Novembro.

Até o momento não se sabe com clareza em que circunstâncias ocorreu o acidente mas a estrada entre o povoado Descanso, que começa a 55 quilômetros de Teresina, cerca de 15 quilômetros antes de Caxias dobrando à direita de quem vai para a cidade maranhense é conhecida por ser estreita e trafegada por motoristas que nem sempre utilizam os equipamentos veiculares funcionando plenamente, como faróis. É muito comum na estrada de Coelho Neto carroças, tratores automóveis e caminhões serem flagrados sem faróis, principalmente os traseiros.

Os corpos do empresário e sua mulher foram levados para Afonso Cunha e o motorista gravemente ferido, segundo consta, está internado no principal hospital de Caxias.

Resultado de imagem para casal de afonso cunha morre em acidente

                                                                (Foto: Reprodução)

COMENTE!

01 de novembro de 2017

“Governo conduziu de forma atropelada votação de projeto na Assembleia”, afirma Luciano Nunes

Luciano afirmou ainda que o projeto chegou camuflado, cheio de monstruosidades que penalizam, especialmente, a população mais carente do Estado na forma de aumento de impostos.

Deputado Luciano Nunes (Foto: Caio Bruno)

A oposição do Estado na Assembleia Legislativa do Piauí votou contrária à mensagem 40 do Projeto de Lei 15290/17 tanto em apreciação na Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, como em votação em plenário na manhã desta quarta-feira. De acordo com o deputado estadual Luciano Nunes, a discussão e apreciação da matéria foi prejudicada pela forma atropelada do Governo de demonstrar sua força.

“Presenciamos hoje na Assembleia Legislativa do Piauí um ataque ao Poder Legislativo por parte do Governo do Estado. Infelizmente, a discussão e apreciação da mensagem 40 do Projeto de Lei 15290/17, que prevê aumento de impostos e de depósitos de recursos de empréstimos na conta única do Estado, foi prejudicada pela forma atropelada do Governo de demonstrar sua força. A oposição na Casa Legislativa defendeu os interesses do nosso povo ao votar contrária à proposta e por não acatar as manobras do Governo, como a que presenciamos hoje com a mudança de membros da Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação para votação, medida contrária ao Regimento Interno da casa, bem como a retirada de deputados suplentes que demonstraram ser contrários à matéria”, disse.

Luciano Nunes afirmou ainda que o projeto chegou camuflado, cheio de monstruosidades que penalizam, especialmente, a população mais carente do Estado na forma de aumento de impostos. “O projeto veio para esta Casa de forma camuflada na forma de Refis, mas que vem pra penalizar o povo do Piauí, quando no seu interior traz um aumento abusivo de impostos. Fomos propositivos e lamentamos a postura do Governo que não admite ser contrariado. Esse Projeto de Lei que foi aprovado hoje pela base governista na Assembleia Legislativa representa uma maldade e quem vai pagar por isso é o cidadão piauiense”, afirmou o deputado.

Os deputados antes da reunião na Comissão tinham solicitado ao secretário estadual de Fazenda, Rafael Fonteles, esclarecimentos sobre algumas questões como quanto implicará a renúncia fiscal prevista no Projeto de Lei igual a estimativa de receita com aplicação de recuperação de crédito e qual a estimativa de orçamento de arrecadação com a majoração dos impostos do refeito projeto. Foi solicitada ainda uma planilha comparativa das alíquotas de ICMS cobrados pelos estados da região Nordeste referente a comercialização de fumo e seus derivados, combustíveis líquidos derivados do petróleo e comunicação, informações que se destinam ao cumprimento estabelecido na Lei de Responsabilidade Fiscal. No entanto, as informações não foram encaminhadas para a Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação.  


Fonte: Assessoria 

COMENTE!

Amiga pediu no sábado para capitão procurar Camila

Frio, o militar alegou não estar de plantão para recusar pedido

Uma das maiores amigas ( o nome é preservado a pedido ) de Camila Abreu, disse, depois do sepultamento, às 10h30min da manhã de hoje, ao jornalista Feitosa Costa, que o capitão Walisson Watson, se recusou, no sábado pela manhã, a ajudá-la a procurar pela universitária, alegando que não estava de plantão. Em outra ocasião apresentou como desculpa o fato de estar sem carro, demonstrando grande tranquilidade o que a deixou mais desconfiada ainda.

Amiga de Camila confidenciaram que primeiro o casal estive no Shopping Riverside e só depois foi para o quiosque da Brahma. De lá, Camila telefonou para uma delas, pouco depois das 22 horas de quinta-feira, quando já estava dormindo, pedindo que fosse ao local para se juntar a ela e ao namorado. A moça disse que não poderia por já ter e recolhido mas diante da insistência acabou concordando e foi ao encontro da amiga, ficando com ela até o momento em que foi deixada em casa, no Vale do Gavião.

Como se conhecera

Camila conheceu o capitão numa festa na casa de Show Kangaço. Ele estava com um grupo de amigos e ela com outro. Pessoas do grupo dela conheciam outras do grupo do capitão e houve uma aproximação. Os dois se conheceram e passaram a conversar. Quinze Dias depois voltaram a se encontrar na churrascaria Cajuína, na zona sul e iniciaram um relacionamento.

