Feitosa Costa

Ciro Nogueira avisa que PP ter candidato ao governo em 2022

Ciro e Wellington se reuniram em Brasília para avaliar a situação financeira do Estado

Wellington Dias com Ciro Nogueira em Brasília 
 Foto:Divulgação/Jailson Soares

O Partido Progressista terá candidato a governador no Piauí, mas somente em 2022. Ou seja, o PP vai apoiar a reeleição do atual governador do Piauí, Wellington Dias, agora em 2018 e a aliança será mantida nos quatro anos do quarto mandato do governador petista. O senador Ciro Nogueira, presidente nacional do PP, recebeu o governador Wellington Dias para um café, na residência dele em Brasília, quando analisaram a situação financeira do Estado. 

Aliás, o rombo no caixa do Estado provocado pelas quedas sucessivas nos repasses federais ao Piauí foi o princopal motivo da peregrinação do governador do Piauí na Câmara e no Senado, onde se encontrou com os presidentes Rodrigo Mais (DEM-RJ) e Eunício Oliveira (PMDB-CE). 

"Estamos vivendo o nosso melhor momento. Com certeza, se vai ser o senador Ciro, se vai ser outro nome do partido, em 2022 nós vamos ter candidato [ao governo do Piauí]. O partido tem dimensão para isso, tem quadros que podem fazer um grande trabalho, e com certeza nós vamos ter candidato, ou o senador Ciro ou qualquer outro membro do partido, em 2022", revelou o senador em entrevista na TV. 

Sobre o episódio Refis, Ciro Nogueira minimizou, afirmando que PT e PP são os dois maiores partidos do Piauí. ”Vamos ter problemas sistemáticos. São partidos muito grandes, existem disputas locais. É uma situação localizada. Nós nunca colocamos em cheque a nossa aliança com o governador. É uma aliança que não está começando agora, ela se iniciou na eleição de governador [em 2014]", lembrou o senador.  



Fonte: PP
Editor: Paulo Pincel 

COMENTE!