A partir dai as brigas começaram e Camila sempre encontrava uma maneira de chamar alguma amiga para ficar perto dela. As brigas do capitão e as demonstrações de Ciúmes doentio começaram logo no inicio do relacionamento. Geralmente a reconciliação era feita no mesmo momento com a interferência das amigas que procuravam acalmar o militar.

Brigas dentro do carro do capitão aconteceram muitas depois que deixavam churrascarias. Houve uma ocasião em que ele estava tão furioso que uma das amigas de Camila passou várias vezes as mãos na cabeça dele pedindo que se acalmasse enquanto dirigia o carro.

Amigas dizem que capitão é frio     

COMENTE!

Cúpula da Segurança avisa: ele vai pagar pelo que fez

"Ele não vai ficar impune, nós vamos leva-lo ao Judiciário”, avisou Barêtta

O capitão chega à Delegacia de Homicídio e o local onde ele desovou o corpo de Camila Abreu 
 Foto: Reprodução Montagem  

Durante a coletiva, na sede da Secretaria de Segurança Pública, na manhã desta quarta-feira, a cúpula da Segurança prometeu concluir o inquérito e levar o criminoso a julgamento na Justiça para responder pela morte da estudante de Direito. O secretário de Estado da Segurança Pública, Fábio Abreu, revelou quais serão os próximos passos da polícia em relação ao feminicídio contra a universitária Camila Pereira de Abreu, que teria sido praticado pelo capitão-PM, 

Allison Wattson da Silva Nascimento, que está preso no quartel do Comando Geral da Polícia Militar, no bairro Ilhotas, na zona Sul de Teresina. “Temos 60 dias para o Conselho de Justificação [da Polícia Militar] fazer os procedimentos e consequentemente excluir ele [o capitão Allisson Nascimento] da corporação. Ele está no presídio militar [no QCG], mas, a partir do momento que ele for expulso, vai para um presídio comum. Acredito que no máximo em 15 dias o inquérito já esteja finalizado e seja encaminhado para a Justiça”, previu Fábio Abreu. 

O delegado-geral de Polícia Civil, Riedel Batista, explicou que conclusão do inquérito que apura o assassinato de Camila Abreu continua como prioridade na Delegacia de Homicídio. 

“Foi feito o interrogatório dele ontem e o corpo foi encontrado, mas ainda faltam as perícias criminais, tanto no veículo, como no corpo da vítima e também alguns depoimentos que serão tomados ainda pela Delegacia de Homicídios. Então a gente está dando prioridade a esse caso, toda a equipe de homicídios está trabalhando para que a gente fique robusto de provas, para que o promotor do júri tenha condições de denunciar o assassino à Justiça”. 

O coordenador da Delegacia de Homicídios, delegado Francisco Costa, o “Barêtta”, considerou gratificante chegar à autoria de crime violento e de grande repercussão como o de Camila. “A gente poder dar uma resposta a sociedade, mas uma resposta satisfatória, com toda celeridade e com todos os indícios que podem levar a condenação desse indivíduo que praticou esse ato criminoso, covarde contra a mulher. 

O secretário de Estado da Segurança Pública, Fábio Abreu, revelou quais serão os próximos passos da polícia em relação ao feminicídio contra a universitária Camila Pereira de Abreu, que teria sido praticado pelo capitão-PM, Allison Wattson da Silva Nascimento, que está preso no quartel do Comando Geral da Polícia Militar, no bairro Ilhotas, na zona Sul de Teresina. 

“Temos 60 dias para o Conselho de Justificação [da Polícia Militar] fazer os procedimentos e consequentemente excluir ele [o capitão Allisson Nascimento] da corporação. Ele está no presídio militar [no QCG], mas, a partir do momento que ele for expulso, vai para um presídio comum. Acredito que no máximo em 15 dias o inquérito já esteja finalizado e seja encaminhado para a Justiça”, previu Fábio Abreu. 

O delegado-geral de Polícia Civil, Riedel Batista, explicou que conclusão do inquérito que apura o assassinato de Camila Abreu continua como prioridade na Delegacia de Homicídio. 

“Foi feito o interrogatório dele ontem e o corpo foi encontrado, mas ainda faltam as perícias criminais, tanto no veículo, como no corpo da vítima e também alguns depoimentos que serão tomados ainda pela Delegacia de Homicídios. Então a gente está dando prioridade a esse caso, toda a equipe de homicídios está trabalhando para que a gente fique robusto de provas, para que o promotor do júri tenha condições de denunciar o assassino à Justiça”. 

O coordenador da Delegacia de Homicídios, delegado Francisco Costa, o “Barêtta”, considerou gratificante chegar à autoria de crime violento e de grande repercussão como o de Camila. “A gente poder dar uma resposta a sociedade, mas uma resposta satisfatória, com toda celeridade e com todos os indícios que podem levar a condenação desse indivíduo que praticou esse ato criminoso, covarde contra a mulher. Ele não vai ficar impune, nós vamos levar ele ao poder Judiciário”, avisou Barêtta. 



Fonte: Policia Civil 

COMENTE!

Revolta e comoção no enterro de Camila

Não houve velório por causa do estado do corpo da estudante

Seu Carlito Abreu chora sobre o caixão da neta, que morava com ele e a avó 
 Foto: Reprodução/ WhatsApp

Camila Breu, 21 anos, supostamente assassinada pelo Capitão PM Wallisson Watson, foi sepultada às 10h30min de hoje, no Cemitério do São Cristóvão sob clima de muita comoção e palavras de revolta.


COMENTE!

Robert Rios chama Wellington Dias de vampiro

Ele elogiou o senador Ciro Nogueira, que se reuniu com as lideranças do PP e disse não concordar com o aumento de impostos

 
 Deputado Robert Rios (Foto: Reprodução)

O deputado Robert Rios (PDT) chamou o governador Wellington Dias (PT) de vampiro, por ele estar aumentando impostos, e disse que não sabe o que passa pela cabeça do governador, pois o povo já vive sacrificado, muitas vezes sem condições até para se deslocar para o centro da cidade, fazendo economia até mesmo em sua alimentação.

No início de seu pronunciamento Robert Rios rebateu matérias que circulam nos portais, apontando-o como responsável por má gestão de recursos quando foi secretário de Segurança. Ele disse que não fez nada de errado e questionou o teor das notícias, que não envolvem o governador de então, mais responsável que o secretário.

O deputado estimou que a Assembleia descumprirá o regimento interno na sessão seguinte, ao aprovar em regime de urgência urgentíssima o projeto do aumento de impostos. Ele elogiou o senador Ciro Nogueira, que se reuniu com as lideranças do PP e disse não concordar com o aumento de impostos, chegando a colocar os cargos à disposição do governo.

Em aparte, o deputado Gustavo Neiva (PSB) criticou também a urgência no projeto de aumento dos impostos, quando os gastos do governo não sofrem qualquer redução. Ele apontou o Estado do Maranhão como um bom exemplo, pois o governador Flávio Dino fez foi reduzir o ICMS.

O deputado Dr. Pessoa (PSD) disse não entender também o que se passa com o governador Wellington Dias, enquanto elogiou o governador do Maranhão pela redução do ICMS. Ele disse que nem morto e ressuscitado votaria a favor do aumento de impostos proposto pelo governo.

O deputado Robert Rios concluiu seu pronunciamento citando os exemplos de Ulysses Guimarães e Teotônio Vilela, para em seguida pedir ao PMDB que tome a mesma decisão do PP de Ciro Nogueira em relação ao aumento de impostos no Estado.


Raimundo Cazé – Edição : Katya D’Angelles
Fonte: ALEPI 

COMENTE!

Caso Camila: delegado rechaça tese de disparo acidental

Capitão-PM alegou que a arma disparou durante uma briga do casal

Perito examina o corpo de Camila Abreu. O capitão-PM Alisson Wattson, no detalhe 
 Foto: Montagem

O delegado de Polícia Civil Emerson Almeida, que preside o inquérito de homicídio e ocultação de cadáver praticado contra a estudante universitária Camila Pereira de Abreu, 21 anos, pelo capitão-PM Allisson Wattson da Silva Nascimento, 37 anos, refutou a tese de “disparo acidental”, apresentada pela defesa do acusado, que está preso no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, no bairro Ilhotas, em Teresina. 

“O acusado sustenta a tese de que houve um acidente, de que houve uma discussão preliminar entre ele e sua namorada e que ela teria pego a arma dele e apontado para ele. Nesse momento, ele teria dado um golpe e, durante esse golpe, ela estaria com o dedo no gatilho e a arma teria disparado. Ele alegou que entrou em desespero, que, por ser uma pessoa ligada a ele, ele ficou em estado de choque e resolveu jogar o copo naquele local”, revelou o delegado, durante coletiva na sede da Secretária de Estado da Segurança Pública, da qual também participaram o secretário Fábio Abreu, e o delegado-geral de Polícia Civil, Riedel Batista. 

Provas robustas

Emerson Almeida elencou as várias provas e depoimentos que jogam por terra toda a versão montada pela defesa de que o disparo foi acidental, principalmente a ocultação do cadáver e a tentativa de destruição de provas. 

“Ele afirma que não a matou dolosamente e sim, que foi um acidente. Mas nós não acreditamos na tese dele. Pelas circunstâncias que norteiam esse caso, pelo momento dentro do veículo, ele sendo um capitão da Polícia Militar, nós acreditamos sim, que houve um homicídio e não um acidente. Nós temos o veículo, que é a prova maior, onde ela foi morta. Esse veículo se encontra apreendido e está sendo periciado. Ele foi preso temporariamente. A representação dessa prisão teve como motivo a questão do feminicídio, a impossibilidade de defesa da vítima, por ter um relacionamento anterior com a vítima e a questão da ocultação do cadáver”, relacionou o delegado. 

As equipes da Delegacia de Homicídio, coordenadas pelo delegado Francisco Costa, o Barêtta, continuam em campo, trabalhando para reunir o maior número de provas e depoimentos, capazes de refutar o conteúdo do depoimento do capitão. 

“Vamos fazer a perícia [no corpo da vítima] para saber se ela tentou se defender, para saber se havia alguma outra lesão no corpo. Porque o corpo estava muito deteriorado, existiam muito indícios de agressão ao corpo, que pode ter sido provocado por animais ou até mesmo pela própria ação de decomposição do corpo. Então só após essa perícia poderemos concluir o inquérito”, adiantou Emerson Almeida. 

Perito examina o corpo de Camila Abreu. O capitão-PM Alisson Wattson, no detalhe
Peritos examinam o corpo de Camila Abreu no local onde foi desovado pelo capitão-PM Alisson Wattson (no detalhe)



Fonte: Policia Civil/ DH 

COMENTE!

31 de outubro de 2017

Camila estava em decomposição em cima de folhas

As folhas evitaram que aves de rapina encontrassem o corpo

O corpo de Camila Abreu,de 21 anos, foi ocultado pelo capitão Wallisson Watson na localidade Mucuim, povoado que fica cerca de 3 quilômetros saindo da BR 343 depois da linha de trem do lado direito de quem está chegando a Altos saindo de Teresina.O corpo estava em decomposição e foi localizado sobre umas folhas caídas de um matagal existente na região. O promotor João Mendes Benigno Filho acompanhou toda a triste operação da pericia com investigadores da Delegacia de Homicídios.O local fica perto do sitio do coronel  Walker, da Polícia Militar do Estado.

O capitão confessou a autoria do crime e neste momento continua sedo ouvido na Delegacia de Homicídios sob acompanhamento de seus advogados. Depois de presenciar a localização do cadáver, o promotor João Mendes Benigno Filho se deslocou rapidamente para a Delegacia com a finalidade de acompanhar o depoimento do acusado que se encontra preso provisoriamente por 30 dias depois que o Juiz Moura, da Central de Flagrantes, atendeu a solicitação do delegado Francisco das Chagas Santos Costa, o Barreta.

A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up

Camila Abreu   

COMENTE!

Corpo de Camila está sendo removido agora

Camila foi encontrada sobre umas folhas no povoado Mucuim perto de Altos

O corpo da Universitária Camila Pereira Abreu, de 21 anos, está sendo removido neste momento por peritos do Instituto Medico Legal, policiais da Delegacia de Homicidios sob a supervisão do promotor de Justiça João Mendes Benigno Filho.

Resultado de imagem para camila abreu

Camila Pereira Abreu     (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Psicotécnico teria reprovado namorado de Camila

A informação reservada é de um oficial da Polícia Militar

Pedindo omissão de seu nome em provável noticiário, um oficial da Polícia Militar do Estado com mais de 40 anos de idade, confidenciou, esta manhã, para o jornalista Feitosa Costa, editor deste blog, que o capitão PM Wallisson Wattson, principal suspeito de ter assassinado e ocultado o cadáver da namorada Camila Pereira Abreu, estudante de direito, não passou no teste psicotécnico do concurso a que foi submetido tendo recorrido à Justiça para ser integrado à corporação. Este blog tem trabalhado nas últimas horas para confirmar a informação.

O que se sabe é que o caso do capitão não seria o único em concursos realizados no Piauí em que concorrentes teriam recorrido à Justiça para assumir cargos em órgãos que exigiram o exame psicotécnico.

Resultado de imagem para namorado de Camila Abreu

Wallisson Wattson    (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Flávio Dino emite os primeiros sinais de dificuldades para pagar salários dos servidores

O próprio Flávio Dino quem alertou os prováveis entraves para honrar a folha a partir de dezembro do próximo ano.

Para quem vinha alardeando que não haveria dificuldades em pagar o funcionalismo público, hoje o governo emitiu o primeiro sinal de que as finanças não andam equilibradas e que o pagamento do 13º Salário ainda é incerto. Aliás, foi o próprio Flávio Dino quem alertou os prováveis entraves para honrar a folha a partir de dezembro do próximo ano.

 
  Governador Flávio Dino (Foto: Reprodução)

A Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan) vai licitar, a partir do dia 7 de novembro, terça-feira, a contratação de uma instituição financeira para efetuar o pagamento da folha de mais de 114 mil funcionários, entre ativos e inativos.

Ora, o serviço já vem sendo prestado pelo Banco do Brasil, e o estado pretende negociar ao mínimo R$ 215 milhões para ajudar no pagamento dos servidores e espera arrecadar esse montante agora em novembro para quitar o 13º até 20 de dezembro.

Vejam os amigos leitores que o mesmo processo para arrecadar dinheiro aconteceu no estados em crise para pagar seus servidores, como Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e mais outros cinco. Levantamentos apontam que 14 estados dos 26 terão dificuldades para pagar o 13º, mas o Maranhão continua de fora.

Pelo edital, o banco que ganhar os serviços de pagamentos, pagará, no mínimo, R$ 215 milões no prazo de cinco dias, em parcela única, a partir da data da assinatura do contrato.

E ainda tem mais uma confusão pela frente. Caso o Bradesco, que costuma jogar alto, apresentar uma proposta melhor e ganhar a concorrência, os servidores que possuem empréstimos consignados terão dores de cabeça e muitas cobranças.  


Fonte: Blog do Luís Cardoso 

COMENTE!

Irmãos amarram, amordaçam e estupram uma idosa

Os facínoras aproveitaram a ausência do marido da mulher de 74 anos

A revolta tomou de conta da população do município de Tibiras, no Estado do Maranhão: dois irmãos, Fabio Sousa Silva e Francinaldo de Sousa e Silva  estupraram uma senhora de 74 anos e deficiente visual. Depois de presos, os dois irmãos, que estão sendo chamados de monstros, confessaram a autoria do crime.

Tudo aconteceu no povoado Chapéu, depois que o companheiro da mulher saiu para realizar algumas tarefas. Os dois irmãos entraram na casa enquanto a vítima dormia numa rede. Eles cortaram os punhos e a mulher caiu.

Altamente violentos os dois  amarraram a mulher e a amordaçaram para em seguida estuprá-la. Os dois monstros foram presos e transferidos para um presídio em Codó por causa da revolta da população.

Os dois monstros    (Foto: Reprodução)

COMENTE!

Mercado financeiro pode apoiar Bolsonaro para barrar Lula, diz jornal

Eleição do ex-presidente provocaria disparada do dólar, dizem analistas

Mercado financeiro pode apoiar Bolsonaro para barrar Lula, diz jornal 
 Foto: DR

Analistas do mercado financeiro estariam cogitando apoiar o deputado federal Jair Bolsonaro em eventual segundo turno contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva na eleição presidencial de 2018.

As informações são da coluna do Estadão desta segunda-feira (30).

Economistas temem que a vitória do petista provocaria disparada no preço do dólar, com projeções que chegam a R$ 6. Pelo menos dois institutos de pesquisa indicam possibilidade de segundo turno entre os presidenciáveis.

O levantamento do Ibope prevê Lula com 35% dos votos, contra 15% de Bolsonaro. Os cálculos mostram que o ex-presidente já garantiu cerca de 30% do eleitorado e poderia ser beneficiado com altas taxas de abstenção.



Fonte: Noticia ao Minuto 

COMENTE!

Camila está morta, afirma delegado Bareta

A policia agora procura o corpo da estudante, que tinha 22 ano.

A estudante de direito Camila Pereira de Abreu, de 22 anos, desaparecida há cinco dias, está morta. A confirmação foi feita no inicio da manhã de hoje, em Teresina, pelo delegado de Homicidios, Francisco das Chagas dos Santos Costa, o Bareta que agora para descobrir onde se encontra o corpo da moça. O capitão PM Wallisson Wattson da Silva Nascimento , namorado dela, é o principal suspeito e teve a sua prisão temporária solicitada pelo delegado.

Camila Abreu     (Foto: Reprodução)

COMENTE!

30 de outubro de 2017

Robert Rios alerta para cumprimento do regimento interno da Alepi

O parlamentar observou que o Regimento Interno feito pela Casa e tem que ser exigido e alertou que a oposição poderá buscar o Poder Judiciário

 
 Deputado Robert Rios (Foto: Reprodução)

A fala do deputado Robert Rios (PDT), nesta manhã de segunda-feira, dia 30, durante o tempo de dois minutos, foi, segundo ele, para alertar sobre o cumprimento do Regimento Interno da Casa em relação a tramitação da Mensagem nº40  do Governo do Estado.

“O Regimento Interno, é como uma receita de bolo, se não for atendido, o bolo não sai bom. E o Regimento Interno é muito claro, aprovado o regime de urgência, urgentíssima, na próxima sessão, que é amanhã, Vossa Excelência tem que botar na Ordem do Dia. Se não tiver o parecer, a comissão que deveu o parecer, tem duas sessões para apresentar. Se não apresentar, ele é votado de todo jeito.”, disse.

O parlamentar observou que o Regimento Interno feito pela Casa e tem que ser exigido e alertou que a oposição poderá buscar o Poder Judiciário, para que o Regimento Interno possa ser cumprido, já que ele tem força de lei.

“O Regimento Interno diz que amanhã, tem que está na Ordem do Dia, se tiver parecer, vota. Se não tiver parecer, tem mais duas sessões, para a comissão que deve o parecer, que é a Comissão de Finanças, apresentar o parecer. Vossa Excelência não poder permitir que o Regimento Interno, que é muito caro a essa Casa, seja mutilado por química. O Regimento é jurídico e a química não pode mutilar”, ressaltou Robert Rios, acrescentando que o Regimento deve ser observado.


Lindalva Miranda - Edição: Katya D'Angelles
Fonte: ALEPI 

COMENTE!

Rafael Fonteles expõe situação contábil e fiscal no TCE-PI

O presidente Olavo Rebelo, conselheiros e técnicos do TCE participaram da exposição

Secretário Rafel Fonteles expõe a situação contábil e fiscal aos conselheiros e técnicos do TCE-PI 
 Foto: TCE/PI

O secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles, foi ao Tribunal de Contas do Estado, na manhã desta segunda-feira (30), para prestar contas da situação contábil e fiscal do Estado, atendendo à proposição do conselheiro Kennedy Barros, relator do processo de prestação de contas do governo. Participaram da exposição o presidente do TCE-PI, conselheiro Olavo Rebelo, conselheiros e técnicos do TCE-PI. 

Rafael Fonteles expôs a evolução das receitas e despesas do Estado e o cumprimento das metas fiscais da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) relativas ao segundo quadrimestre de 2017 (maio a agosto). Fonteles também falou sobre os empréstimos e o decreto que anulou os empenhos do Estado, assinado no início do mês de outubro. 

Segundo RAfael Fontesl, o Executivo ultrapassou o limite prudencial estabelecido pela LRF, que é de 46,55%, ao gastar 46,7% da Receita Corrente Líquida (RCL) com pessoal. 

O secretário adiantou que o Estado conseguiu aumentar suas receitas próprias e reduzir o custeio da máquina, mas o aumento das despesas previdenciárias continuam provocando um desequilíbrio nas contas públicas. “Nós gastamos R$ 1,7 bilhão com pagamento de aposentadorias e benefícios previdenciários, mas arrecadamos apenas R$ 700 milhões para este fim. Ou seja, temos aí um déficit anual de R$ 1 bilhão”. 

Além dos técnicos da Diretoria de Fiscalização da Administração Estadual e da Diretoria Administrativa, também ouviram a exposição do secretário, o procurador-geral do Ministério Público de Contas, Plínio Valente. Representantes do Tribunal de Contas da União (TCU), da Controladoria-Geral da União (CGU) e do Ministério Público Estadual, que compõem a Rede de Controle da Gestão Pública no Piauí, também participaram da reunião no TCE-PI.  


Fonte: TCE/PI 


COMENTE!

Delegacia de Homicídio investiga desaparecimento de estudante

Secretário de Segurança determinou que a DH investigue o sumiço de Camila Abreu

Camila Abreu está desaparecida desde quarta-feira (25) 
 Foto: Arquivo Pessoal

A secretário de Estado da Segurança Pública, Fábio Abreu, determinou quer a Delegacia de Homicídio investigue o desaparecimento da estudante de Direito, Camilla Pereira de Abreu, de 21 anos, desde a madrugada de quarta-feira (25), quando saiu com o namorado, um oficial da Polícia Militar do Piauí, e uma amiga.

O coordenador da Delegacia de Homicídio, delegado Francisco Costa, o Baretta, adiantou que a DH entrou no caso por ordem do próprio secretário Fábio Abreu e que as equipes de investigadores estão em campo.

Segundo informações divulgadas nas rádios de Teresina, na manhã desta segunda-feira (30), o namorado da estudante, que seria major-PM já teria se apresentado com um advogado. Camila namora o PM há dez meses.

Nas redes sociais, nos comentários postados dos portais de notícia, amigos falam sobre o comportamento violento do oficial, que seria ciumento e agressivo com a namorada, tendo obrigado a mesma a encerrar as contas nessas redes sociais. “Ela só tem o instagram”, comentou uma. “Segundo as amigas dela o namorado dela era um louco só vivia batendo nela”, postou Fábio Sousa, ao comentar uma informação em portal de notícia. 

Camilla Abreu
Camila Abreu, 21 anos, desaparecida desde quarta-feira (25/10/2017)

Entenda o caso

Na quarta-feira (25), Camilla Abreu foi para a faculdade e assistiu a uma aula apenas. O namorado policial militar já estaria aguardando a jovem no carro para saírem. “Ela passou pouco tempo na sala”, contou uma amiga. Da faculdade, os dois foram para o um shopping, onde beberam chop em um quiosque. Depois, os dois saíram para um bar no bairro Morada do Sol, na zona Leste da cidade. 

“Ela me ligou pedindo que eu fosse para o bar que ela pagava meu Uber, eu fui, por volta das 01h40 ela foi me deixar em casa com o namorado e depois ele foi deixar ela em seguida. Ela estava embriagada”, contou a amiga que foi quem viu Camila Abreu viva pela última vez. 

“Ela estava acompanhada do namorado e de uma amiga nesse bar. De lá eles saíram para deixar essa amiga em casa no Vale do Gavião e depois o namorado informou que deixou ela no portão de casa e saiu. Depois disso não temos mais notícia nenhuma dela. Conversamos com o namorado dela por telefone e ele nos disse apenas isso”, lembrou o tio de Camila, o cabo-PM Jandeilton, acrescentando que a família registrou um Boletim de Ocorrência no 6º Distrito Policial (Piçarra).

O mais estranho é que o celular da jovem foi encontrado pelo caseiro de um sítio situado à margem da BR-343, na saída para Altos. O caseiro ligou para a família do próprio celular. 

Quem souber qualquer informação que possa levar ao paradeiro de Camila Abreu deve ligar para (86) 99461-4368, 99477-9434 e 98864-7520. O sigilo da informação é garantido, avisa o tio da jovem desaparecida.


Fonte: Polícia Civil/ DH 

COMENTE!

29 de outubro de 2017

Governador prestigia exposição fotográfica no Museu do Piauí

Imagens retratam a diversidade de olhares e paisagens encontradas em vários cantos do Nordeste.

Foto 
 Foto: Francisco Leal

O governador Wellington Dias participou neste sábado (28), do lançamento do livro “Por aí...”, que reúne registros do fotógrafo piauiense João Freitas Filho. O evento foi realizado Museu do Piauí Casa de Odilon Nunes (MUP), local que também abriga exposição com 40 fotografias selecionadas da obra do fotógrafo. 

“Essas imagem representam centenas de quilômetros rodados. O livro contempla 18 temas sobre o Nordeste, sendo que 80% se refere ao Piauí”, conta o fotógrafo. O título escolhido retrata bem a diversidade de olhares e paisagens encontradas em vários cantos do Nordeste pelo fotógrafo que visitou comunidades quilombolas, assentamentos rurais e mercados populares. 

O professor Cineas Santos, presidente do Conselho Estadual de Cultura e amigo próximo do fotógrafo, comentou sobre a exposição. “A grande transformação na vida do João deu-se quando ele descobriu a mágica que é eternizar a efemeridade do instante numa foto bem feita. Uma fotografia é aquela que o fotógrafo capta a alma e é isso que podemos sentir aqui”, afirma Cineas. 

João Freitas Filho é piauiense, advogado por formação, mas atuou nos mais diversos campos da atividade humana. Industrial, empreende nos mercados de alimentos, agricultura e energia. Ambientalista, é fundador e presidente da organização não governamental maisvida.eco.br. João recebeu 18 menções honrosas no 13º Annual Lucie International Photography Award, na categoria não profissional, e 15 menções honrosas no 14º Annual Lucie International Photography Awards Winners, na categoria Profissional. 

O Museu do Piauí funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados e domingos, de 8h às 12h. 


Fonte: Governo do Piauí 

COMENTE!

Ibope indica segundo turno entre Lula e Bolsonaro em 2018

Primeira pesquisa do instituto sobre as próximas eleições presidenciais revela que Lula venceria o pleito em todos os cenários em que aparece

O ex-presidente Lula e o deputado federal Jair Bolsonaro aparecem como favoritos na disputa presidencial
(Jefferson Coppola/Dedoc e Cristiano Mariz/VEJA.com)  

O ex-presidente Lula e o deputado federal Jair Bolsonaro iriam para o segundo turno se as eleições presidenciais fossem hoje, segundo pesquisa do Ibope publicada na coluna do jornalista Lauro Jardim no jornal O Globo deste domingo.

A primeira pesquisa do instituto sobre as eleições de 2018 trouxe Lula com mínimo de 35% e máximo de 36% nas intenções de voto em todos os cenários, enquanto Bolsonaro teria 15% se disputasse contra Lula.

Marina Silva é a terceira colocada em qualquer cenário com Lula, com entre 8% e 11%. Sem Lula, o primeiro lugar na intenção de votos apresenta um empate entre Marina e Bolsonaro – cada um teria 15%.

Na pesquisa espontânea, que não apresenta nomes ao entrevistado, Lula apareceu com 26% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro com 9% e Marina Silva com 2%.

Segundo o jornal, a pesquisa do Ibope foi feita entre 18 e 22 de outubro, com cerca de 2 mil pessoas em todos os estados do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

O apresentador de televisão Luciano Huck também teve o nome testado na pesquisa do Ibope, e variou de 5%, em eventual disputa com Lula, a 8%, em caso de Haddad ser o candidato petista.

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, teve entre 0 e 1%, dependendo dos adversários.



Fonte: Veja (Com Reuters)


 



COMENTE!

‘Logo anunciarei a decisão’, diz Marina Silva sobre candidatura

A ex-ministra participou de evento da Rede em Porto Alegre; políticos do partido ventilam a possibilidade de Ayres Britto, ex-STF, concorrer à Presidência

Marina, em Porto Alegre: a ex-ministra recebeu 22,2 milhões de votos na última eleição presidencial
(Paula Sperb/VEJA)

Pacientemente, a ex-ministra Marina Silva tem repetido a resposta para a pergunta que mais escuta ultimamente: disputará a presidência? “Minha candidatura ainda está em processo de definição”, disse a jornalistas durante o Encontro Estadual do seu partido, a Rede Sustentabilidade, em Porto Alegre, na manhã deste sábado. “Logo anunciarei a decisão”, complementa.

Em 2014, Marina Silva recebeu 22,2 milhões de votos no primeiro turno da corrida ao Planalto, ficando em terceiro lugar. Sobre a disputa anterior, Marina disse que foi marcada pela “campanha do ódio, da corrupção, da mentira e do medo”.

A ex-ministra tem viajado pelo Brasil para participar de encontros de seu partido. Antes de falar aos correligionários em Porto Alegre, palestrou sobre sustentabilidade para universitários na noite de sexta-feira em São Leopoldo, na região metropolitana, na Unisinos. “Voltei agora de Sergipe, estou no Rio Grande do Sul hoje, amanhã estarei em São Paulo, essa é a minha rotina de vida”, comentou.

Enquanto Marina não anuncia sua decisão, políticos da Rede ventilam outras possibilidades para a candidatura própria. Se antes já se falava na chance de uma chapa com o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa, agora é o nome do também ex-ministro do STF Carlos Ayres Britto que tem ganhado força na Rede. Políticos estaduais ouvidos por VEJA confirmam que Ayres Britto já foi sondado sobre 2018.

“O ministro Ayres Britto é um amigo querido, conversamos muito, mas nunca falamos sobre filiação. Ele nunca declinou nenhum interesse para participar do processo político eleitoral. Ele é uma figura política que tem ajudado muito o Brasil”, disse Marina sobre a participação do jurista em uma chapa majoritária.

“Tem que ver se ele está disposto. É uma possibilidade também, pela proximidade [com Marina]”, disse a VEJA o deputado federal João Derly (Rede-RS).

“Marina diz que tem uma relação muito boa com o Ayres Britto e tem falado também com o Joaquim Barbosa, mas sem dúvida que são grandes nomes e seriam muito bem-vindos”, disse à reportagem o vereador Mauro Pinheiro (Rede), de Porto Alegre.

Sobre a polarização política que tem dividido o país, Marina disse que “se multiplica como pepino na cerca”, expressão em referência à planta trepadeira que se desenvolve com rapidez. E considera o fenômeno como prejudicial ao país. “O Brasil é um país que tem vivido sobre a égide da polarização: República x Império, Arena x MDB, Ditadura x Democracia, PT x PSDB. Isso tem feito muito mal para a sociedade brasileira. Esse é um momento de encontrar um caminho que não seja do embate, do ódio, que se discuta as propostas e não os rótulos como foi em 2014. Em 2014, não se debateu o Brasil”, falou.




Fonte: Veja 


COMENTE!

28 de outubro de 2017

PRTB, PRP, PSL e PSC vão se coligar

Reunião

Os partidos PRTB, PRP, PSL e PSC estiveram reunidos durante um café da manhã para unirem forças para as eleições de 2018. As siglas  devem se coligar na busca de elegerem quatro deputados estaduais e um deputado federal.

Deputado estadual Fernando Monteiro esteve em reunião com o presidente nacional do PRTB, Levy Fidelix. Foram debatidas estrategias para as eleições de 2018.

COMENTE!

Lula comemora 72 anos: 'não vou roubar para envergonhar milhões'

O ex-presidente contou que, aos 12 anos, tinha vontade de roubar maçã para comer, mas nunca o fez para não envergonhar a mãe

Lula comemora 72 anos: 'não vou roubar para envergonhar milhões' 
 Foto: Reuters / Ueslei Marcelino

No dia do seu aniversário, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que "não é aos 72 anos que vou roubar um centavo para envergonhar milhões e milhões de pessoas que a vida inteira confiaram em mim".

"Não é agora que sei o que eu represento para este país, eu sei o que nós fizemos por esse país, eu, a Dilma [Rousseff] e o PT, o Brasil nunca foi tão respeitado", emendou ao lado da ex-presidente.

O ex-presidente contou que, aos 12 anos, tinha vontade de roubar maçã para comer, mas nunca o fez para não envergonhar a mãe. Lula voltou a dizer que é inocente das acusações de corrupção na Lava Jato e que buscas da Polícia Federal não acharam dinheiro em sua casa.

Nesta sexta (27), Lula discursou em Montes Claros (MG), no quinto dia de sua caravana por Minas Gerais. O petista disse que não iria comemorar seu aniversário, pois a morte de sua esposa, Marisa Letícia, em fevereiro, estava muito recente.

"Se eu fosse respeitar a lógica de aniversário, eu não estaria aqui hoje, estaria com meus filhos que queriam fazer uma festa, mas faz pouco tempo que a Marisa morreu e eu vou esperar dar pelo menos um ano, vou comemorar só em 2018", disse.

Em um discurso nostálgico, Lula lembrou sua trajetória do sertão de Pernambuco à Presidência, passando pelas derrotas em eleições anteriores a 2002, quando foi eleito.

"Eu só sou o que sou por causa de vocês. É a evolução política de vocês, é a evolução da compreensão de vocês dos problemas deste país que fizeram com que, um dia, vocês tivessem coragem de votar num metalúrgico sem diploma universitário para ser presidente desse país", disse.

"O povo demorou a compreender que estava na hora de colocar alguém igual a vocês pra saber se a gente conseguia governar melhor que eles."

Lula também se comparou a Tiradentes, afirmando que, embora o herói mineiro tenha sido morto, suas ideias de liberdade e independência permaneceram.

"Estão tentando me destruir desde que nasci. Tentem destruir o Lula, vocês nunca vão conseguir, porque o Lula não é o Lula, é uma sintrense daquilo que são milhões e milhões de mulheres e homens. Lula é uma idéia criada por vocês", disse.Ao final do discurso, Lula ganhou um bolo e o público cantou parabéns.

PRÉ-SAL

O leilão de áreas do pré-sal desta sexta, que arrecadou R$ 6,15 bilhões, foi lembrado por petistas que acompanharam o discurso de Lula, inclusive a ex-presidente Dilma.

Referindo-se ao impeachment como golpe e ao governo Michel Temer (PMDB), disse que "hoje eles começaram a vender por preço de banana as riquezas deste país".

Dilma afirmou também que a eleição de 2018 só será válida com a participação de Lula, ameaçado de concorrer devido à condenação na Lava Jato.

"Barrar o golpe agora é impedir que em 2018 tenhamos uma eleição fajuta, viciada e de cartas marcadas."

Estavam presentes ainda a presidente do PT e senadora, Gleisi Hoffmann (PT-PR), e o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), além de deputados federais e estaduais.

O comício terminou com Lula, Dilma, Gleisi e deputados de mãos dadas ao som de "Amigos para Sempre".

Fonte: Com informações da Folhapress.



COMENTE!

27 de outubro de 2017